Cientistas poderão criar campos magnéticos na Terra tão fortes quanto buracos negros

Um novo estudo sugere a possibilidade de os cientistas serem capazes de criar campos magnéticos na Terra que se assemelhem à força daqueles observados em buracos negros e estrelas de neutrões, no Espaço.

De acordo com um novo artigo publicado na Scientific Reports, esses campos magnéticos super fortes – que seriam criados através da explosão de microtúbulos com lasers – são importantes para a realização de pesquisas de física, ciência dos materiais e astronomia.

A maioria dos campos magnéticos na Terra, mesmo os artificiais, não são particularmente fortes. A técnica de imagiologia por ressonância magnética (IRM) usada em hospitais produz, normalmente, campos de cerca de 10 mil gauss (1 tesla) – sendo que o campo geomagnético que oscila as agulhas da bússola regista entre 0,3 e 0,5 gauss.

Algumas máquinas de ressonância magnética usadas para pesquisa criam campos de 105 mil gauss (10,5 tesla) e uma experiência com lasers realizada num laboratório em 2018 criou um campo com cerca de 1.200 tesla.

M. Murakami

Implosão de um microtubulo – conceito artístico

Novas simulações virtuais realizadas por Masakatsu Murakami, um dos autores do estudo, sugere que a criação de um campo de 1 milhão de tesla poderá ser possível.

Segundo o Live Science, os investigadores descobriram que disparar impulsos de laser ultra-intensos em tubos ocos de apenas alguns micrómetros de diâmetro poderia fornecer energia suficiente aos eletrões na parede do tubo e fazer com que o tubo implodisse.

As interações desses eletrões e o vácuo criado com a implosão do tubo leva ao fluxo de corrente elétrica, que é o responsável pela criação do campo magnético. Neste caso, o fluxo de corrente poderá amplificar um campo magnético pré-existente entre duas a três ordens de magnitude, descobriram os cientistas.

Apesar de um campo magnético megatesla não durar muito tempo, desaparecendo após cerca de dez nanossegundos, seria o suficiente para fazer experiências, visto que as partículas e condições em que os cientistas trabalham desaparecem em menos do que o tempo de um piscar de olhos.

Os investigadores usaram simulações para confirmar se esses campos magnéticos ultra fortes estão mesmo ao alcance da tecnologia moderna e calcularam que a sua criação no mundo real exigiria um sistema de laser com energia de 0,1 a 1 quilojoule e uma potência total de 10 a 100 petawatts.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Espanha pondera recolher obrigatório em todo o país. Esperam-se semanas "muito difíceis"

Salvador Illa, ministro da saúde de Espanha, referiu que o governo está a estudar um recolhimento obrigatário no país, como forma de travar a propagação do novo coronavírus que nos últimos dias tem feito infetado …

Algarve pode consagrar Lewis Hamilton como piloto mais vitorioso de sempre

O Autódromo Internacional do Algarve está a caminho de ver a consagração do piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes) como o piloto mais vitorioso de sempre da Fórmula 1, no domingo, no Grande Prémio de Portugal. Depois …

Antigo túmulo siberiano contém casal de guerreiros (e um enorme stock de armas)

Uma equipa de arqueólogos desenterrou um túmulo com 2.500 anos que continha os restos mortais de quatro pessoas da antiga cultura Tagar. Arqueólogos da Universidade Estadual de Novosibirsk, na Rússia, desterraram um túmulo com 2.500 anos …

OE2021. Governo perde fé nas negociações com o Bloco, mas conta com PAN e talvez PCP

As negociações com o Bloco para garantir a aprovação do Orçamento do Estado para 2021 não estão bem encaminhadas. O Governo espera contar com o PAN e talvez com o PCP. Um possível entendimento entre o …

"Eleição do mundo". USA Today declara apoio a Biden (que continua a liderar nas sondagens)

Pela primeira vez, o jornal norte-americano USA Today decidiu apoiar um candidato presidencial - Joe Biden. O democrata continua a liderar as sondagens a dois dias do último debate. "Há quatro anos, o Conselho Editorial - …

Cientistas descobrem (acidentalmente) um novo órgão dentro da cabeça humana

Uma equipa de investigadores fez uma descoberta anatómica surpreendente, encontrando o que parece ser um misterioso conjunto de glândulas salivares escondidas dentro da cabeça humana. Esta "entidade desconhecida" foi identificada acidentalmente por médicos na Holanda, que …

Rui Rio prepara-se para chumbar o OE (e pressionar Costa a entender-se à esquerda)

O presidente do PSD, Rui Rio, prepara-se para anunciar aos social-democratas que o PSD vai chumbar a proposta de Orçamento do Estado para 2021, avança o semanário Expresso esta terça-feira. Os deputados do PSD vão reunir-se …

PS propõe taxar plataformas de streaming

O grupo parlamentar do PS apresentou esta semana uma alteração à proposta de lei sobre audiovisual que prevê uma nova taxa para as plataformas de 'streaming', em resposta às exigências de parte do setor do …

Estudo revela: adeptos no estádio fazem diferença nos resultados e... nos árbitros

A vantagem de jogar em casa caiu significativamente durante o confinamento. E até os árbitros alteraram os seus comportamentos. "Animal Spirits in the Beautiful Game - Testing social pressure in professional football during the COVID-19 lockdown" …

Toupeiras fêmeas desenvolvem testículos para lutar pela sobrevivência subterrânea

A evolução concedeu à toupeira fêmea uma dose de "fúria por esteróides" para a ajudar a lutar pela sobrevivência subterrânea, colocando alguns testículos nos ovários – um exemplo único de anatomia chamado ovotestis. "O desenvolvimento sexual …