Almofada de segurança das pensões esgota-se uma década mais cedo

António Pedro Santos / Lusa

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho

O Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social deverá esgotar-se na segunda metade da década de 40, ou seja, uma década mais cedo do que o previsto pelo Governo no Orçamento do Estado para 2020.

O Relatório sobre a sustentabilidade financeira da Segurança Social, que acompanha a proposta do Orçamento do Estado para 2021, espelha o impacto negativo da pandemia de covid-19, “através do seu impacto direto na economia e da implementação de medidas de apoio à economia”.

Em relação à projeção para o esgotamento do Fundo de Estabilização Financeira da Social (FEFSS), o relatório estima que o Fundo que serve de almofada para ajudar a pagar pensões quando o sistema entrar no vermelho deve esgotar-se uma década mais cedo do que o Governo previa no Orçamento do Estado para 2020, avança o Expresso.

Os primeiros saldos negativos do sistema previdencial da Segurança Social “são esperados no fim da década de 2020“, à semelhança do que previa o OE2020.

Quanto ao fundo que serve de almofada para o pagamento das pensões, “para 2021, estima-se que o valor de mercado da carteira de ativos do FEFSS seja perto de 22,2 mil milhões de euros, correspondendo a 10,6% do PIB e a 148,5% dos gastos anuais com as pensões do sistema previdencial”, lê-se no relatório.

O documento salvaguarda que “não estão consideradas transferências para a CGA, Marconi e outras situações com transferências do Orçamento do Estado”.

De acordo com o semanário, o Governo indica ainda que para a projeção da evolução do FEFSS assumiu-se uma rentabilidade intrínseca de 3,3% ao ano ao longo do tempo.

Partindo do pressuposto que este fundo “será alimentado pelos saldos do sistema previdencial, enquanto existam, e pelas transferências resultantes do Adicional ao Imposto Municipal sobre Imóveis, da parcela do Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Coletivas e do Adicional de Solidariedade sobre o Setor Bancário, estima-se que o Fundo se esgote na segunda metade da década de 40“.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Vão buscar o montante que há décadas atrás foi retirado p/ onde os politicos muito bem entenderam.
    Não é aceitável que os “fascistas” tenham deixado a SS na altura estava cheia de dinheiro, mas com estes politicos o dinheiro evaporou. Claro tb andaram a dar dinheiro durante décadas para quem não queria trabalhar, Rendimento Mínimo para jovens – a incentivar a Não trabalhar= Esbanjar Dinheiro de quem trabalha. Agora vem com estas conversas que na década de 40 não haverá Nada? E de ano para ano vão baixando década para década. É Nojento. Deviam de ser responsabilizados por colocarem o nosso país tantas vezes na bancarrota. Andamos a trabalhar e a descontar não é para nós é para os Politicos.

RESPONDER

Macron e Modi manifestam vontade de "agir em conjunto" após disputa submarina

O Presidente Emmanuel Macron discutiu a cooperação na região Indo-Pacífico com o primeiro-ministro indiano Narendra Modi, esta terça-feira. O Presidente francês, Emmanuel Macron, e o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, conversaram esta terça-feira, em plena crise dos …

Académica treme: salários, último lugar e treinador de saída

Clube de Coimbra, tal como o Boavista, terá de comprovar que tem cumprido no pagamento dos salários. Em campo, mais uma derrota complicou a situação de Rui Borges. Ainda não há muitos anos, a Académica apareceu …

Marcelo discursou na ONU, lembrou Sampaio e mostrou total sintonia com Guterres

Marcelo Rebelo de Sousa lembrou nas Nações Unidas o antigo Presidente da República Jorge Sampaio, que morreu no dia 10 deste mês, aos 81 anos, pela sua atividade no acolhimento de refugiados. O chefe de …

Governo promete que preço da luz não vai aumentar (e anuncia pacote de 430 milhões)

Esta terça-feira, João Pedro Matos Fernandes, ministro do Ambiente e Ação Climática, anunciou um pacote de medidas no valor de 430 milhões de euros que visam travar a subida do preço da eletricidade no mercado …

"Alguma vez foi fácil?" Catarina Martins diz que Governo "tem pouca vontade" de discutir temas concretos

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, defendeu esta terça-feira que o Governo socialista “tem pouca vontade” de discutir questões concretas nas negociações do Orçamento do Estado para 2022, insistindo na necessidade de debater …

Fisco vai devolver 82 milhões no IVAucher

O programa IVAucher irá devolver aos contribuintes 82 milhões de euros, anunciou, esta terça-feira, António Mendonça Mendes. O secretário de Estado Adjunto e dos Assuntos Fiscais, António Mendonça Mendes, anunciou esta terça-feira que os contribuintes acumularam …

Creches passam a ser gratuitas para todas as crianças do 2.º escalão

Esta terça-feira, o Governo anunciou o alargamento da gratuitidade das creches a todas as crianças dos agregados do 2.º escalão de rendimentos da comparticipação familiar.  A creche passa a ser gratuita para todas as crianças de …

Bissouma disse que é o melhor médio na Premier League. O que dizem os números?

O jogador do Brighton & Hove Albion apresenta dados importantes, numa equipa que está no quarto lugar da Premier League. As declarações causaram algum impacto e também foram reproduzidas pelo ZAP: “Não quero ser arrogante, mas …

Governo britânico expôs acidentalmente identidade de mais de 250 tradutores afegãos

Os endereços eletrónicos de mais de 250 afegãos que colaboraram com as forças britânicas e procuram realocação no Reino Unido foram divulgados por engano pelo Ministério da defesa britânico. O Ministério da Defesa britânico expôs as …

Etna volta a entrar em erupção. É a segunda vez em menos de um mês

O vulcão Etna, em Itália, voltou a entrar erupção, espalhando rapidamente uma nuvem de fumo na parte oriental da ilha italiana da Sicília. O vulcão mais ativo da Europa entrou em erupção esta terça-feira. Segundo o …