Não há dinheiro para aumentos superiores a 50 milhões na Função Pública

Miguel A. Lopes / Lusa

O ministro das Finanças, Mário Centeno

O ministro das Finanças garantiu que os aumentos da função pública previstos no Orçamento do Estado de 2018 não vão ultrapassar os 50 milhões de euros.

Em declarações ao Público, o ministro das Finanças, Mário Centeno, confirmou que o Governo tem disponíveis apenas 50 milhões de euros para aumentar os salários dos funcionários públicos.

“Não há margem visível, estamos a debater um adicional de 50 milhões de euros em cima dos 750 milhões de euros que já vão estar no Orçamento do Estado para despesas com pessoal”, afirmou o governante.

“Temos 800 milhões de euros em cima da mesa. É o compromisso que, neste momento, conseguimos assumir com os trabalhadores da Administração Pública. É um crescimento claramente acima de 3% na massa salarial, não há margem visível para ir mais longe“, acrescentou o também presidente do Eurogrupo.

Segundo o mesmo jornal, o que está a ser negociado é a forma como os 50 milhões de euros serão distribuídos pelos trabalhadores. “Há diferentes estratégias sobre isso. O Governo, através do senhor primeiro-ministro, já referiu quais eram as suas preferências, mas são apenas preferências e a negociação ditará para que lado vamos nessa matéria”, nota Centeno.

O ministro confirma que, neste momento, existem três cenários: o primeiro, que vai ao encontro daquilo que defende António Costa, prevê aumentos só para os trabalhadores que, após a atualização do salário mínimo, estão nos escalões entre 600 e 635 euros. Seriam abrangidos 85 mil trabalhadores e o aumento máximo chegaria aos 35 euros.

O segundo cenário passa por um aumento de dez euros para todos trabalhadores com salários inferiores a 835 euros, o que permitira chegar a cerca de 200 mil funcionários públicos.

Por fim, num terceiro cenário, seriam abrangidos todos os funcionários públicos o que, feitas as contas, daria um aumento mensal de cinco euros.

“As diferentes partes valorizam diferentes dimensões das três propostas, às vezes querendo gerar novas propostas que são misturas destas com outros valores. É visível e notório que os sindicatos têm uma preferência por aumentos transversais”, afirma ainda o ministro, sem dar mais detalhes das negociações.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Os privados sao completamente esmagados com taxas para os funcionários publicos terem os ordenados que têm. Comparativamente com o nivel de vida em Portugal, os professores portugueses sao melhor pagos que os professores na Europa

RESPONDER

Boris janta hoje com Merkel para mudar acordo. Maioria quer novo referendo

A pouco mais de dois meses da data marcada para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem mostra que a maioria dos britânico quer que qualquer novo acordo vá a referendo. Um …

Oficial: Pardal Henriques candidato a deputado pelo partido de Marinho Pinto

O advogado Pedro Pardal Henriques anunciou esta quarta-feira que aceitou o convite para encabeçar a lista do PDR a Lisboa, deixando de ser porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas para "não misturar …

Vem aí um novo filme da saga Matrix

O quarto filme da saga "Matrix" será realizado e produzido por Lana Wachowski e deverá começar a ser rodado no início do próximo ano. A saga cinematográfica "The Matrix" vai ter um novo filme, anunciaram na terça-feira …

Em momento "de vida ou morte" da empresa, Huawei tenta evitar despedimentos

O fundador da Huawei, Ren Zhengfei, escreveu na segunda-feira um comunicado interno no qual admite que a empresa está "num momento de vida ou morte" e pediu aos funcionários que não estão com muito trabalho …

Honduras. Ex-primeira dama condenada por desviar verbas quando marido era Presidente

Um tribunal hondurenho condenou a ex-primeira dama Rosa Elena Bonilla por desviar cerca de 600 mil dólares (540 mil euros) em dinheiro do Governo (2010-2014), quando o marido, Porfirio Lobo, era Presidente. Segundo informou esta quarta-feira …

Maduro confirma conversações ao mais alto nível com EUA

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, confirmou esta quarta-feira que membros do seu governo mantêm contactos de alto nível com funcionários da administração norte-americana de Donald Trump. "[Donald] Trump disse que os Estados Unidos [EUA] dialogam …

Pardal Henriques desmente Marinho e Pinto. Recebeu convite mas ainda não é candidato

O presidente do Partido Democrático Republicano (PDR) anunciou que o porta-voz do SNMMP é candidato às legislativas de outubro. Pardal Henriques confirmou o convite mas diz que ainda não tomou uma decisão. "Pardal Henriques vai ser …

Desemprego registado cai em julho para o valor mais baixo desde 1991

O número de desempregados inscritos nos centros de emprego em Portugal continua a diminuir. O desemprego registado cai em julho para o valor mais baixo desde 1991. É o chamado desemprego registado que, depois de em …

Nova acusação contra Plácido Domingo. Jornalista espanhola diz que o tenor se aproximou “mais do que devia”

A jornalista espanhola Karmele Marchante acusou o tenor Plácido Domingo de se ter aproximado "mais do que devia com cara de quero, posso e mando". É um dos desenvolvimentos mais recentes do caso Plácido Domingo e …

China confirma detenção de funcionário do consulado britânico em Hong Kong

A China confirmou esta quarta-feira a detenção de um funcionário do consulado britânico em Hong Kong, Simon Cheng Man-kit, desaparecido desde 08 de agosto, numa altura de tensão diplomática entre Pequim e Londres, devido aos …