BANIF prepara-se para fechar

Barcex / Wikimedia

Segundo uma notícia que a TVI está a avançar, está tudo preparado para o encerramento do BANIF, num processo que envolverá despedimentos e perdas para os accionistas e depositantes acima dos 100 mil euros.

A TVI apurou que está tudo preparado para o encerramento do BANIF, que deixará os seus activos valiosos à Caixa Geral de Depósitos.

Segundo o Público, o Governo está a trabalhar para durante esta semana apresentar uma solução para o Banif que, independentemente da via escolhida, passará por expurgar do balanço os activos tóxicos, criando um “banco mau”.

O processo de encerramento do banco acarretará perdas para os accionistas, adianta a estação televisiva, e os depositantes poderão perder o valor dos seus depósitos acima dos 100 mil euros.

A RTP, no entanto, adianta que os depósitos acima dos 100 mil euros estarão garantidos.

Segundo a TVI, haverá despedimentos – muitos despedimentos.

A semana passada o BCE e a Comissão Europeia deram ao banco um prazo de até quarta-feira para resolver a sua situação financeira.

O banco está desde Dezembro de 2014 em situação de incumprimento com o Estado português.

Há três anos o banco foi nacionalizado por Passos Coelho, com uma injecção de fundos públicos de 700 milhões, que teriam de ser devolvidos até final de 2017, e um empréstimo de 400 milhões, dos quais 275 milhões já foram liquidados.

A última parcela, de 125 milhões de euros, deveria ter sido paga ao Tesouro em Dezembro de 2014.

A única esperança de evitar o encerramento do banco funchalense, avança a TVI, seria conseguir vendê-lo à Fosun até essa data, mas tudo indica que não haverá condições para que tal aconteça.

Até porque a própria Fosun se encontra em situação complicada, com o seu proprietário e presidente, o milionário chinês Guo Guangchang, detido para interrogatório no início da semana passada e que esteve desaparecido durante o resto da semana, tendo reaparecido publicamente apenas esta segunda-feira, num evento da empresa.

Governo garante que “a decisão não está tomada”

Num comunicado enviado ao fim da noite às redacções, o Ministério das Finanças reagiu à notícia e recorda que ainda decorre o processo de negociações, que está a ser acompanhado pela Direcção Geral da Concorrência, em Bruxelas.

O Governo garante que não está tomada qualquer decisão, e que está a acompanhar a evolução deste processo, acrescenta o comunicado, “de forma a garantir a confiança no sistema bancário” e a protecção dos depositantes e dos contribuintes.

ZAP

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. É mais um que o Banco de Portugal deixa passar….foi o BPN ..o BPP, o BES e agora o BANIF. Eu ainda estou para perceber qual o papel do Banco de Portugal nisto tudo! Então não deveria fiscalizar, supervisionar e corrigir as asneiras dos bancos?!?!’ Já não percebo nada…ou melhor até percebo mas é melhor nem escrever…

  2. Não é de admirar!Quando o Banco de Portugal através do seu Departamento de Supervisão,que em minha opinião deveria autónomamente fiscalizar o cumprimento ou não da Lei pelas instituições bancárias e quando solicitado envia aos bancos infractores que se pronunciem pela queixa e enviam a sua resposta e a arquivam está tudo dito.Mas a procissão ainda vai no adro.Não alarmam mas andam alarmados!Na calha estão o Montepio,o BCP e por fim a própria Caixa.Sim a CGD.Está completamente descapitalizada e só se segura em pé com as injecções do Orçamento.Já lhe venderam a carne suculenta (seguros e saude) agora aos contribuintes só lhes vai restar comer os ossos.
    Só não percebo porque é que os pobres endinheirados continuam a depositar nestas agências de gatunagem

  3. Para o mais distraídos, o Banco de Portugal esta a fazer o seu trabalho, daí a noticia!!
    Se assim não fosse, só se saberiam dos problemas quando fosse tarde demais (e não é o caso, pois os problemas já são conhecidos há muito tempo), e, o Estado tem 60% do banco por alguma razão…

RESPONDER

Benfica tem seis jogadores de malas feitas. Um deles chegou em julho

Há seis jogadores que poderão estar de saída do emblema da Luz, sendo que um deles, Caio Lucas, chegou em julho ao clube. O agente de Samaris já veio negar a saída do seu cliente. Bruno …

"Poderia juntar-se a Mourinho". Bale criticado por comportamento "infantil"

A atitude do internacional galês Gareth Bale continua a render críticas. Desta vez foi o antigo presidente do Real Madrdi Rámon Calderón, que considerou o comportamento do futebolista infantil. Em causa esta a atitude do …

Norte quer fundos de Bruxelas para ligação ao TGV espanhol

Pela primeira vez, a região norte do país antecipou a lista de prioridades para os fundos europeus, escreve o Jornal de Notícias, que dá conta uma das propostas passa por usar os fundos de Bruxelas …

Falta de médicos leva IPO de Lisboa a adiar consulta de paciente com 90 anos para 2021

O Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa adiou a consulta de um paciente nonagenário que estava marcada para janeiro de 2020 para o ano seguinte, isto é, para janeiro de 2021 devido à falta …

Eis a Cybertruck, a "pickup" elétrica da Tesla que já tem bilhete para Marte

A Tesla lançou o seu modelo de carrinha "pickup" elétrica, Cybertruck, com uma autonomia máxima de 800 quilómetros. Musk diz que vai haver uma versão especial que será a carrinha oficial de Marte. Após uma longa …

Rio não responde a críticas de adversário. "Estou na Croácia, não estou no Montenegro"

O presidente do PSD seguiu a regra de não falar de política interna fora do país e só abriu uma exceção para falar da manifestação dos polícias. Depois do discurso que tinha feito no Congresso do …

Hospitais públicos têm mais de 650 milhões de euros de dívidas em atraso

As dívidas em atraso dos hospitais pertencentes ao Serviço Nacional de Saúde têm vindo a crescer desde o início do ano. Em setembro, o valor fixava-se nos 650 milhões de euros. Hospitais públicos acumulam 651,6 milhões …

Bolsonaro quer isentar polícias de punições por crimes cometidos em serviço

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse na quinta-feira que enviou ao Congresso Nacional um projeto de lei para isentar agentes das forças armadas e das polícias de eventuais punições criminais durante operações de segurança. De …

Dragões de Ouro. O "patinho feio" galardoado e o miúdo blindado a ouro

O FC Porto realizou esta quinta-feira a cerimónia anual de entrega dos Dragões de Ouro. O destaque foi para Marega, que recebeu o prémio de futebolista do ano. Fábio Silva venceu o prémio de revelação …

Forças Armadas vão passar a pagar rendas às Finanças

As Forças Armadas (FA) vão ter de pagar às Finanças uma renda pelos edifícios que usem e que sejam património do Estado. As FA estavam isentas desta obrigação desde 2012. As Forças Armadas perdem assim a …