Atrasos nas vacinas. União Europeia prepara-se para colocar AstraZeneca em tribunal

Fred Tanneau / AFP

A Comissão Europeia está a preparar-se para iniciar um processo judicial contra a farmacêutica AstraZeneca, segundo cinco diplomatas da União Europeia (UE).

A informação é avançada esta quinta-feira pelo jornal Politico, que relata que a questão foi levantada pela Comissão Europeia numa reunião de embaixadores esta quarta-feira, durante a qual a maioria dos estados-membros disse que apoiaria processar a empresa devido às falhas nas entregas das doses prometidas ao bloco europeu.

Um diplomata explicou ao jornal que o objetivo do processo legal é obrigar a AstraZeneca a fornecer as doses estipuladas no seu contrato com a UE.

Outros dois diplomatas afirmaram ainda que, segundo o prazo estabelecido, os países da UE devem assinar o lançamento de procedimentos legais até ao final desta semana.

A AstraZeneca atiçou a ira da UE em janeiro, quando disse que não conseguiria fornecer ao bloco europeu o número de doses inicialmente previsto. No final do primeiro trimestre, a empresa entregou 30 milhões de doses aos países da UE – em vez das 100 milhões de doses prometidas.

A escassez prejudicou gravemente as campanhas de vacinação nos países da UE.

Além disso, a empresa projetou que entregaria cerca de 70 milhões de doses até o final do segundo trimestre do ano, quando deveria ter entregue todas as 300 milhões de doses garantidas no contrato.

Este mês, fonte do Ministério da Saúde italiano avançou que a UE não vai renovar os contratos da vacina contra a covid-19 com empresas como Astrazeneca e Johnson & Johnson no próximo ano.

A Comissão Europeia decidiu que os contratos com as empresas produtoras de vacinas com vetor viral válidas para o ano em curso não serão renovados. As vacinas contra a covid-19 da AstraZeneca e da Johnson & Johnson enquadram-se neste tipo de vacinas.

Vacina da Valneva entra na 3.ª fase

O laboratório Valneva anunciou esta quarta-feira que a vacina que desenvolveu contra o SARS-CoV-2 vai entrar na terceira fase de ensaios clínicos, a última etapa antes do pedido de comercialização do fármaco.

Em comunicado, a empresa biotecnológica explicitou que a VLA2001 vai entrar no patamar denominado “Cov-Compare”, cujo propósito é comparar a resposta imunitária da vacina candidata da Valneva em relação à vacina Vaxzevria da AstraZeneca, que já está a ser administrada em vários países, apesar do percalço que levou à suspensão temporária em várias nações, incluindo Portugal, por causa do receio de correlação entre a inoculação a formação de coágulos.

“Cerca de 4.000 voluntários receberão as duas doses de uma das vacinas”, descreveu a Valneva, especificando que o ensaio clínico vai decorrer em 25 locais no Reino Unido.

A Valneva espera “demonstrar a superioridade da VLA2001 em comparação com a Vaxzevria duas semanas depois da vacinação”, através da mediação dos anticorpos específicos para o SARS-CoV-2.

Na eventualidade de os resultados serem positivos, a Valneva prevê apresentar os pedidos de autorização para comercializar o fármaco durante “o outono de 2021”.

Maria Campos Maria Campos, ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Juventus quer Zidane para o lugar de Pirlo

O insucesso desportivo da Juventus esta temporada deve fazer com que Pirlo saia do clube. Zidane, que também estará de saída do Real Madrid, é o favorito da vecchia signora. Zinédine Zidane estará a pensar seriamente …

“Incompetência e arrogância”. Cabrita está (novamente) debaixo de fogo. Partidos pedem a sua demissão

Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, está mais uma vez no centro da polémica. Depois de ter avançado com uma requisição civil para que mais de 20 imigrantes fossem transportados para o Zmar, durante a …

Fernando José é o candidato do PS a Setúbal. Ana Catarina Mendes concorre à Assembleia Municipal

O deputado e vereador socialista Fernando José é o cabeça de lista do PS às próximas eleições autárquicas para a Câmara de Setúbal e Ana Catarina Mendes à Assembleia Municipal, revelou fonte oficial do Partido …

Portugal na zona de queda dos restos do foguetão chinês

O foguete de Longa Marcha chinês que foi lançado a 29 de abril, e agora está a preocupar o mundo. As previsões é que a reentrada na atmosfera se dê até ao próximo dia 9 …

CIP propõe "almofada" pública de 8.000 milhões para resolver moratórias

A Confederação Empresarial de Portugal (CIP) propôs ao Governo criar uma "almofada" de garantias públicas no valor de oito mil milhões de euros para dar poder às empresas e levar a banca a renegociar os …

Reino Unido. Variante indiana é “preocupante“ e já infetou idosos vacinados

No Reino Unido, já foram encontradas 48 cadeias de transmissão da variante indiana e sabe-se que há transmissão comunitária. A Public Health England classifica esta variante como “preocupante”. A direção geral de saúde de Inglaterra (PHE …

Petição para cancelar Jogos Olímpicos conta já com 200 mil assinaturas

Uma petição 'online' a pedir o cancelamento dos Jogos Olímpicos Tóquio2020 devido à pandemia da covid-19 ultrapassou esta sexta-feira as 200 mil assinaturas, avançou a agência Lusa. A campanha, lançada na quarta-feira pelo advogado e ativista …

“Não queremos estragar a nossa joia da coroa“. Governo pode limitar acesso da Peneda-Gerês

O Secretário de Estado da Conservação da Natureza concorda com os autarcas, sobre o impacto positivo do turismo para as populações, mas nota que o sucesso do PNPG não pode pôr em causa os valores …

Fome e seca levam milhares de angolanos a fugirem para a Namíbia

A fome provocada pela seca extrema na província de Cunene, no sul de Angola, está a levar milhares de pessoas a fugir para a Namíbia. "A estiagem provocou a rutura de 'stocks' alimentares das comunidades e …

Governo britânico confirma Portugal na “lista verde” de viagens. Preço das viagens disparou

Portugal vai estar na “lista verde” de países considerados seguros para viajar e isentos de quarentena na chegada a Inglaterra a partir de 17 de maio, anunciou hoje o ministro dos Transportes britânico, Grant Shapps. Portugal …