“A vida tem de continuar”. Bolsonaro contraria Governo e pede fim do isolamento

Joedson Alves / EPA

Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil

O Presidente do Brasil falou ao país, esta terça-feira, tendo pedido às autoridades estaduais e municipais que reabram escolas e comércio e que ponham fim ao “confinamento em massa”.

“Algumas poucas autoridades estaduais e municipais devem abandonar o conceito de terra arrasada, a proibição de transportes, o encerramento do comércio e o confinamento em massa. O que se passa no mundo tem mostrado que o grupo de risco é o das pessoas acima de 60 anos. Então, porquê fechar escolas?”, questionou Jair Bolsonaro, sublinhando que o país deve “voltar à normalidade”.

“O vírus chegou. Estamos a enfrentá-lo e brevemente vai passar. A nossa vida tem de continuar. Os empregos devem ser mantidos. O sustento das famílias deve ser preservado”, frisou o Presidente brasileiro.

Segundo Bolsonaro, “raros são os casos fatais de pessoas sãs com menos de 40 anos (…). 90% de nós não terá qualquer manifestação caso se contamine. Devemos sim é ter extrema preocupação em não transmitir o vírus para os outros, em especial aos nossos queridos pais e avós, respeitando as orientações do Ministério da Saúde”.

As suas declarações foram emitidas no dia em que o Brasil ultrapassou os dois mil casos confirmados, com o país a registar 2201 infetados e 46 mortos, de acordo com dados do Ministério da Saúde.

A perspetiva do chefe de Estado também contraria as recomendações do seu próprio Governo, que aconselha a população a evitar aglomerações, a reduzir as deslocações para o trabalho e a antecipar as férias em instituições de ensino, especialmente em regiões com transmissão comunitária do vírus.

Bolsonaro, de 65 anos, voltou ainda a subestimar a pandemia, ao afirmar que caso fosse infetado “não precisaria de se preocupar”, tendo em conta que foi atleta.

“No meu caso particular, com o meu histórico de atleta, caso fosse contaminado pelo vírus, não precisaria me preocupar, nada sentiria ou seria, quanto muito, acometido por uma ‘gripezinha’, ou ‘resfriadinho'”, considerou.

https://twitter.com/isentoes2/status/1242599432706719746?s=20

O chefe de Estado do Brasil já se submeteu a dois exames ao novo coronavírus, ambos de resultado negativo, segundo o próprio. A imprensa pediu a divulgação pública dos resultados, mas sem sucesso.

O Hospital das Forças Armadas, onde o Presidente realizou os exames, apresentou uma lista de infetados com o novo coronavírus, mas omitiu os nomes de duas pessoas que testaram positivo nessa unidade hospitalar, segundo a imprensa local.

Nas declarações ao país, Jair Bolsonaro disse ainda acreditar na capacidade dos cientistas e investigadores para a cura da doença, afirmando que o Governo brasileiro já recebeu notícias positivas sobre o uso da cloroquina no tratamento da Covid-19.

Devido à afluência verificada nas farmácias para a aquisição de cloroquina, as autoridades de saúde brasileiras anunciaram, na semana passada, que a compra deste medicamento estará sujeita a receita médica, uma vez que continua a ser necessário para doentes com artrite, lúpus e malária.

De acordo com o jornal Folha de São Paulo, pelo oitavo dia consecutivo, milhares de brasileiros manifestaram-se a partir de casa para criticar a atitude passiva do chefe de Estado face à pandemia.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Nagorno-Karabakh. Arménia e Azerbaijão acusam-se mutuamente de violação de novo cessar-fogo

A Arménia e o Azerbaijão trocaram esta segunda-feira acusações pela violação de um novo cessar-fogo acordado no domingo para pôr fim às hostilidades no enclave de Nagorno-Karabakh, que deveria ter entrado hoje em vigor. A Arménia …

Venezuela testou molécula que "anula a 100%" o novo coronavírus

O Presidente da Venezuela anunciou, este domingo, que o Instituto Venezuelano de Investigações Científicas (IVIC) testou com sucesso uma molécula, a DR10, que "anula 100%" o novo coronavírus. "O IVIC testou uma molécula usada para tratar …

Com a bancarrota a caminho, Governo Sócrates vendeu quase 80% dos imóveis públicos

Numa altura em que o país já estava em situação complicada, com o cenário de bancarrota no horizonte, o último Governo de José Sócrates vendeu quase 80% do património imobiliário público em apenas dois anos. Estes …

Na primeira noite de recolher obrigatório em Madrid, houve centenas de festas ilegais e álcool na rua

Na primeira noite de recolher obrigatório em Madrid, foram muitos os que ignoraram as restrições. A polícia espanhola foi obrigada a intervir em centenas de festas ilegais e numa festa ao ar livre com mais …

Casa Branca admite que EUA não poderão controlar pandemia. Biden acusa Trump de ter desistido

A Casa Branca admitiu este domingo que os EUA não poderão controlar a pandemia por ser tão contagiosa, numa mudança à postura de minimização da gravidade da crise, numa altura em que há novos recordes …

GNR obrigada a intervir no GP de Fórmula 1. Bastonário diz que evento foi um "insulto" aos profissionais de saúde

O circuito de Portimão teve de fechar algumas bancadas para garantir o distanciamento dos 27.500 espetadores autorizados pela Direção-Geral de Saúde (DGS). Pelo menos em duas foi necessária a intervenção da GNR. Em comunicado, a GNR …

Governo atira-se ao Bloco de Esquerda. Voto contra é "incompreensível"

Em conferência de imprensa, esta segunda-feira, o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, afirmou que "o Governo considera incompreensível que não possa contar com o Bloco de Esquerda" para aprovar o Orçamento do …

Chilenos votam de forma esmagadora para substituir Constituição de Pinochet

Os chilenos votaram de forma esmagadora, este domingo, a favor de uma nova Constituição para substituir a herdada da era do ditador Pinochet, num referendo realizado um ano após uma revolta popular contra a desigualdade …

Parques eólicos instalados em terrenos baldios vão passar a pagar IMI

Os terrenos baldios onde sejam instalados parques eólicos destinados a produzir energia elétrica vão perder o direito à isenção de IMI que a lei previa anteriormente para este tipo de imóveis. O Jornal de Negócios adianta …

“Se Jesus tem dito que sim, não seria o Bruno Lage a substituir Rui Vitória”

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, revelou que o atual treinador das águias, Jorge Jesus, já era um nome pensado na altura em que Bruno Lage assumiu a cadeira deixada por Rui Vitória. "Disse …