“O bufo” e a “virgem” nas escutas (e o Benfica desmente conversas com Shevchenko)

(dr) Cátia Luís / SL Benfica

Rui Costa, Benfica

Rui Costa, presidente interino do Benfica

O Benfica veio a público desmentir contactos com o ex-avançado Andriy Shevchenko para o lugar de treinador numa altura em que são reveladas escutas telefónicas que apontam Luisão como “o bufo do balneário”.

O Correio da Manhã (CM) continua a divulgar escutas telefónicas efectuadas a vários responsáveis do Benfica no âmbito da Operação Cartão Vermelho que implica Luís Filipe Vieira.

Numa dessas conversas registadas, o antigo responsável de futebol das águias, Tiago Pinto, refere ao director-financeiro do clube, Miguel Moreira, que Luisão seria o “bufo” de Jorge Jesus no balneário, conforme transcreve o CM.

Luisão tinha assumido o cargo de director técnico do Benfica, após deixar os relvados, e Tiago Pinto nota que Jesus estava “muito amarrado a Luisão” e que o queria a “fazer de capitão, não o sendo”.

“Passos rumo ao precipício”

Mas as escutas também apanharam conversas entre Miguel Moreira e o administrador Domingos Soares de Oliveira, dois homens ligados à parte financeira do Benfica, dando sinais de preocupação com as contas, nomeadamente devido à contratação de Jorge Jesus.

“Este é o momento para Vieira pôr travão ao treinador. Vieira tem de começar a vender antes de dar passos rumo ao precipício“, alerta Soares de Oliveira, conforme cita o CM.

Miguel Moreira também lamenta os avultados gastos em transferências e nota que “o presidente está a pôr toda a carne no assador e a fiar-se na virgem, que é o Jorge Mendes”.

Rui Costa queixou-se a Vieira de Paulo Gonçalves

Noutra escuta divulgada pelo CM é Rui Costa quem surge a queixar-se a Vieira sobre os alegados esquemas milionários de Paulo Gonçalves, ex-homem-forte do Departamento Jurídico do Benfica que foi afastado do clube após o processo E-Toupeira.

Paulo Gonçalves foi intermediário no negócio de Darwin Núñez que era também representado por Bruno Macedo, empresário envolvido na investigação Cartão Vermelho.

Rui Costa queixa-se a Vieira de que Paulo Gonçalves queria mais de 400 mil euros ainda antes de o atleta fazer os testes médicos.

“Mas ele alguma vez fez algum contrato sem fazer os exames médicos a alguém?”, pergunta Rui Costa, ainda segundo citação do CM. “Não me quero meter senão ainda me vou chatear com o Paulo e não quero”, terá sido a resposta de Vieira.

Rui Costa sugere falar ele próprio com Paulo Gonçalves por telefone, mas Vieira demove-o, deixando antever que saberia que ele estava a ser alvo de escutas telefónicas.

Ainda no âmbito da contratação de Darwin Núñez, Tiago Pinto foi interceptado a dizer a Miguel Moreira que “Rui Costa é muito ingénuo”.

Benfica nega abordagem a Shevchenko

No plano desportivo, continuam as especulações quanto ao futuro treinador do Benfica. E o clube veio a público desmentir qualquer abordagem a Andriy Shevchenko, antigo internacional ucraniano que jogou com Rui Costa no AC Milan entre 2001 a 2006.

O agora técnico Shevchenko deixou recentemente o Génova.

O interesse do Benfica nos seus serviços foi divulgado pelo empresário Alex Velikikh, comentador de futebol em Itália, que assegurou ao canal ucraniano Oll TV que Shevchenko teria em mãos uma proposta do Benfica.

O clube português assegura, em comunicado, que “não fez nenhuma abordagem a Shevchenko ou qualquer outro treinador” depois da saída de Jorge Jesus.

“O único treinador que o Benfica abordou foi Nélson Veríssimo, que vai estar a liderar a equipa do Benfica pelo menos até ao final desta temporada”, assegura ainda o clube.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE