Bolha imobiliária ameaça Bairro da Jamaica. Seixal reúne-se com Governo

Mário Cruz / Lusa

A Câmara do Seixal informou que vai reunir-se na segunda-feira à tarde com a secretária de Estado da Habitação, Ana Pinho, para discutir os realojamentos do Bairro da Jamaica, que estão atrasados devido à especulação imobiliária.

O realojamento das famílias que vivem no Bairro da Jamaica está atrasado devido ao preço elevado das casas. Na próxima segunda-feira, a autarquia do Seixal vai reunir-se com a secretária de Estado da Habitação para discutir os realojamentos.

“A reunião acontece para ver toda a questão dos realojamentos, porque foi assinado o protocolo em 2017 por várias entidades. É um acordo de colaboração entre a câmara e áreas do Governo”, disse à Lusa fonte do gabinete de comunicação da autarquia, que se situa no distrito de Setúbal.

À TSF, a vereadora da Habitação, Manuela Calado, adiantou esta quinta-feira que a autarquia pretende “fazer um ponto de situação” sobre os realojamentos em Vale de Chícharos, mais conhecido como Bairro da Jamaica, e explicar que “o orçamento previsto fica abaixo daquilo que são os valores de mercado”.

O município contava ter começado a segunda fase de realojamentos até ao fim do ano passado, mas, em janeiro, avançou à Lusa que o processo está atrasado devido às “burocracias” e especulação imobiliária.

“Infelizmente, este é um processo moroso e burocrático. Foi desenvolvido um procedimento para aquisição das habitações destinadas ao realojamento do qual não resultaram propostas para a totalidade das habitações necessárias, tendo em conta que os valores da portaria são baixos em relação aos preços de mercado praticados atualmente”, explicou, na resposta enviada à Lusa.

Ainda assim, nesta nota, a Câmara do Seixal referiu que continua a decorrer o processo de aquisição de 74 habitações para os moradores dos lotes 13, 14 e 15, prevendo-se o reinício do processo “até ao final de 2020”.

No entanto, na ocasião, a autarquia não divulgou o número de habitações que já tinha conseguido adquirir, apesar de, em setembro de 2019, o autarca Joaquim Santos (CDU) ter adiantado que a compra estava a “meio caminho”.

Embora 2019 tenha sido um ano “zero” em termos de realojamentos, segundo o presidente da Associação de Desenvolvimento Social de Vale de Chicharros, Salim Mendes, os moradores estão “calmos” a aguardar a resolução do problema, até porque têm uma boa relação com o município.

Em 20 de dezembro de 2018 terminou a primeira fase de realojamentos dos moradores do lote 10, em que 187 pessoas foram distribuídas por 64 habitações em várias zonas do concelho, segundo a Câmara Municipal do Seixal.

O acordo para a resolução da situação de carência habitacional neste bairro foi assinado em 22 de dezembro de 2017, numa parceria entre a Câmara do Seixal, o Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana e a Santa Casa da Misericórdia do Seixal.

No total, a cooperação visa o realojamento de 234 famílias e tem um investimento total na ordem dos 15 milhões de euros, dos quais 8,3 milhões são suportados pelo município.

O bairro começou a formar-se na década de 90, quando populações que vinham dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) começaram a fixar-se nas torres inacabadas, fazendo puxadas ilegais de luz, água e gás.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. E se todos os portugueses (aqui nascidos tal como os seus pais e avós) fizessem o mesmo? Ocupassem um qualquer edifício público (por exemplo um ministério) furtassem luz água e o que mais entendessem… também iam ser premiados com casas gratuitas…. sem terem de pagar durante vida e meia couro e cabelo ao banco… mais outro tanto de impostos ao estado(sim… letra pequena) e depois mais impostos se quisessem deixar a casa aos herdeiros?

    Que valores defende o estado e quem defende?

RESPONDER

ProToiro vai impugnar IVA das touradas e avança com queixa em Bruxelas

A Federação Portuguesa de Tauromaquia (ProToiro) vai avançar com a impugnação do valor do IVA na tauromaquia e com uma queixa na Comissão Europeia, exigindo que a taxa passe de 23% para 6%. Em comunicado, a …

Braga 3-3 Leicester | Vardy rouba triunfo luso nos descontos

Um "balde de água fria". A recepção do Sporting de Braga ao Leicester não foi parca em emoção e em bom futebol. Os minhotos foram superiores na primeira parte e chegaram ao intervalo em vantagem. Contudo, …

Equipa de Biden escondeu um anúncio de emprego secreto no código-fonte do seu site

O Presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, escondeu um anúncio de emprego no código-fonte do seu site de transição, enquanto inicia o processo de contratação da nova administração para a Casa Branca. De acordo com …

Costa ligou a Lagarde para garantir que vai cumprir compromissos com Novo Banco

O primeiro-ministro ligou, esta quinta-feira, à presidente do Banco Central Europeu (BCE) para assegurar que o Governo cumprirá os compromissos assumidos no quadro da venda do Novo Banco. "Portugal é um Estado de direito que cumpre …

Mário Ferreira acata decisão da CMVM e lança OPA sobre a Media Capital

O empresário anunciou, esta quarta-feira, que vai lançar uma OPA a 69,78% das ações da Media Capital, depois de a CMVM o ter obrigado a realizar esta operação. A Pluris Investments, empresa detida por Mário Ferreira, …

Ford encomenda 12 frigoríficos ultrafrios para distribuir vacinas aos funcionários

Numa altura em que já são conhecidas algumas vacinas no combate à covid-19, a empresa americana antecipa-se e já encomendou 12 frigoríficos ultrafrios para armazenar as injeções e depois distribuí-las aos seus funcionários. Neste sentido, a …

Alemanha vai compensar soldados que sofreram discriminação por serem homossexuais

O Ministério da Defesa da Alemanha anunciou ontem que quer compensar legalmente todos os soldados que, até 2 de Julho de 2000, foram prejudicados devido à sua orientação sexual ou identidade de género. O projeto de …

Árbitros que não sabem as regras: golo foi anulado depois de a bola voltar a rolar

Encontro entre Ceará e São Paulo pode não ter terminado na noite passada. Haverá continuação "na secretaria" por causa de um golo que foi anulado, pela segunda vez, já depois de o jogo ter sido …

Restauração em protesto no Parlamento. "Estão a matar quem quer trabalhar"

Várias centenas de empresários e trabalhadores da restauração, bares, discotecas, cultura, eventos, alojamento e táxis manifestaram-se, esta quarta-feira, em frente ao Parlamento. "Portugal não pode ser menu completo para uns, meia dose para outros e, para …

França quer punir médicos que façam testes de virgindade (mas isso pode prejudicar mulheres)

A possibilidade de banir os testes de virgindade estão a dividir França. Enquanto uns consideram-nos "bárbaros", outros alertam para as possíveis consequências violentas que algumas mulheres poderão sofrer se não os fizerem. Segundo a Organização Mundial …