Atentado no Mercado de Natal de Estrasburgo faz três mortos

Jean-Marc Loos / EPA

Um tiroteio que ocorreu esta terça-feira na cidade francesa de Estrasburgo, no local onde ocorre o Mercado de Natal, fez pelo menos três mortos e nove feridos, anunciou a autarquia local.

A Câmara Municipal de Estrasturgo confirmou na rede social Twitter a existência de pelo menos três mortos e nove feridos.  “Tiroteio no centro de Estrasburgo. Obrigado a todos por ficarem em casa enquanto esperam uma clarificação da situação”, escreveu o vice-presidente da autarquia, Alain Fontanel, na rede social Twitter.

As causas do tiroteio não são conhecidas. As autoridades já identificaram o suspeito e montaram uma operação de caça ao homem. O atirador encontra-se em fuga, e estará barricado. O presidente da Câmara de Estrasburgo, Roland Ries, afirmou que se ouviram vários tiros e que o autor dos mesmos se colocou em fuga depois de efetuar os disparos com uma arma automática.

Depois do tiroteio, as autoridades francesas, incluindo o ministro do Interior, Christophe Castaner, apelaram à população que fique em casa até que toda a situação seja clarificada. O Presidente Francês, Emmanuel Mácron, já deu indicação para que Christophe Castaner se desloque para o local da ocorrência.

O tiroteio aconteceu no centro da cidade, junto a um tradicional mercado de Natal e ao espaço comercial galerias Lafayette. O mercado de Natal recebe cerca de dois milhões de visitantes todos os anos.

O Ministério do Interior fala de um “acontecimento grave de segurança pública” na cidade de Estrasburgo. “As pessoas devem ficar em casa”, apela o Governo. O procurador francês para assuntos de terrorismo está a acompanhar a situação, mas as autoridades não confirmam, para já, que se trata de um atentado.

Este poderá ser o mais recente atentado da onda de ataques que têm assolado a França, desde que, em novembro de 2015, um atentado com múltiplas explosões em Paris fez 129 mortos e 352 feridos.

Apesar da recente onda de atentados, a França encontra-se na 144ª posição do ranking de países mais violentos do mundo, medido pela Taxa de Homicídios por 100 mil habitantes , com 1.58 homicídios – ranking liderado por El Salvador, com 108 homicídios / 100 mil habitantes, e no qual Portugal está na 162ª posição.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Só tens uma hipótese França… enterra esses 20 e tal mil assinalados potenciais terroristas e tapa-os com 2 mt de terra bem dura (não vão eles escapar)… ou isso ou então estão fu**dos!!

RESPONDER

Prémios e dados pessoais. Worten alerta clientes para falso SMS em circulação

A Worten alerta os clientes para não partilharem dados pessoais em resposta a mensagens publicitárias falsas que estão a circular por SMS em nome da retalhista, a anunciar um prémio. "Alertamos que não devem ser facultados …

GNR já passou 2200 coimas por falta de limpeza de terrenos. Mais de cem câmaras multadas

Mais de uma centena de câmaras municipais foram multadas por falta de limpeza de terrenos, sendo a ausência de tratamento nas margens das estradas e junto às linhas de distribuição elétrica a principal infração registada …

Presidente do Governo da Catalunha pede a Filipe VI que abdique

O presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, pediu na terça-feira ao rei Filipe VI que abdique e solicitou ao presidente do parlamento que convoque uma sessão plenária extraordinária para estabelecer uma "posição comum" …

Virologista chinesa diz que novo coronavírus foi "criado em laboratório militar"

A virologista chinesa que fugiu para os Estados Unidos deu mais uma entrevista onde assegura que o novo coronavírus foi "criado num laboratório militar". Numa nova entrevista, citada pelo jornal online Observador, Li Meng-Yan, a virologista …

Ministério da Saúde abre 435 vagas para médicos de família

É o maior número de vagas dos últimos anos colocadas a concurso para a contratação de médicos especialistas em medicina geral e familiar para o SNS. De acordo com o jornal Público, o Ministério da Saúde …

MP brasileiro processa pastor por anunciar cura com feijões para a covid-19

O Ministério Público brasileiro pediu a abertura de um processo contra o pastor evangélico Valdemiro Santiago e a Igreja Mundial do Poder de Deus, que anunciaram a cura da covid-19 a partir do cultivo de …

Dívida do Estado à ADSE ascende a 200 milhões de euros

A dívida do Estado à ADSE, em 2019, ascendia a 198,2 milhões de euros, segundo o parecer do Conselho Geral e de Supervisão (CGS) ao relatório e contas do ano passado, publicado no site do …

Governo dos Açores violou Constituição ao impor quarentena obrigatória

O confinamento obrigatório de 14 dias que o governo regional dos Açores tem imposto a quem chega à região autónoma é inconstitucional, dizem os juízes do Tribunal Constitucional. As autoridades açorianas violaram a Constituição ao impor …

China caminha a passos largos para a normalidade. Gaming, cerveja e Ikea dão empurrão

A China não regista, desde 17 de maio, vítimas mortais causadas pelo novo coronavírus. No entanto, há dois surtos ativos que parecem não impedir a população de caminhar em direção à normalidade. À semelhança do resto …

No regresso ao Superior, o Ministério recomenda aulas presenciais, com máscara e ao sábado

No regresso do Ensino Superior, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior recomenda que voltem as aulas em regime presencial com uso obrigatório de máscara e algumas das quais lecionadas ao sábado. Num comunicado …