Fortnite retira anúncios do YouTube para fugir aos predadores sexuais

A produtora de videojogos que criou o Fortnite, muito popular entre jovens e crianças, decidiu retirar os anúncios publicitários do YouTube por temer que estes apareçam ao lado de comentários publicados por pedófilos.

A empresa norte-americana Epic Games confirmou a exclusão das publicidades do site que pertence à Google e junta-se assim à Nestlé, que tinha feito o mesmo, devido a um recente escândalo sobre uma rede de pedofilia no YouTube, que utiliza comentários e vídeos aparentemente inocentes para tentar alcançar as crianças.

Um utilizador do YouTube chamado Matt Watson, citado pelo jornal britânico The Guardian, publicou um vídeo no último domingo alertando para o facto de o site estar a facilitar a entrada da rede de pedófilos nos seus conteúdos.

Matt explica que, com poucos cliques e uma nova conta do YouTube, os utilizadores podem encontrar vídeos repletos de comentários provocadores sobre crianças.

“Pedófilos andam a trocar contactos nas redes sociais, trocam links para pornografia infantil nos comentários do YouTube, trocam vídeos em segredo e o algoritmo do YouTube, com alguma falha na programação, está a facilitar isso”, afirmou Matt Watson.

O escândalo acaba por ser um desafio para o YouTube, porque os vídeos não são necessariamente abusivos. Na maior parte, são vídeos de meninas a brincar, a fazer exercícios em casa ou em aulas de ginástica.

O problema está na secção de comentários, em que alguns utilizadores deixam mensagens de cariz sexual e até partilham dicas sobre os melhores momentos para pausar os vídeos e captar imagens “comprometedoras” de crianças.

Matt Watson explicou a forma como o algoritmo do site facilita o aumento de uma lista interminável de vídeos de menores, com comentários impróprios. Muitos dos conteúdos são acompanhados de anúncios de marcas como a Nestlé, Disney e o jogo Fortnite.

Questionada pelo Jornal de Notícias, a Google garante que “qualquer conteúdo, incluindo comentários, que ponha em perigo menores é repugnante e temos políticas claras que proíbem isso no YouTube”.

“Tomámos medidas imediatas ao apagar contas e canais, denunciámos atividades ilegais às autoridades e desativámos comentários em dezenas de milhares de vídeos que incluem menores. Há mais a fazer e vamos continuar a trabalhar e a melhorar de forma a identificar mais rapidamente este tipo de abuso”, acrescentou uma porta-voz da Google.

Este tipo de situações não é novidade no YouTube. Antes da preocupação com a “rede de pedofilia”, várias empresas retiraram anúncios do site preocupadas com a possibilidade de ter a sua publicidade associada a conteúdos impróprios, como vídeos publicados por organizações terroristas e incitadores de ódio.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas conseguiram manter tecido cerebral de cobaias vivo durante semanas

Cientistas japoneses conseguiram manter partes de tecido cerebral de cobaias vivas e viáveis durante 25 dias, isoladas numa cultura, graças a um novo método. De acordo com o Science Alert, a chave para o sucesso foi …

Arqueólogos descobrem 25 sítios que comprovam presença militar romana no Norte e na Galiza

Investigadores portugueses e galegos descobriram 25 novos sítios no Norte de Portugal e na Galiza que “comprovam arqueologicamente” a presença militar romana nos dois territórios, correspondendo a maioria dos locais a “acampamentos militares”, revelou hoje …

EUA poderão manter alguns efetivos na Síria para proteger poços de petróleo

Os EUA planeiam deixar alguns efetivos no nordeste da Síria para proteger instalações petrolíferas e garantir o combate contra um possível ressurgimento do grupo extremista Estado Islâmico (EI), disse hoje o secretário de Defesa dos …

Polícias realizam manifestação conjunta em Lisboa a 21 de novembro

Elementos da PSP e da GNR realizam a 21 de novembro, em Lisboa, uma manifestação conjunta para exigirem ao novo Governo "a resolução rápida" dos problemas que ficaram por resolver na anterior legislatura. Com o lema …

Sérvia punida por racismo no jogo com Portugal

A UEFA condenou nesta segunda-feira a Sérvia a disputar o próximo jogo da fase de qualificação para o Euro 2020 à porta fechada, por manifestações racistas na partida com Portugal, disputada em Belgrado, que terminou …

Juve Leo lança críticas à direção: Um clube sem rumo e que precisa de bodes expiatórios

Depois de o Sporting rescindir os protocolos com a Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI devido à "escalada de violência" recente, a Juve Leo reagiu em comunicado com duras críticas à direção de …

Um terço dos fogos deste ano tiveram como causa queima e queimadas

Um terço dos incêndios florestais registados este ano e investigados tiveram como causa queimadas e queimas, revela o último relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). O relatório provisório de incêndios rurais, …

De Nova Iorque a Sydney em 19 horas. Avião da Qantas bate recorde

O primeiro voo comercial direto entre as cidades de Nova Iorque e Sydney, com mais de 19 horas, terminou, este domingo, na cidade australiana. O teste realizado pela companhia aérea Qantas faz parte do Project Sunrise, …

Marcelo ficou "muito impressionado" pela destruição do furacão Lorenzo nos Açores

O Presidente da República visitou, este domingo, o porto das Lajes das Flores, que ficou destruído após a passagem do furacão Lorenzo pelos Açores, mostrando-se "muito impressionado" pela destruição "massiva". "Muito impressionado com aquilo que foi …

Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da formação espalhados pela Europa

O Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da sua formação a atuarem nas ligas europeias e o emblema português mais representado nas 'big 5', segundo o observatório de futebol do Centro Internacional de …