André Ventura admite deixar direção do Chega se não eleger deputados nas legislativas

André Ventura admite deixar a direção do Chega se não eleger deputados à Assembleia da República, justificando que é necessário “retirar consequências dos resultados” eleitorais.

“Conseguir constituir um grupo parlamentar é o nosso grande objetivo para dar voz a estas causas que têm estado perdidas”, afirma André Ventura, em entrevista à agência Lusa, sublinhando, contudo, que não afasta “um cenário de eleger apenas um deputado” para a Assembleia da República nas eleições de 6 de outubro.

A eleição de pelo menos dois deputados — número necessário para constituir um grupo parlamentar — é o desfecho desejável porque “um deputado só não permite ter tanta força” nas bandeiras que o partido defende, declara. “Depois de elegermos um grupo parlamentar, com as bandeiras que temos, o crescimento do Chega nunca mais vai parar“, antecipa.

No entanto, André Ventura explica que é preciso “retirar consequências dos resultados” eleitorais. “Ou o Chega dá um grande avanço no dia 6 de outubro, ou tem um recuo muito significativo e uma derrota muito significativa”, desenlace que poderá ditar “a saída da direção” do atual líder.

Se não conseguir eleger, reconsiderarei o meu lugar na direção do Chega”, afirma, sublinhando é o presidente do partido que tem “de assumir essa responsabilidade [pelo mau resultado]”.

Questionado sobre a possibilidade de uma coligação à direita, o dirigente partidário refere que o Chega não fecha “a porta a nenhum cenário, desde que seja assinado um acordo” de princípio.

“Se o PSD e o CDS-PP estiverem dispostos à reintrodução da prisão perpétua em Portugal, ao fim das penas suspensas para os crimes sexuais e ao fim desta asfixia fiscal, podemos pensar num cenário destes”, explicou, reafirmando que o partido não aceitará “participar em nenhum governo em que estas três questões não estejam assinadas”.

André Ventura considera que “os líderes da direita” não souberam “passar a mensagem de alternativa credível” ao Governo socialista durante os últimos quatro anos. O objetivo do Chega é, por essa razão, mostrar aos eleitores que “há uma alternativa” de direita além de PSD e CDS-PP.

“Acho que quem é de direita verdadeiramente, de centro-direita, é impossível votar neste PSD, que não se percebe a diferença para o PS. É claramente impossível. Acho que Rui Rio tinha o sonho de ser líder do Partido Socialista, como não conseguiu, seguiu o caminho no PSD”, sustenta.

Questionado sobre as declarações de Assunção Cristas sobre a possibilidade de convergir numa “geringonça à direita”, da qual apenas excluiria o Chega, André Ventura responde que a líder dos centristas é “um desastre absoluto”.

Para o presidente do Chega, Assunção Cristas “está mais preocupada com o Chega” do que com os outros partidos: “Devíamos estar focados em atacar o PS, em atacar o Bloco de Esquerda, em atacar o PCP, em vez de andarmos a trocar ataques entre nós”. Na ótica de Ventura, se “o PSD não passar os 20%”, os restantes votos dos apoiantes da direita vão “estar distribuídos pelo Chega, pelo CDS-PP e, provavelmente, pelo Aliança”.

O Chega vai concorrer às eleições legislativas para “tentar dar esperança aqueles que sentem que são de direita”, que têm valores “de direita, cristã e democrática”, para mostrar que não se resigna a “esta direita soft” e para, “acima de tudo, evitar que a esquerda e extrema-esquerda voltem a governar” nos próximos quatro anos. “Quando a direita enfraquece, toda ela, todos os partidos, é o país que vai perder”, termina.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Em Sydney, as cacatuas aprenderam a assaltar caixotes do lixo. A técnica já é popular

A técnica é simples: agarrar a tampa do caixote do lixo com o bico, abri-la, e em seguida arrastar as patas de modo a colocar a tampa para trás. Em Sidney, este é o método …

Bolsonaro já ameaçou um golpe militar. Brasileiros temem agora que esteja a planear um

Há mais de duas décadas, Jair Bolsonaro ameaçou que faria um gole militar se fosse Presidente. Agora, os brasileiros temem que ele cumpra com a sua "promessa". Numa entrevista televisiva de 1999, o então deputado Jair …

Descoberta de naufrágios da Segunda Guerra pode estimular turismo subaquático em Itália

Quem visitar o sul de Itália no futuro poderá vir a contar com uma nova atividade. A recente descoberta de quarenta naufrágios na costa da ilha de Lampedusa poderá dar origem a uma nova oportunidade …

Costa diz que recuperação económica tem de ser feita "com os olhos postos no futuro"

O primeiro-ministro salientou, este domingo, que a recuperação económica do país "tem de ser feita com os olhos postos no futuro", considerando essencial assegurar condições às novas gerações para se autonomizarem. "A recuperação económica tem de …

Centenas de vendedores de rua na Índia são milionários em segredo

O Fisco indiano descobriu que centenas de vendedores de rua são milionários em segredo. Estes comerciantes foram apanhados a fugir aos impostos. Quando pensamos em milionários, provavelmente imaginamos uma pessoa com uma grande mansão, carros desportivos …

Portugal com mais oito mortes e 2625 novos casos de covid-19

Portugal registou, este domingo, mais oito mortes e 2625 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 2625 novos …

"Cabrita transformou-se numa espécie de ministro sempre em pé", diz líder do CDS

O líder do CDS-PP disse, este sábado, que o país já não confia no ministro da Administração Interna, a quem apelidou de "ministro sempre em pé", adiantando que já se fazem apostas sobre quando será …

A arma que matou o famoso pistoleiro do Velho Oeste "Billy the Kid" vai a leilão

O revólver que matou um dos homens procurados mais famosos do Velho Oeste, há mais de um século, vai a leilão no próximo mês. William "Billy the Kid" Bonney, pseudónimo de William Henry McCarty, foi um …

Milhares protestam em França e Itália contra novas medidas anti-covid

Milhares de pessoas manifestaram-se, este sábado, em várias cidades de França e Itália contra as medidas para controlar a pandemia, sobretudo contra a obrigatoriedade do uso do "passe sanitário" para entrar em espaços públicos. Com gritos …

O holograma de Whitney Houston vai dar um concerto em Las Vegas

No outono, poderá desfrutar de um concerto de Whitney Houston em Las Vegas. A diva será reencarnada, áudio e visualmente, no espetáculo An Evening With Whitney: The Whitney Houston Hologram Concert. Segundo a Forbes, o holograma …