//

Bezos destronado por Bill Gates. Dono da Amazon já não é o homem mais rico do mundo

1

(dr) European CEO

Jeff Bezos, CEO da Amazon

Jeff Bezos deixou de ser o homem mais rico do mundo, tendo sido ultrapassado por Bill Gates, fundador da Microsoft. Em causa está a queda da Amazon na bolsa.

A queda da Amazon na bolsa fez com que Jeff Bezos deixasse de ser o homem mais rico do mundo. Pela primeira vez desde 2017, a empresa norte-americana teve uma queda de lucros trimestrais comparativamente com o ano anterior. A cotação na bolsa caiu cerca de 9% e calcula-se que a fortuna de Bezos tenha descido para os 103,9 mil milhões de dólares.

A queda na bolsa está relacionado com um crescente investimento da Amazon em logística e infraestrutura de entrega. Os custos globais com as entregas de produtos aumentaram 46% em comparação com o ano passado.

“Os clientes adoram a mudança do Prime de dois dias para um dia — este ano já encomendaram milhares de milhões de produtos através das entregas gratuitas de um dia. É um grande investimento e a decisão certa para os clientes a longo prazo”, explicou Bezos.

De acordo com o Expresso, Jeff Bezos era o homem mais rico do mundo desde o ano passado, mas viu agora Bill Gates passar-lhe à frente. O fundador da Microsoft tem uma fortuna avaliada em 105,7 mil milhões de dólares.

Ainda em abril, o divórcio entre Jeff e MacKenzie Bezos obrigou o dono da Amazon a transferir um quarto das suas ações para a sua ex-mulher. Apesar disso, o CEO continuou a ser o homem mais rico do mundo, embora tenha levado um sério golpe nas suas finanças.

O rombo poderia ter sido maior, mas MacKenzie renunciou a interesses no Washington Post e na empresa Blue Origin. A separação do casasl terá sido originada pelos rumores de traição de Jeff com Lauren Sanchez, ex-apresentadora de televisão e amiga do casal.

  ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.