Calamidade até 30 de maio. Champions com lugares marcados, teletrabalho até ao final do mês

António Pedro Santos / Lusa

Após a reunião do Conselho de Ministros desta quinta-feira, a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, anunciou que o país continuará em situação de calamidade até 30 de maio.

Acompanhada pelo secretário de Estado das Finanças, João Nuno Mendes, a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, começou por dizer que, na matriz de risco, o “país evoluiu de forma muito positiva”, tendo hoje menos de 50 casos por cem mil habitantes a 14 dias.

Foi assinalado um “decréscimo muito significativo” da covid-19, com o nível de incidência do novo coronavírus a fixar-se em 48,7% e o R(t) (índice de transmissibilidade) em 0,92.

Ainda assim, a governante disse ter sido aprovada uma resolução que prevê a situação de calamidade até às 23h59 do dia 30 de maio.

três concelhos que avançam no desconfinamento: Paredes, Cabeceiras de Bastos e Carregal do Sal. Em sentido oposto, Arganil e Lamego recuam para as regras de 19 de abril.

Atualmente, estão 12 concelhos em alerta (menos 9 do que na semana passada): Albufeira; Alvaiázere; Castelo de Paiva; Fafe; Golegã; Melgaço; Montalegre; Oliveira do Hospital; Torres Vedras; Vale de Cambra; Vila Nova de Poiares e Odemira (que continuará sem cerca sanitária).

“Odemira fica em situação de alerta. Tem dados de preocupação, mas a situação epidemiológica permite estes avanços”, afirmou a governante.

Pode consultar neste link o mapa de risco do países, assim como os concelhos que avançam, recuam ou permanecem na mesma fase do desconfinamento.

O que muda?

Passa agora a ser permitida a prática de todas as modalidades desportivas e de todas as atividades físicas ao ar livre.

Acompanhando os horários da restauração e das atividades culturais, as atividades desportivas passam a poder funcionar até às 22h30. Até agora estavam limitadas às 21h aos dias de semana e 19h à semana.

Parques infantis, parques aquáticos e itinerantes de diversão podem agora funcionar.

O teletrabalho mantém-se obrigatório até ao final de maio, altura em que será conhecido o novo plano de riscos que foi pedido aos peritos Óscar Felgueiras e Raquel Duarte.

Já sobre o regresso do público ao futebol e a realização da final da Liga dos Campeões no Porto, a ministra mariana Vieira da Silva disse que o evento terá um conjunto de regras específicas, a começar pelo limite de 12 mil adeptos no estádio que terão lugares marcados.

Além disso, o bilhete será nominal e quem for assistir à final terá de regressar ao país de origem no mesmo dia.

As praias voltam a ter semáforos nesta época balnear, mas os níveis de ocupação são diferentes dos do ano passado: até 50% da ocupação o semáforo permanece verde; de 50 a 90% ficará amarelo; acima de 90% dará lugar ao semáforo vermelho.

Em relação à reabertura de bares e discotecas, a ministra da Presidência disse que o Governo está à espera de uma proposta que receberá este mês para decidir, ainda este mês, sobre os setores que ainda não retomaram a atividade.

Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Gil Dias e Rúben Vinagre estão na rota do Benfica

Gil Dias e Rúben Vinagre podem ser reforços do SL Benfica para a próxima temporada. Os dois jogadores estiveram cedidos ao Famalicão esta época. O interesse do SL Benfica em Rúben Vinagre não é recente. O …

Tribunal declara inútil ação do Chega porque proibição à circulação na AML terminou

O Supremo Tribunal Administrativo (STA) considerou inútil, esta segunda-feira,  apreciar a intimação do Chega contra a proibição de entradas e saídas na Área Metropolitana de Lisboa (AML) no fim-de-semana, uma vez que esta medida temporária …

Samaris vai ficar no Benfica

O médio grego prepara-se para iniciar a sua oitava temporada ao serviço do Benfica, apesar das intenções da direção encarnada de pôr um ponto final na relação. Andreas Samaris só admite sair da Luz se receber …

DGS confirma seis surtos ativos em lares. Provocaram 54 casos de covid-19

Esta terça-feira, a Direção-Geral da Saúde (DGS) confirmou que existem, atualmente, seis surtos de covid-19 em lares, que resultaram em 54 casos positivos. A Direção-Geral da Saúde (DGS) confirmou à TVI que existem atualmente seis surtos …

As contas de Portugal para passar aos "oitavos": derrota com França não é o fim

Portugal faz as contas para poder seguir para os oitavos de final do Euro 2020. A seleção até pode perder por duas bolas frente a França, desde que a Hungria não vença a Alemanha. Dinamarca, Holanda, …

Mais de 60% dos partos em casa foram assistidos por médicos. Ordem investiga

A Direção-Geral da Saúde (DGS) adiantou que, dos mais de 1100 partos realizados em casa ao longo do ano passado, 63% tiveram assistência médica. Esta segunda-feira, o jornal Público usou os números divulgados pelo Instituto Nacional …

Relevos de pedra na Turquia sugerem que há um "submundo" debaixo da Terra

Arqueólogos descobriram que os relevos de pedra em Yazılıkaya retratam a Terra, o céu e o "submundo", representando o mito da criação. A região da Anatólia é conhecida como "berço das civilizações". É lá que podemos …

UEFA rejeita iluminação arco-íris LGBT no estádio de Munique

A UEFA rejeitou hoje o projeto da cidade de Munique para iluminar o estádio com as cores do arco-íris no jogo entre Alemanha e Hungria, na quarta-feira, para o Euro2020 de futebol, por protestar contra …

Pico da quarta vaga pode chegar dentro de um mês com 2.000 casos

O pico da quarta vaga pode chegar já dentro de um mês, prevendo-se cerca de 2 mil casos por dia. O número de internados pode chegar aos 500 em enfermaria e 150 em UCI. Segundo cálculos …

Trump terá sugerido enviar norte-americanos infetados com covid-19 para Guantánamo

Quando a pandemia de covid-19 estalou nos Estados Unidos, Donald Trump sugeriu o enviou de norte-americanos infetados regressados da Ásia para a base de Guantánamo, em Cuba. Um livro de dois jornalistas do The Washington Post …