“Bolhas domésticas” e celebrações online. As sugestões de Bruxelas para o Natal

Maxim Shipenkov / EPA

A Comissão Europeia pediu esta quarta-feira aos países da União Europeia (UE) para definirem “critérios claros” relativamente ao Natal, devendo estipular um número máximo de pessoas por ajuntamento, incentivar “bolhas domésticas” para passar as festividades e estimular celebrações ‘online’.

Em causa está a estratégia “Ficar a salvo da covid-19 durante o inverno”, esta quarta-feira divulgada em Bruxelas, na qual a Comissão Europeia exorta os Estados-membros a definirem “critérios claros para reuniões familiares”, durante as festas de final de ano, como o Natal, estipulando assim “um número máximo de pessoas por reunião familiar”.

Ao mesmo tempo, o executivo comunitário sugere que os países pensem em implementar “bolhas domésticas”, isto é, “encorajar as pessoas a passar os dias das festividades com as mesmas pessoas e a reduzir ainda mais os contactos sociais”.

Outro conselho é que seja introduzido ou mantido “o recolher obrigatório durante a noite”.

Segundo Bruxelas, deve ser incentivada a “organização de reuniões e eventos sociais online, tais como celebrações de fim de ano no trabalho”, enquanto as cerimónias religiosas devem ser preferencialmente “transmitidas online, na televisão ou na rádio”.

Além disso, a Comissão Euripeia vinca que os países devem considerar “a possibilidade de não permitir quaisquer reuniões de massas e de definir critérios claros para os eventos excecionais permitidos”, tanto no interior e como exterior, e quais as medidas de controlo específicas. No caso de “algum relaxamento temporário” e se ocorrer algum tipo de evento, “deve ser acompanhado de requisitos rigorosos para as pessoas se auto isolarem antes e depois […], de preferência pelo menos sete dias”.

Também mantido nesta época, como nas restantes, deve ser o cumprimento das “medidas de distanciamento físico, utilização de máscaras, lavagem das mãos e outras medidas de higiene”, alerta a instituição.

Preferência pelo teletrabalho

O mesmo se aplica à preferência pelo teletrabalho, devendo os países “incentivar os empregadores a permitir que as pessoas trabalhem a partir de casa ou do local onde pretendem passar as suas festividades de fim de ano alguns dias antes e depois”, de forma a se possam também isolar “antes de regressarem aos locais de trabalho”.

“Quando o trabalho à distância não for possível, os empregadores devem pôr em prática medidas que permitam o regresso ao trabalho em segurança”, acrescenta a Comissão.

No caso da população mais suscetível, Bruxelas pede que os Estados-membros “adotem medidas para assegurar cuidados adequados a pessoas vulneráveis, particularmente em caso de restrições e proibições” à circulação, numa alusão a “pessoas idosas que vivem sozinhas ou em cuidados residenciais”, a deficientes, doentes mentais ou sem-abrigo.

E deve ainda ser recordado “aos cidadãos que devem ser particularmente cuidadosos no que diz respeito aos contactos com membros mais velhos da família ou com aqueles que pertencem a grupos específicos em risco de covid-19, tais como pessoas com doenças crónicas”, propõe a instituição na estratégia.

No que toca às escolas, Bruxelas sugere que, “a fim de reduzir os riscos de transmissão no período que se segue à época festiva”, os países devem equacionar “o prolongamento das férias escolares ou a introdução de um período de aprendizagem ‘online’”.

O Governo portuguêes revelará no próximo sábado as regras para as celebrações de Natal.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.468.873 mortos resultantes de mais de 63,2 milhões de casos de infeção em todo o mundo.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Lupin". Livros originais regressam aos mais vendidos com série na Netflix

Novo fenómeno da Netflix, a série francesa Lupin estreou a bater recordes no ecrã… e não só. Com o sucesso da adaptação moderna da história clássica do ladrão Arsène Lupin, os livros originais voltaram aos …

Escavações revelam canibalismo azteca durante invasão espanhola

Centenas de invasores espanhóis capturados na localidade azteca de Tecoaque em 1520 terão sido sacrificados e devorados pelos indígenas, motivando um posterior massacre ordenado pelo "conquistador" Hernan Cortés. Um estudo publicado pelo Instituto Nacional de Antropologia …

A carrinha NV350 da Nissan inaugura uma nova forma de teletrabalho

O teletrabalho pode tornar-se menos aborrecido graças à Nissan. A fabricante japonesa apresentou a sua carrinha NV350 através do YouTube, na semana passada. A empresa destacou a principal caraterística deste veículo: pode ser formatado para …

Hospitais estão no limite. Modelos computacionais podem ajudar a manter as portas abertas

Modelos computacionais podem ser aplicados para ajudar a fazer uma melhor gestão das camas disponíveis para o internamento de doentes infetados com o novo coronavírus. A covid-19 está a causar pressão nos serviços de saúde em …

Guardas diabólicas. Mulheres comuns pertenceram à SS (e torturaram outras em campo de concentração)

Prosseguir, torturar e matar judeus não foi uma ação impulsionada apenas por homens. Na altura da Segunda Guerra Mundial foram muitas as mulheres que se juntaram à SS para fiscalizar e realizar tarefas nos campos …

Sp. Braga 2-1 Benfica | Braga bate Benfica no jogo aéreo e volta à final da Taça da Liga

O Sporting de Braga venceu esta quarta-feira o Benfica por 2-1, com dois golos de cabeça, e vai defender o título na Taça da Liga em futebol na final de sábado, frente ao Sporting, em …

EUA. Com medo da covid-19, homem esconde-se em aeroporto durante três meses

Com receio de ir para casa devido à covid-19, um homem de 36 anos ficou durante três meses no Aeroporto Internacional O'Hare, em Chicago, nos Estados Unidos (EUA), sem ser descoberto. De acordo com um artigo …

Congeladores em vez de assentos. Empresa remodela avião para transportar vacinas contra a covid-19

O transporte de vacinas contra a covid-19 acabou de se tornar mais fácil graças a uma empresa aeronáutica italiana que remodelou uma avião para o efeito. A empresa italiana Tecnam normalmente fabrica peças de aeronaves para fabricantes, além …

Netanyahu tem a seringa com que foi vacinado contra a covid-19 exposta no seu escritório

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, guardou a seringa com que foi vacinado contra a covid-19. O objeto está agora exposto no seu escritório no interior de uma caixa de vidro com uma base em …

Presidente da Câmara de Pedrógão Grande acusado de 11 crimes

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande foi acusado de 11 crimes na sequência dos incêndios de junho de 2017, sete de homicídio por negligência e quatro de ofensa à integridade física por negligência. Numa informação …