Autor do ataque em S. Petersburgo é um bombista suicida russo de origem quirguiz

EPA / megapolisonline.ru

-

Um bombista suicida da Quirguízia foi o responsável pelo atentado que provocou a morte a 14 pessoas no metropolitano de S. Petersburgo, disseram esta terça-feira à AFP fontes dos serviços de segurança de Bishkek.

“O bombista suicida do metropolitano de S. Petersburgo era o cidadão da Quirguízia Akbarjon Djalilov, nascido em 1995, disse o porta-voz dos serviços de segurança de Bishkek, capital da antiga república soviética.

“É possível que Akbarjon Djalilov tenha conseguido a nacionalidade russa“, acrescentou o mesmo porta-voz.

Uma bomba de fabrico artesanal explodiu na segunda-feira, no interior de um comboio entre duas estações de metropolitano, no centro de São Petersburgo, provocando vários mortos e feridos.

“No dia de hoje, podemos constatar a morte de 14 pessoas: onze no local do sinistro e três em consequência dos ferimentos sofridos”, disse esta terça-feira a ministra da saúde russa, Veronika Skvortsova, sublinhando que 49 pessoas continuam hospitalizadas.

A agência russa Interfax que citava o Comité Nacional Antiterrorista russo, adiantava que a bomba terá sido colocada no comboio por um bombista suicida.

Um segundo engenho explosivo foi detetado e neutralizado numa outra estação de metro, a algumas paragens da estação onde explodiu a bomba.

De acordo com um comunicado do Comité Nacional Antiterrorismo da Rússia (NAK), citado pelas agências russas, o engenho foi “encontrado e neutralizado na altura certa” na estação da Praça Vosstaniya.

A Comissão de Investigação russa disse que está a investigar a possibilidade de se tratar de “um ato de terror” mas acrescentou que está a considerar também outras possibilidades. Até ao momento, o ataque não foi reivindicado.

Nova ameaça de bomba fechou estações de metro em São Petersburgo

Quatro estações de metro de São Petersburgo, na Rússia, foram encerradas devido a ameaça de bomba, incluindo “Sennaya Ploschad”, junto à qual ocorreu o atentado na segunda-feira, noticiam as agências estrangeiras.

“Às 11h21, hora local (9h11 em Lisboa), fecharam os acessos a Sennaya Ploschad para inspecionar a estação após um aviso de bomba anónimo”, informou aos meios locais a administração do metropolitano, sublinhando que outras três estações foram encerradas pelos mesmos motivos.

Segundo os media locais, em frente à estação estão concentrados numerosos carros de bombeiros, serviços de emergência e equipas de minas e armadilhas.

As autoridades reforçaram as medidas de segurança em toda a cidade, assim como na capital, Moscovo, tanto nos meios de transporte como em edifícios públicos, praças, escolas ou creches.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Os jornalistas continuam a mostrar o secundário (que o envolvido tinha passaporte russo) para esconder o essencial: que este atentado terrorista foi executado por um ou mais fanáticos do Islão.

      • O facto de uma pessoa chamada Abdelhamid Abaaoud ter passaporte belga é secundário, essa pessoa não tem nada a ver com a Bélgica (basta olhar para o nome). O importante é que estamos perante mais um fanático islâmico. Se o meu amigo ler o Corão, vai perceber rápidamente porque razão as pessoas dessa religião apresentam esta tendência para o ódio, Sugiro que passe por uma FNAC (onde comprei o meu exemplar) e tire as suas próprias conclusões.

  2. O putinho descobriu que o pai natal é da republica centro africana e que se desloca numa caranguejola movida a camelos.

RESPONDER

Marinha dos EUA está a desenvolver drones para matar ovos em ninhos de pássaros selvagens

A Marinha norte-americana e a empresa Hitron Technologies uniram esforços para desenvolver um drone autónomo projetado especificamente para procurar e destruir o maior inimigo da Marinha: os pássaros. Os drones, que estão já a ser testados …

Cientistas criam hologramas que se movem pelo ar

Uma equipa de cientistas da Universidade Brigham Young, nos Estados Unidos, conseguiu desenvolver um holograma que projeta imagens em movimento. Se é fã de Star Treck, ficará impressionado com a mais recente inovação. Um grupo de …

Gangue detido por falsificar a especiaria mais cara do mundo

As autoridades espanholas detiveram um gangue que fazia milhões de euros por ano a falsificar a especiaria mais cara do mundo: o açafrão. Os 17 membros da quadrilha foram detidos na região de Castela-Mancha. Os criminosos …

Santuário medieval recebe escultura em pedra que usa máscara contra a covid-19

Uma catedral histórica do Reino Unido renovou um santuário do século XIV, acrescentando um detalhe que coloca em evidência o momento pandémico que o mundo vive. Agora, a nova escultura está a usar uma máscara …

Aos 10 anos, Adewumi chegou à elite mundial do xadrez (e fugiu ao Boko Haram)

Tanitoluwa Adewumi foi perseguido pelo Boko Haram, fugiu da Nigéria e foi sem-abrigo nos Estados Unidos. Agora, com apenas 10 anos, chegou à elite mundial do xadrez. Grande Mestre é um dos títulos vitalícios concedidos pela …

Hegemonia económica da China cada vez mais longe. Queda demográfica coloca Pequim sob pressão

O objetivo do país é tornar-se na maior potência económica do mundo nos próximos anos, mas a corrida pela hegemonia - disputada com os EUA - pode não ser uma meta fácil de alcançar. O …

Miss Universo 2021. Concorrente da Singapura usa roupa com o slogan "Stop Asian Hate"

Bernadette Belle Ong, uma concorrente do Miss Universo 2021, vestiu uma roupa com as cores de Singapura que continha as palavras Stop Asian Hate ("parem com o ódio contra os asiáticos"). Bernadette Belle Ong aproveitou o …

A Índia está a tornar quase impossível a vacinação dos sem-abrigo

A Índia está a dificultar o processo de vacinação dos sem-abrigo, uma vez que o programa requer um número de telemóvel e uma morada residencial. Muitas pessoas não têm nem um, nem outro.  Na Índia, quase …

Violência contra as mulheres é "uma pandemia", alerta ONU

Uma década após a criação da Convenção de Istambul, o marco dos tratados de direitos humanos para acabar com a violência de género, as mulheres enfrentam um ataque global aos seus direitos e segurança, alertaram …

Já se sabe qual a ocasião mais perdida do ano devido à pandemia (e há uma campanha para compensar)

Tomar um café com um amigo ou um familiar é o momento mais perdido do último ano devido à pandemia de covid-19. Nos últimos 12 meses, e em todas as cidades europeias, estima-se ter havido …