Mais uma baixa no Governo britânico. Boris Johnson demitiu-se

BackBoris2012 / Flickr

O mayor de Londres, Boris Johnson

O ministro dos Negócios Estrangeiros britânico anunciou a sua demissão, horas depois da demissão do ministro para o Brexit.

“Esta tarde, a primeira-ministra aceitou a demissão de Boris Johnson como ministro dos Negócios Estrangeiros. O seu substituto será anunciado em breve. A primeira-ministra agradece a Boris pelo seu trabalho”, disse um porta-voz.

A demissão de Boris Johnson, que ainda não tornou públicas as suas razões, aumenta a pressão sobre a primeira-ministra, Theresa May, alvo de críticas de alguns deputados a favor de um divórcio mais radical com a UE.

Na sexta-feira, o Governo anunciou ter chegado a consenso sobre uma proposta de criar uma zona de comércio livre entre o Reino Unido e a UE ao aderir às regras europeias.

Hoje, o antigo líder do partido eurocético UKIP, Nigel Farage, tinha desafiado através do Twitter aquele que foi um dos mais destacados defensores da saída do Reino Unido da UE.

“Boris Johnson agora tem a oportunidade de salvar o Brexit, ele será um herói se se afastar da traição da confiança dos eleitores”, afirmou, ao denunciar o acordo como uma deslealdade para com os eleitores que votaram o Brexit.

David Davis havia invocado discordar com o plano revelado na sexta-feira, referindo que deixa o país “na melhor das hipóteses, numa posição de negociação fraca, e possivelmente inaceitável”.

O secretário de Estado para a Saída da UE, Steve Baker, também apresentou a sua demissão, assim como Suella Braverman, na sequência da saída de Davis, entretanto substituído por Dominic Raab.

A primeira-ministra tinha previsto para esta tarde uma intervenção no Parlamento a propósito dos planos apresentados na sexta-feira, seguindo por uma reunião com os deputados do partido conservador.

Se 48 deputados formalizarem o seu descontentamento, May poderá ser alvo de uma moção de censura dentro do partido.

Em reação à demissão de Davis, May lamentou a sua saída a “apenas 8 meses da data estabelecida na lei” para o Reino Unido abandonar a União Europeia. A primeira-ministra disse ainda não concordar com a descrição de Davis sobre o acordo alcançado em Chequers, na casa de campo da chefe do executivo britânico.

A lei que oficializa a saída da União Europeia revoga a lei de adesão do Reino Unido à Comunidade Europeia em 1973, e transfere as normas europeias para o direito britânico, facilitando assim o Brexit. A mesma lei determina que essa saída vai acontecer dentro de 276 dias, a 29 de Março de 2019.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Dois turistas foram apanhados a nadar nus em Veneza. Vão pagar 3 mil euros cada um

Os homens checos estavam em Itália para apoiar a sua equipa de futebol - o Slavia de Praga que jogou contra o Inter em Milão -. Os dois visitantes, em Veneza, decidiram dar um mergulho. Um …

Voar sobre as águas do Sena. Paris testa "bolha do mar", um barco-táxi amigo do ambiente

Paris está a testar um novo meio de transporte mais amigo do ambiente: um barco-táxi ecológico que desliza nas águas do rio Sena. Esta semana, o sea bubble (bolha do mar) está em testes no rio …

Há uma "Matilde" na Bélgica que também precisa do medicamento mais caro do mundo

Mais de 950 mil belgas responderam ao apelo de um casal, que precisava de reunir 1,9 milhões de euros para comprar o medicamento mais caro do mundo para a filha. Pia, de nove meses, sofre de …

System of a Down confirmados no festival VOA, no Estádio Nacional

Os System of a Down são a primeira grande confirmação do VOA - Heavy Rock Festival, que em 2020 se realiza a 2 e 3 de julho no Estádio Nacional. De acordo com a Blitz, este …

PSV 3-2 Sporting | “Leão” vendeu cara uma derrota injusta

O Sporting iniciou a sua participação na fase de grupos da Liga Europa com uma derrota amarga na Holanda, na visita ao PSV, por 3-2. Seis minutos fatais na primeira parte deixaram os “leões” em desvantagem …

Políticos da Coreia do Sul estão a rapar o cabelo (e já se sabe porquê)

Políticos da oposição na Coreia do Sul estão a rapar o cabelo em protesto contra a nomeação de um ministro da Justiça cuja família está a ser investigada por suspeita de irregularidade. O vice-presidente do parlamento, …

Paris acordou repleto de cartazes que denunciam violência contra as mulheres

Um dos bairros de Paris acordou com cartazes, escritos em português, numa ação de rua contra a violência sobre as mulheres, uma iniciativa do movimento "Collages Feminicides", que tem feito este tipo de ações ilegais …

Ana Julia Quezada declarada culpada no caso da morte de Gabriel

Um júri popular considerou esta quinta-feira por unanimidade que Ana Julia Quezada é culpada de assassinar, com maldade (que segundo o código pena espanhol serve de agravante penal), Gabriel, o filho de oito anos do …

Burger King vai deixar de oferecer brinquedos de plástico nas refeições infantis

A cadeia de hambúrgueres Burger King no Reino Unido vai deixar completamente de usar plástico não biodegradável nos brinquedos que acompanham as refeições infantis. A decisão segue-se a uma petição pública lançada no site Change.org por …

Presidente veta “barrigas de aluguer”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vetou esta quinta-feira a alteração à lei relativa à procriação medicamente assistida, em consequência de o Tribunal Constitucional (TC) ter declarado inconstitucional duas normas do diploma. “Na sequência …