António Saraiva apanha de surpresa confederações patronais

Pedro Nunes / Lusa

António Saraiva, presidente da CIP

António Saraiva admitiu o aumento do salário mínimo acima dos 600 euros, mas apanhou de surpresa os outros patrões que sublinham que a situação difere de setor para setor e de região para região.

As declarações do presidente da CIP, Confederação Empresarial de Portugal, não agradaram os outros líderes patronais.

António Saraiva disse que podia “haver uma surpresa e não ficarmos confinados aos 600 euros” e adiantou ainda que “os salários podem e devem subir, mas indexados à produtividade e ao crescimento”, em declarações ao Jornal de Negócios.

As demais confederações de nada sabiam. Em declarações ao Expresso, os outros líderes patronais referiram que não gostaram de ouvir António Saraiva falar em nome de todos. Apesar de todas as confederações lutarem por melhores salários, é preciso ter uma avaliação clara da realidade de cada setor e de cada região.

A Confederação do Comércio e Serviços (CCP) defende que a metodologia aplicada para a definição do salário mínimo nacional, centrada na produtividade, evolução da inflação e crescimento da economia, deve ser mantida. Ainda assim, sublinha “só em outubro analisaremos os indicadores e definiremos uma posição”.

A Associação Empresarial de Portugal (AEP) defende exatamente o mesmo, tanto que o presidente, Paulo Nunes de Almeida, não entende a estratégia que levou António Saraiva “a jogar este trunfo neste momento”.

Por sua vez, Pedro Ferraz da Cota, presidente do Fórum para a Competitividade, assinala que o atual SMN “é muito elevado em Portugal por se aplicar a pessoas sem qualificação”, desmotivando a aposta na educação e a contratação coletiva “porque a remuneração não depende da empresas mas é fixado pelo Governo”.

Um salário mínimo acima dos 600 euros pode tornar-se um verdadeiro pesadelo para algumas empresas, nomeadamente para a indústria têxtil, que já tiveram de reduzir à margem do negócio “para impulsionarem as exportações”, refere ainda ao Expresso.

Fomos apanhados desprevenidos, não posso adiantar a posição da ATP porque o assunto não foi debatido pela direção”, diz Paulo Vaz, o secretário-geral da Associação Têxtil e Vestuário de Portugal. O aumento do SMN neste setor pode destruir a recuperação que é atualmente conseguida pelas empresas deste ramo.

O salário mínimo nacional está atualmente nos 580 euros. O Governo defende uma subida para 600 euros no próximo ano, mas António Saraiva, que falou em nome de todos, anunciou que poderá surpreender os parceiros sociais e propor um valor acima ao número apontado pelo Governo para 2019.

As associações empresariais, cautelosas, advertem para as comparações apressadas, adianta o Expresso. Em Portugal são pagos 14 meses de salários, e não 12 como noutros países. Além disso, na conta dos custos laborais é preciso entrar com a Taxa Social Única, mais elevada no nosso país do que nos outros.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Este também está fora do prazo e devia de uma vez por todas reformar-se. Tem sido uma nódoa na representação dos interesses das empresas. Tem sido uma vergonha na total incapacidade de compreender as diferentes realidades setoriais. Ficará para a história como o PIOR LÍDER DAS ESTRUTURAS PATRONAIS.

Luís Filipe Vieira reeleito com 62,59% dos votos

Luís Filipe Vieira foi reeleito para um sexto mandato como presidente do SL Benfica, com 62,59% dos votos dos sócios. Vieira está à frente do emblema da Luz desde 2003. Nem a pandemia travou os sócios …

Sporting 3-1 Gil Vicente | “Pote” de ouro na recta final

Sofrimento e alívio. O Sporting esteve a perder em casa por 1-0 com o Gil Vicente até aos 82 minutos, mas deu a volta ao marcador num curto espaço de tempo, acabando por fixar o …

Descoberto na Austrália recife de coral mais alto do que o Empire State Building

Um novo recife "maciço" de 500 metros foi descoberto na Grande Barreira de Corais da Austrália, tornando-o mais alto do que alguns dos arranha-céus mais altos do mundo. Os cientistas encontraram o recife separado - o …

Encontrados restos de ossos e madeira em pregos que terão sido usados na crucificação de Jesus

Um geólogo israelita analisou pregos supostamente associados à crucificação de Jesus Cristo e descobriu que os objetos contêm traços de osso e madeira. Em 1990, durante a escavação em Jerusalém do túmulo de Caifás, o sumo …

Oreo construiu um "Cofre do Apocalipse" para proteger as suas famosas bolachas

Depois do Svalbard Global Seed Vault, que guarda mais de um milhão de amostras de sementes num bunker, e o Arctic World Archive, que preserva os dados do mundo de hoje, a Oreo criou um "Cofre do …

"O Palmeiras sabe quem é o Abel?" - as dúvidas no Brasil, parte II

Abel Ferreira deverá ser confirmado como novo treinador do Palmeiras nesta sexta-feira. No Brasil voltam a surgir questões sobre as contratações de técnicos estrangeiros. Lembra-se de Marco de Vargas, o jornalista da FOX Brasil que não …

Guru de seita de escravas sexuais condenado a 120 anos de prisão

O guru de uma seita de escravas sexuais, conhecida como NXIVM, foi condenado a 120 anos de prisão. Foi considerado culpado de obrigar mulheres a fazer sexo com ele. Keith Raniere, guru da seita de escravas …

Jogadores do Atlético de Madrid "apanhados" a falar sobre João Félix

Saúl e Oblak elogiaram o jovem português, durante o intervalo da receção ao Salzburgo. Tom diferente teve uma conversa entre jogadores do Real Madrid. João Félix voltou às grandes noites nas competições europeias. Depois de já …

Creches "verdes" na Finlândia mudaram o sistema imunitário das crianças

Um pequeno experimento mostra que brincar numa "pequena floresta" durante apenas um mês pode ser o suficiente para mudar o sistema imunitário de uma criança. De acordo com o site Science Alert, várias creches na Finlândia …

Museus holandeses apertam a segurança após assaltos a objetos nazis

Uniformes da SS, armas de fogo e paraquedas estão entre os objetos nazis que estão a ser roubados de museus de guerra holandeses. De acordo com o jornal The Guardian, museus de guerra por todos os …