Regresso às aulas. Regras permitem sentar dois alunos por carteira

Rodrigo Antunes / Lusa

As novas orientações da Direção-Geral da Saúde (DGS) prevêem que dois alunos possam sentar-se na mesma secretária no regresso às aulas presenciais, mantendo um distanciamento físico de pelo menos um metro “sempre que possível”. Por seu lado, os especialistas aconselham o uso de máscara a partir dos seis anos.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) enviou orientações às escolas para a preparação do novo ano letivo. O documento com as orientações para as escolas prevê medidas como “circuitos diferentes, utilização de máscaras por toda a comunidade educativa, uma determinada disposição das carteiras nas salas, uma determinada utilização dos espaços e a sua higienização”, sendo semelhante ao documento que já se encontra em vigor.

Uma das medidas permite que dois alunos partilhem a mesma secretária, mas a recomendação geral passa por existir um distanciamento físico de pelo menos um metro “sempre que possível”. Esta medida permite que as escolas não alterem as configurações das salas.



“Sempre que possível, deve garantir-se o distanciamento físico de pelo menos um metro”, disse Graça Freitas, diretora-geral de Saúde, esta quarta-feira, citando o documento assinado pela DGS e pelas direcções gerais de Educação e dos Estabelecimentos Escolares.

De acordo com o jornal Público, que falou com Filinto Lima, presidente da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas, a expressão “sempre que possível” dá “mais margem às escolas para se organizarem”.

Por outro lado, “garantir um metro entre os alunos é uma improbabilidade, tendo em conta a forma como as turmas foram construídas e o tamanho das salas de aulas”, disse Manuel Pereira, da Associação dos Diretores de Escolas (ANDE).

Normalmente, as salas de aula têm entre 45 e 50 metros quadrados. Para garantir o distanciamento mínimo, apenas caberiam entre 12 a 14 alunos, quando há turmas com entre 28 e 30 estudantes. Além disso, as escolas têm normalmente carteiras duplas, pelo que não restarão muitas soluções que não sejam sentar os estudantes lado a lado.

No ensino privado, também os colégios têm dificuldades em seguir as diretrizes da DGS. No colégio Valsassina, em Lisboa, cada turma terá uma sala de uso exclusivo e as carteiras terão o nome do aluno respetivo. Essa é a solução que as escolas públicas estão a estudar para reduzir as necessidades de higienização do espaço entre cada utilização.

Ambos os regimes escolares ainda precisam de estudar, de acordo com o Público, a redução de cruzamento entre os alunos nos corredores e espaços comuns, a limpeza constante das casas de banho e o uso dos bufetes e refeitórios.

O Público relata ainda que os especialistas aconselham o uso generalizado e obrigatório de máscara a partir dos seis anos, aulas por turnos com horários desencontrados, desinfetante e sabão à disposição e ventilação adequada dos espaços.

O Governo quer regressar às aulas presenciais para todos já em setembro. O regime presencial é a primeira opção de preferência, caso haja condições. Para este regime, as escolas terão uma capacidade de “gestão mais flexível dos horários, dos espaços escolares e dos créditos horários”.

O Ministério preparou três cenários distintos para o ano de 2020/2021: regime presencial, misto e não presencial. O objetivo será cobrir todas as hipóteses que podem vir a ser necessárias tendo em conta a evolução da pandemia em Portugal.

O regresso às escolas será entre 14 e 17 de setembro. O próximo ano escolar vai ter mais dias de aulas, devido a um encurtamento das férias da Páscoa e a um terceiro período mais longo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

É agora possível os robôs mexerem-se sozinhos, graças a novos polímeros de alta energia

Através do uso de novos polímeros que armazenam mais energia e são depois aquecidos, investigadores da Universidade de Stanford conseguiram colocar manequins a mexer os braços sozinhos. Era ver robots a mexer os braços sozinhos, pelo …

"Poço do Inferno". Espeleólogos encontram serpentes, mas não demónios

No deserto da província de Al-Mahra, no leste do país, um buraco redondo e escuro de 30 metros de largura serve de entrada para uma caverna de cerca de 112 metros. Uma maravilha natural que …

Vitória SC 1-3 Benfica | “Águia” passa tranquila em Guimarães e continua a voar no topo

Naquele que era apontado como o mais duro teste à sua liderança até ao momento, o Benfica passou com relativa tranquilidade em Guimarães. Frente a um Vitória que tentou discutir o jogo de igual para igual …

Fazer umas calças de ganga exige 10 mil litros de água. Dez marcas estão a criar jeans sustentáveis

As calças de ganga são das peças de vestuário com piores impactos para o ambiente, mas há marcas que estão a apostar na sustentabilidade como um factor atractivo para os consumidores. Estão sempre na moda e …

"Guerra das matrículas" faz escalar tensão entre Sérvia e Kosovo

Esta semana, a fronteira entre o norte do Kosovo e a Sérvia esteve bloqueada por protestos de elementos da etnia sérvia, que não aceitam a decisão do governo kosovar, de etnia albanesa, de proibir a …

Num golpe de "fake it until you make it", Hong Kong vai a eleições a saber o vencedor

Hong Kong prepara-se para as primeiras eleições legislativas após as mudanças no sistema eleitoral implementadas pela China para garantir a vitória dos seus aliados. Aos olhares mais desatentos, as eleições em Hong Kong são mais um …

Stefano Pioli propõe regra de basquetebol que contribui para um "futebol de ataque"

O treinador do Milan, Stefano Pioli, propõe uma alteração nas regras do futebol que promete revolucionar o desporto rei. De forma semelhante ao basquetebol, uma vez dentro do meio campo adversário, as equipas não poderiam voltar …

Um dos maiores sites de dados sobre a covid-19 na Austrália é, afinal, gerido por adolescentes

Aproveitando o momento em que passaram a integrar as estatísticas que os próprios fazem chegar diariamente à população australiana, o grupo de três jovens revelou a sua identidade para surpresa de muitos dos seus seguidores. …

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …

Dirigente da Huawei detida no Canadá pode voltar à China após acordo com EUA

A justiça dos EUA aceitou hoje o acordo entre o Departamento da Justiça e a Huawei, que vai permitir à filha do fundador e diretora financeira do conglomerado chinês de telecomunicações regressar à China. Uma juíza …