BANIF prepara-se para fechar

Barcex / Wikimedia

Segundo uma notícia que a TVI está a avançar, está tudo preparado para o encerramento do BANIF, num processo que envolverá despedimentos e perdas para os accionistas e depositantes acima dos 100 mil euros.

A TVI apurou que está tudo preparado para o encerramento do BANIF, que deixará os seus activos valiosos à Caixa Geral de Depósitos.

Segundo o Público, o Governo está a trabalhar para durante esta semana apresentar uma solução para o Banif que, independentemente da via escolhida, passará por expurgar do balanço os activos tóxicos, criando um “banco mau”.

O processo de encerramento do banco acarretará perdas para os accionistas, adianta a estação televisiva, e os depositantes poderão perder o valor dos seus depósitos acima dos 100 mil euros.

A RTP, no entanto, adianta que os depósitos acima dos 100 mil euros estarão garantidos.

Segundo a TVI, haverá despedimentos – muitos despedimentos.

A semana passada o BCE e a Comissão Europeia deram ao banco um prazo de até quarta-feira para resolver a sua situação financeira.

O banco está desde Dezembro de 2014 em situação de incumprimento com o Estado português.

Há três anos o banco foi nacionalizado por Passos Coelho, com uma injecção de fundos públicos de 700 milhões, que teriam de ser devolvidos até final de 2017, e um empréstimo de 400 milhões, dos quais 275 milhões já foram liquidados.

A última parcela, de 125 milhões de euros, deveria ter sido paga ao Tesouro em Dezembro de 2014.

A única esperança de evitar o encerramento do banco funchalense, avança a TVI, seria conseguir vendê-lo à Fosun até essa data, mas tudo indica que não haverá condições para que tal aconteça.

Até porque a própria Fosun se encontra em situação complicada, com o seu proprietário e presidente, o milionário chinês Guo Guangchang, detido para interrogatório no início da semana passada e que esteve desaparecido durante o resto da semana, tendo reaparecido publicamente apenas esta segunda-feira, num evento da empresa.

Governo garante que “a decisão não está tomada”

Num comunicado enviado ao fim da noite às redacções, o Ministério das Finanças reagiu à notícia e recorda que ainda decorre o processo de negociações, que está a ser acompanhado pela Direcção Geral da Concorrência, em Bruxelas.

O Governo garante que não está tomada qualquer decisão, e que está a acompanhar a evolução deste processo, acrescenta o comunicado, “de forma a garantir a confiança no sistema bancário” e a protecção dos depositantes e dos contribuintes.

ZAP

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. É mais um que o Banco de Portugal deixa passar….foi o BPN ..o BPP, o BES e agora o BANIF. Eu ainda estou para perceber qual o papel do Banco de Portugal nisto tudo! Então não deveria fiscalizar, supervisionar e corrigir as asneiras dos bancos?!?!’ Já não percebo nada…ou melhor até percebo mas é melhor nem escrever…

  2. Não é de admirar!Quando o Banco de Portugal através do seu Departamento de Supervisão,que em minha opinião deveria autónomamente fiscalizar o cumprimento ou não da Lei pelas instituições bancárias e quando solicitado envia aos bancos infractores que se pronunciem pela queixa e enviam a sua resposta e a arquivam está tudo dito.Mas a procissão ainda vai no adro.Não alarmam mas andam alarmados!Na calha estão o Montepio,o BCP e por fim a própria Caixa.Sim a CGD.Está completamente descapitalizada e só se segura em pé com as injecções do Orçamento.Já lhe venderam a carne suculenta (seguros e saude) agora aos contribuintes só lhes vai restar comer os ossos.
    Só não percebo porque é que os pobres endinheirados continuam a depositar nestas agências de gatunagem

  3. Para o mais distraídos, o Banco de Portugal esta a fazer o seu trabalho, daí a noticia!!
    Se assim não fosse, só se saberiam dos problemas quando fosse tarde demais (e não é o caso, pois os problemas já são conhecidos há muito tempo), e, o Estado tem 60% do banco por alguma razão…

RESPONDER

Centeno deixa aviso à Zona Euro. Futuro da UE depende da resposta que der à pandemia

Mário Centeno escreveu aos ministros das Finanças da Zona Euro para os alertar que o futuro da União Europeia depende da forma como conseguir lidar com a crise económica devida à pandemia de Covid-19. Uma …

Governo quer desempregados e trabalhadores em lay-off a reforçar lares e hospitais

O Governo criou uma medida de Apoio ao Reforço de Emergência de Equipamentos Sociais e de Saúde com o objetivo de apoiar as entidades do setor social e solidário. De acordo com o ECO, o Governo …

Recibos verdes podem pedir apoio a partir desta quarta-feira. Será pago ainda este mês

O apoio por quebra de atividade destina-se a trabalhadores independentes que nos últimos 12 meses tenham tido obrigação contributiva em pelo menos 3 meses consecutivos. O formulário para os trabalhadores independentes pedirem apoio por redução de …

"Este mês é perigosíssimo!" Costa avisa que "não podem ir à terra" na Páscoa

"As pessoas não podem ir à terra!" O alerta é de António Costa que avisa que este mês de Abril "é perigosíssimo" por causa da Páscoa. O primeiro-ministro recomenda também aos emigrantes que não venham …

13% dos casos de covid-19 em Portugal são profissionais de saúde. Há 10 médicos nos cuidados intensivos

Um em cada oito infetados com o novo coronavírus em Portugal é profissional de saúde. O número de médicos, enfermeiros, auxiliares e outros trabalhadores de hospitais e centros de saúde que estão contagiados não pára …

Curva em Itália parece estar a aplanar. Confirmado primeiro caso num campo de refugiados grego

A Itália registou mais 4.053 casos positivos e mais 837 mortes em 24 horas, valores semelhantes aos de segunda-feira e que sugerem que a curva da covid-19 parede estar a estabilizar. De acordo com o Observador, …

Há mais de 8 mil infetados e 187 mortes por covid-19 em Portugal

Há mais 27 mortes em relação a terça-feira, aumentando o número total de óbitos para 87. O número de casos confirmados em Portugal já ascende as 8 mil pessoas. O boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da …

Há falhas no sistema que regista casos de covid-19. A "esmagadora maioria" não vai ser contabilizada

O sistema que regista os casos de covid-19 em Portugal é "um pesadelo burocrático", denunciam os infecciologistas. A "esmagadora maioria" dos casos vai acabar por não ser notificada, acrescentam. O problema tornou-se público quando a Direção-Geral …

Mais de 3600 empresas já pediram acesso ao lay-off simplificado

O Governo já recebeu 3600 pedidos de empresas para aderirem ao regime lay-off lançado na semana passada, disse, esta terça-feira, a ministra do Trabalho e da Segurança Social. Ana Mendes Godinho, que falava aos jornalistas no …

Em tempos de crise, os emprestados podem ser a solução do Benfica

Bruno Varela, Cristián Lema, Filip Krovinovic, Gedson Fernandes e Diogo Gonçalves são hipóteses que Bruno Lage tem a seu dispor para regressar dos empréstimos. A suspensão das competições desportivas deixa muitos clubes entre a espada e …