Bancário do BPN condenado a sete anos de prisão por burlar clientes

-

Uma pena de sete anos de prisão efectiva por uma conduta “extremamente grave” que “contribui para que as pessoas comecem a guardar o dinheirinho debaixo do colchão”. Foi nestes termos que um juiz condenou um ex-gerente bancário de uma agência do BPN por ter enganado vários clientes.

O Tribunal de Santa Maria da Feira condenou Fernando Gonçalves, ex-gerente bancário do BPN em Oliveira de Azeméis, a uma pena de sete anos de prisão efectiva e a uma indemnização de cinco milhões de euros à instituição.

O homem de 50 anos foi considerado culpado de 27 crimes de burla qualificada, de 31 de falsificação de documentos e de um crime de infidelidade. Em cúmulo jurídico, foi-lhe fixada uma pena única de sete anos de prisão, mas a soma das penas parcelares aplicadas ascendeu a 111 anos.

Em causa está o facto de o ex-bancário ter enganado clientes que depositavam dinheiro na agência do BPN, convencendo-os de que estavam a fazer depósitos a prazo com taxas de juro apetecíveis. Mas, na verdade, aplicava o dinheiro em produtos financeiros de risco, tendo acumulado um prejuízo de 1,5 milhões de euros.

Quando os clientes burlados pretendiam levantar o dinheiro, Fernando Gonçalves forjava documentos com assinaturas falsas e movimentava contas de outros clientes, tendo em vista assegurar a liquidez solicitada pelo resgate/reembolso da aplicação.

Este esquema em pirâmide, em que o ex-bancário compensava as perdas com a angariação de outros clientes, terá decorrido entre 2002 e 2007.

Neste período, o ex-gerente terá recebido prémios de produtividade e terá sido promovido com base nos bons resultados das burlas que cometeu.

“A conduta deste senhor é extremamente grave porque contribui para que as pessoas comecem a guardar o dinheirinho debaixo do colchão“, disse o juiz aquando da leitura da sentença.

“Este homem não está verdadeiramente arrependido. Achou que foi apanhado pelas circunstâncias”, considerou também o magistrado, notando que a sua “actuação não dignifica a entidade bancária nem o sistema bancário português”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. Aqui está um belo exemplo da Justiça em Portugal.
    Mereceu a cadeia? Sim, é inquestionável que sim mas, e todos aqueles gatunos, administradores do BPN, que enterraram o Banco e (e todos nós) com os seus roubos e fraudes? Estão aí, livres que nem passarinhos e, ainda por cima, indignados com o arquivamento. Outros publicam livros de intrigas institucionais. Uma vergonha.
    É sempre a mesma trampa, este (provavelmente, obrigado por ordens superiores a vender produtos de treta/tóxicos) leva com 7 prisão efectiva, sem apelo nem agravo, os mandões e gatunos principais, ficam á solta. Justiça de m.e.r.d.a.

  2. Incrível! Este homem “rouba” 1,5 milhões de euros e é condenado a 7 anos de prisão e o pagamento de 5 milhões (?). E senhores como o Oliveira Costa (BPN) e muuuuitos outros andam cá fora! A isto é que se chama “dois pesos e duas medidas”. E ainda querem (?) devolver a credibilidade e transparência (idoneidade) à “justiça” portuguesa…

  3. Há muita diferença entre bancário e banqueiro em portugal e mais diferença faz quando se trata de ladrões o ladrão banqueiro é sempre condecorado pelo presidente da república portuguesa e o ladrão bancário fica de castigo e sem banco onde possa roubar.

  4. O que é verdadeiramente incrivel é ver os comentários do Juiz na leitura da sentença. “Conduta grave que contribui para que as pessoas comecem a guardar o dinheirinho debaixo do colchão”. Francamente!. Só falta dizer que este bancário é o culpado dos males todos da Banca em Portugal. Será que o Juiz sofre de amnésia, como o Oliveira Costa, Dias Loureiro, o Arlindo de Carvalho entre outros administradores do BPN, pertencentes ao “nuncleo dos amigalhaços” do “Velhaco Silva”?
    O que contribui para desconfiarmos dos Bancos é as atitudes de desleixo de supervisão do BdP, a corja de vigaristas que afundou o BPN, o BES, o BANIF, em todos eles, vigarices em grande escala que não estão, certamente, na escala dum gerente de balcão. Estão no nível de topo da hierárquia, dos “mestres da mafiosice” e a esses, os verdadeiros gatunos, nunca nada acontece.

    • Caro Bazuka: Ladrão que rouba um pão, vai logo para a prisão. Rico que rouba um milhão… Recebe condecoração!

  5. Desculpem-me a linguagem, mas a “raia míuda” é prontamente (e bem), condenada, mas os “cães grandes” continuam à solta, temos mesmo uma justiça da caca….!!!!

    • Eu não sei se os cães são grandes ou pequenos… eles são é matreiros. E de resto até podemos nem estar na presença de cães, mas talvez mais de porcos, versão orwelliana…

  6. E entre 2002 e 2007 o banco não fez auditorias? Ou será que os auditores também molhavam a sopa no caldinho? E o Banco de Portugal não devia conferir as auditorias aos bancos? E essa coisa do cúmulo jurídico é mesmo o cúmulo, de 111 anos passa para 7 anos, e com bom comportamento está cá fora em 3 anos…

RESPONDER

Sporting vai avançar com ação de despejo das claques

A SAD leonina vai avançar com uma ação de despejo para que as claques Juventude Leonina e Directivo Ultras XXI deixem os espaços que ocupam no Estádio José Alvalade, avança A Bola esta quarta-feira. De …

"Ninguém quer trabalhar" na Casa Pia. Pais em protesto devido à falta de pessoal

Os pais e encarregados de educação do Centro Educativo e Desenvolvimento D. Maria Pia, em Lisboa, vão entregar na segunda-feira um abaixo-assinado à tutela para pedir a abertura de concursos externos para reforço de pessoal …

Trump elogiou Erdogan, depois de uma reunião que descreveu como "maravilhosa e produtiva"

O Presidente norte-americano, Donald Trump, elogiou na quarta-feira o seu relacionamento com o homólogo turco, Recep Tayyip Erdogan. Os dois líderes encontraram-se para tentar superar várias diferenças, incluindo a situação na Síria e a compra …

MH17. Novas provas revelam contactos frequentes entre a Rússia e separatistas ucranianos

A equipa internacional que conduziu a investigação sobre a queda do voo MH17 em 2014 no leste da Ucrânia divulgou novas provas que apontam para contactos muito frequentes entre a Rússia e os rebeldes separatistas …

Imunidade diplomática deixa em liberdade suspeito de tentar matar com ácido sulfúrico

O suspeito de homicídio, na forma tentada, ficou em liberdade depois de ter apresentado o passaporte diplomático às autoridades, que impede que seja detido ou constituído arguido. De acordo com a TVI24, um alto responsável da …

Zivkovic quer rescindir contrato com o Benfica

O extremo sérvio quer chegar a acordo com o Benfica para ficar livre a ano e meio do final do seu contrato mas, pelos vistos, a SAD encarnada nem quer ouvir falar dessa hipótese. De acordo …

Cigarros eletrónicos. Primeiro duplo transplante de pulmões feito em jovem de 17 anos em situação de "morte iminente"

Em risco de "morte iminente" por lesões causadas pelo uso de cigarros eletrónicos, um jovem de 17 anos foi submetido a um duplo transplante de pulmões, no estado norte-americano do Michigan. Este caso é considerado …

Parlamento Europeu levanta imunidade do eurodeputado José Manuel Fernandes

O Parlamento Europeu decidiu levantar a imunidade ao eurodeputado do PSD José Manuel Fernandes, após um pedido feito pela justiça e pelo próprio, relativo a uma eventual ação judicial por um alegado crime de prevaricação. Em …

"Agiu de forma premeditada". Mãe que deixou bebé no lixo vai continuar presa

O Supremo Tribunal de Justiça rejeitou esta quinta-feira o pedido de habeas corpus para a libertação da jovem de 22 anos que terá deixado o seu filho recém-nascido num caixote do lixo em Lisboa. A …

Mau tempo nas próximas 48h. Proteção Civil alerta para cheias e quedas de árvores

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil alertou para a possibilidade de lençóis de água e de gelo nas estradas, cheias rápidas e queda de árvores, devido ao mau tempo nas próximas 48 horas …