“Bolhas domésticas” e celebrações online. As sugestões de Bruxelas para o Natal

Maxim Shipenkov / EPA

A Comissão Europeia pediu esta quarta-feira aos países da União Europeia (UE) para definirem “critérios claros” relativamente ao Natal, devendo estipular um número máximo de pessoas por ajuntamento, incentivar “bolhas domésticas” para passar as festividades e estimular celebrações ‘online’.

Em causa está a estratégia “Ficar a salvo da covid-19 durante o inverno”, esta quarta-feira divulgada em Bruxelas, na qual a Comissão Europeia exorta os Estados-membros a definirem “critérios claros para reuniões familiares”, durante as festas de final de ano, como o Natal, estipulando assim “um número máximo de pessoas por reunião familiar”.

Ao mesmo tempo, o executivo comunitário sugere que os países pensem em implementar “bolhas domésticas”, isto é, “encorajar as pessoas a passar os dias das festividades com as mesmas pessoas e a reduzir ainda mais os contactos sociais”.

Outro conselho é que seja introduzido ou mantido “o recolher obrigatório durante a noite”.

Segundo Bruxelas, deve ser incentivada a “organização de reuniões e eventos sociais online, tais como celebrações de fim de ano no trabalho”, enquanto as cerimónias religiosas devem ser preferencialmente “transmitidas online, na televisão ou na rádio”.

Além disso, a Comissão Euripeia vinca que os países devem considerar “a possibilidade de não permitir quaisquer reuniões de massas e de definir critérios claros para os eventos excecionais permitidos”, tanto no interior e como exterior, e quais as medidas de controlo específicas. No caso de “algum relaxamento temporário” e se ocorrer algum tipo de evento, “deve ser acompanhado de requisitos rigorosos para as pessoas se auto isolarem antes e depois […], de preferência pelo menos sete dias”.

Também mantido nesta época, como nas restantes, deve ser o cumprimento das “medidas de distanciamento físico, utilização de máscaras, lavagem das mãos e outras medidas de higiene”, alerta a instituição.

Preferência pelo teletrabalho

O mesmo se aplica à preferência pelo teletrabalho, devendo os países “incentivar os empregadores a permitir que as pessoas trabalhem a partir de casa ou do local onde pretendem passar as suas festividades de fim de ano alguns dias antes e depois”, de forma a se possam também isolar “antes de regressarem aos locais de trabalho”.

“Quando o trabalho à distância não for possível, os empregadores devem pôr em prática medidas que permitam o regresso ao trabalho em segurança”, acrescenta a Comissão.

No caso da população mais suscetível, Bruxelas pede que os Estados-membros “adotem medidas para assegurar cuidados adequados a pessoas vulneráveis, particularmente em caso de restrições e proibições” à circulação, numa alusão a “pessoas idosas que vivem sozinhas ou em cuidados residenciais”, a deficientes, doentes mentais ou sem-abrigo.

E deve ainda ser recordado “aos cidadãos que devem ser particularmente cuidadosos no que diz respeito aos contactos com membros mais velhos da família ou com aqueles que pertencem a grupos específicos em risco de covid-19, tais como pessoas com doenças crónicas”, propõe a instituição na estratégia.

No que toca às escolas, Bruxelas sugere que, “a fim de reduzir os riscos de transmissão no período que se segue à época festiva”, os países devem equacionar “o prolongamento das férias escolares ou a introdução de um período de aprendizagem ‘online’”.

O Governo portuguêes revelará no próximo sábado as regras para as celebrações de Natal.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.468.873 mortos resultantes de mais de 63,2 milhões de casos de infeção em todo o mundo.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

As mudanças climáticas estão a contribuir para a alteração do sabor do café

Há muito tempo que se tem conhecimento que as mudanças climáticas têm tido um impacto negativo no ambiente e na população, o que não se sabia é que este fenómeno também está a afetar o …

Químicos encontrados na comida e no ar ameaçam a fertilidade dos homens

Em apenas algumas gerações, a contagem de espermatozoides humanos pode diminuir para níveis abaixo daqueles considerados adequados para a fertilidade. Esta é a afirmação alarmante feita no novo livro da epidemiologista Shanna Swan, "Countdown", que reúne …

"Nomadland" é aposta na reabertura das salas de cinema

As salas de cinema reabrem já na segunda-feira e a grande aposta é Nomadland – Sobreviver na América, da realizadora Chloé Zhao. O premiado filme Nomadland – Sobreviver na América, da realizadora Chloé Zhao, é a …

Invasão ao Capitólio recriada através de vídeos divulgados nas redes sociais

A VICE recriou a invasão ao capitólio, no dia 6 de janeiro de 2021, através de vídeos divulgados pelos manifestantes nas redes sociais. Os resultados das eleições presidenciais norte-americanas não convenceram toda a gente. Uma parcela …

França cria delito de "ecocídio" para punir poluição ambiental

A lei resulta de uma recomendação da Convenção de Cidadãos pelo Clima e visa penalizar casos de poluição ambiental com crime específico. A câmara baixa francesa aprovou, este sábado, a criação do delito de “ecocídio” para …

Estação de metro abandonada em NY é o set de filmagens secreto mais bem guardado de Hollywood

A Bowery Station, uma estação de metro em Nova Iorque, permaneceu abandonada durante cerca de 20 anos, mas desfruta agora de uma nova vida. Tudo começou em 2016, quando Sam Hutchins, um veterano da indústria cinematográfica, procurava …

Nacional 0-1 FC Porto | Dragão cansado não facilita

O FC Porto foi à Madeira vencer o Nacional por 1-0. Quem pensou que seria jogo de goleada para os “azuis-e-brancos” enganou-se por completo. Os insulares deram luta, só permitiram um golo, por parte de Mehdi …

João Leão aposta num OE de "expansão" (e mantém a fé num acordo à esquerda)

O ministro das Finanças, João Leão, acredita que o sétimo Orçamento do Estado será aprovado com os partidos à sua esquerda. Ao semanário Expresso, João leão explicou que os próximos Orçamentos do Estado não serão de …

Português investigou histórias por detrás das dedicatórias de Beethoven

A dedicatória do compositor Beethoven da famosa "Sonata ao Luar" a uma alegada musa foi, afinal, uma forma sarcástica de se vingar pela forma como se sentiu desrespeitado, descobriu o musicólogo e pianista português Artur …

Nos canais de Utrecht, os peixes têm uma "campainha" para passar pela barreira

Quando os peixes desovam pelos canais de Utrecht, nos Países Baixos, costumam ser bloqueados pela eclusa Weerdsluis. Agora, a cidade lançou a primeira campainha para peixes do mundo. De acordo com o Dutch Review, o sistema …