Argentina raptada há 32 anos foi resgatada na Bolívia

(dr) Gendarmería Nacional Argentina

Uma argentina, sequestrada há 32 anos por uma rede de tráfico de seres humanos, e o seu filho menor foram resgatados no início deste mês, informou a polícia argentina em comunicado divulgado esta terça-feira.

Em 1986, uma mulher de nacionalidade argentina foi sequestrada por uma rede de tráfico de seres humanos. No início deste mês, a argentina, agora com 45 anos, e o filho, de nove, foram resgatados e já regressaram a casa.

“Uma cidadã de nacionalidade argentina tinha sido levada para o Estado Plurinacional da Bolívia há aproximadamente 32 anos. A qual se encontrava com o seu filho menor de idade”, informam as autoridades argentinas em comunicado.

Segundo o Observador, a libertação resultou de uma operação conjunta da Gendarmería Nacional de Argentina (Guarda Nacional da Argentina), a principal força de segurança do país, e da Fuerza Especial de Lucha contra el Crimen (Força Especial de Luta contra o Crime) da Polícia Nacional da Bolívia.

Em 2014, a polícia argentina recebeu uma ordem judicial para voltar a investigar o caso. No início deste ano, as autoridades conseguiram encontrar o paradeiro da mulher, desaparecida desde 1986, quando tinha apenas 13 anos.

Além disso, conseguiram perceber que a argentina tinha um filho que se encontrava junto dela. Os dados a que as autoridades tiveram acesso davam conta de que a vítima estaria em Bermejo, uma cidade da Bolívia, localizada na província de Aniceto Arce, que faz fronteira com a província argentina de Salta.

Assim, as autoridade seguiram as novas pistas e no dia de Natal divulgaram um comunicado que anunciava o mais recente avanço da investigação: a mulher e o filho foram resgatados no início do mês de uma casa onde eram mantidos, na Bolívia.

Sobre o autor do sequestro e sobre as condições em que viviam as vítimas a polícia não avançou qualquer detalhe.

https://twitter.com/gendarmeria/status/1077588840548687872

Após a libertação, a mãe e o filho menor foram entregues a uma associação de apoio e assistência a vítimas de tráfico de seres humanos, na cidade de Salta. Entretanto, as duas vítimas já regressaram à família, em Mar del Plata, uma cidade costeira no centro da Argentina.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

UE estima normalidade nas vacinas daqui a duas semanas. Orbán recebeu vacina chinesa

A União Europeia (UE) estima que dentro de duas a três semanas "tudo vai funcionar normalmente" na produção e distribuição de vacinas nos Estados-membros. Entretanto, o primeiro-ministro húngaro já foi vacinado (mas com uma vacina …

"Os dados de milhões de pessoas estão em risco", alertam denunciantes da Amazon

Denunciantes da Amazon alertam que os dados de milhões de pessoas estão em risco devido à falta de preocupação da empresa com a cibersegurança. A par da Google, Apple, Microsoft e Facebook, a Amazon é uma …

Mais 41 mortes e 718 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou, este domingo, mais 41 mortes e 718 novos novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 718 …

Navalny chega a colónia penal a leste de Moscovo

O principal opositor do Kremlin chegou, este domingo, a uma zona a cerca de 200 quilómetros a leste de Moscovo para ser transferido para uma colónia penal onde vai cumprir a sua pena, informou um …

Já chegou o voo de repatriamento com 300 passageiros vindos do Brasil

O voo de repatriamento vindo do Brasil chegou, este domingo de manhã, ao Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, com cerca de 300 passageiros. De acordo com a RTP, o voo de repatriamento vindo de São Paulo, …

Costa imune ao descontrolo da pandemia. Popularidade de Marcelo dispara

A sondagem TSF/JN/DN regista uma avaliação positiva do primeiro-ministro e do Presidente da República, com este a atingir um novo pico de popularidade. Os líderes do PSD e do Chega surgem empatados como principais figuras da …

Mais seis mortos nos protestos em Myanmar. Embaixador na ONU afastado

Seis manifestantes foram mortos em Myanmar, este domingo, por forças de segurança que dispersavam com violência as manifestações pró-democracia. Três manifestantes foram mortos em Dawei (no sul do país), enquanto dois adolescentes, de 18 anos, morreram …

Siza Vieira anuncia que Programa Apoiar vai ser reforçado e alargado

O programa Apoiar, destinado a empresas afetadas pela pandemia da covid-19, vai ser reforçado e alargado a novas situações, anunciou o ministro da Economia, indicando que as medidas vão ser anunciadas na próxima semana. "Queremos reforçar …

Embaixadora deixa Venezuela na terça-feira. UE chama embaixador em Cuba

A embaixadora da União Europeia na Venezuela vai sair do país na terça-feira, informou à agência Lusa fonte diplomática europeia, sem adiantar mais detalhes. Na última quarta-feira, a Venezuela decidiu expulsar Isabel Brilhante Pedrosa, em retaliação …

EUA aprovam vacina unidose da Johnson & Johnson. Nova Zelândia volta ao confinamento

O regulador do medicamento norte-americano aprovou, este sábado, a vacina contra a covid-19 da Johnson & Johnson, a terceira autorizada nos Estados Unidos. A vacina em causa da Johnson & Johnson é de dose única e junta-se …