Alberto João Jardim talvez deputado em Lisboa

PSD Madeira / Flickr

Alberto João Jardim

Alberto João Jardim

Alberto João Jardim admitiu esta sexta-feira a hipótese de assumir o seu lugar na Assembleia da República e reafirmou que colocará o cargo de presidente do Governo Regional à disposição do representante da República a 12 de Janeiro.

“Pode-se colocar. Eu estou eleito tanto para a Assembleia Legislativa da Madeira como para a Assembleia da República”, respondeu Alberto João Jardim ao ser questionado sobre a hipótese de vir a desempenhar funções de deputado no parlamento em Lisboa.

Em declarações aos jornalistas à chegada ao Funchal, proveniente de Bruxelas, onde participou numa reunião do Comité das Regiões, Jardim disse que o “representante da República tem de se entender com o novo líder partidário”.

Jardim afirmou ainda que o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, sabe o que vai fazer “neste momento”.

“Eu quando me encontro com o senhor Presidente da República entro pela porta de trás, nunca entro pela porta da frente, que é a maneira de eu poder conversar à vontade”, afirmou.

Embora a possibilidade de assumir um lugar de deputado na Assembleia da República ser uma hipótese, Alberto João Jardim disse que não sabe se vai concretizar-se.

“Se houver eleições antecipadas na Madeira, este Governo vai ter de ficar em gestão, pelo menos até à Páscoa, portanto essa hipótese de ir assumir funções ou de não ter pachorra de ir assumir qualquer função na Assembleia da República ou na Assembleia Legislativa da Madeira não se põe para já”, declarou.

Sobre as eleições internas no PSD/Madeira, às quais se apresentam seis candidatos a líder, Jardim disse que não gostaria de ver o partido “nas mãos da maçonaria”, nem “nas mãos de pessoas que nas últimas eleições autárquicas mandaram votar na oposição”, nem “nas mãos das pessoas que são cúmplices da política errada que se faz em Lisboa”.

No entanto, assegurou que vários dos candidatos merecem o seu voto, realçando que quem for eleito, “seja ele quem for”, deve ter por primeiro objectivo a tarefa de unir o partido.

“Se ele não conseguir unir o partido, o meu dever é ajudar nessa união“, declarou, afirmando que se não houver esse esforço de união “já está dado um mau sinal e é um mau sinal que vai implicar uma derrota eleitoral a seguir”.

Alberto João Jardim desvalorizou, por outro lado, a questão dos deputados de PSD/Madeira na Assembleia da República, alvo de acção disciplinar por terem votado contra o Orçamento do Estado para 2015.

O líder social-democrata madeirense referiu-se em particular a Guilherme Silva, dizendo que “tem todas as qualidades e pleno direito para ser vice-presidente da Assembleia da República”.

Não é nenhum Montenegro deste mundo que o vai demitir“, afirmou Alberto João Jardim, referindo-se ao líder parlamentar do PSD.

“Esses meninos, que são profissionais da política, que tenham é todos juízo, porque, infelizmente, quem precisava neste momento de um processo interno, como fez o PS, era o PSD”, acrescentou.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Em 2010, Berardo já não tinha dinheiro para pagar a dívida

Em 2010, o Banco de Portugal (BdP) não encontrou provas de que o grupo Berardo tivesse capacidade financeira para pagar a dívida à Caixa Geral de Depósitos (CGD). Em 2010, a Fundação Berardo e a Metalgest …

A polícia vai deixar de lhe pedir para soprar ao balão

A partir de 2022, a polícia vai deixar de pedir aos condutores para "soprar no balão". A União Europeia prepara-se para implementar novos sistemas de segurança obrigatórios nos novos modelos de automóveis.  Os veículos vão passar …

MH370. Investigador diz que foi usado um avião chamariz durante "desaparecimento forjado"

Andre Milne acredita que foi usada uma aeronave chamariz para enganar e causar a impressão de que os Estados Unidos foram responsáveis pelo sequestro do voo MH370 da Malaysia Airlines. O investigador voluntário Andre Milne afirma …

Grandes devedores levam Ferro Rodrigues a convocar reunião

Na próxima terça-feira, dia 28 de maio, a mesa da Assembleia da República vai ter uma reunião para discutir o acesso à lista dos grandes devedores dos bancos. O presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro …

Arqueólogos descobrem o que estava no cardápio dos camponeses medievais

Há 30 anos, arqueólogos escavaram uma das primeiras aldeias medievais na Inglaterra e descobriram os restos de 73 recipientes usados na altura. Mas encontraram algo mais: os restos minúsculos da sua última refeição. Investigadores da Universidade …

Falta de pessoal cria "graves problemas" à ADSE

O Conselho Geral e de Supervisão da ADSE alerta que a falta de recursos humanos no instituto que gere o sistema de assistência na doença da função pública coloca "graves problemas de gestão". No parecer aprovado …

Marcelo aceita passagem do hospital de Braga para o SNS

Marcelo Rebelo de Sousa promulgou o fim da PPP, reforçando o seu argumento sobre a nova Lei de Bases da Saúde. "A escolha política" do Governo foi "a da criação de uma Entidade Pública Empresarial". O …

A Ciência descobriu qual é a melhor altura do dia para beber café (e não é de manhã)

https://vimeo.com/338075463 Enquanto recolhemos mais grãos, produzimos mais café e patrocinamos os nossos cafés locais, podemos não estar a maximizar os benefícios de saúde e de aumento de energia da nossa caneca diária de café. De acordo com …

Estes aracnídeos vivem nos seus poros, comem a sua gordura e acasalam na sua cara enquanto dorme

Provavelmente terá neste momento alguns dezenas de aracnídeos dentro dos seus poros a alimentar-se silenciosamente dos seus óleos naturais. Mas não há nada a temer. Estes aracnídeos são conhecidos como Demodex e, de acordo com um …

Há uma nova teoria para explicar a onda de sismos silenciosos que fez a Terra tremer em 2018

Em maio de 2018, milhares de terramotos sacudiram a pequena ilha francesa de Mayotte, no arquipélago das Comoras, situado entre o continente africano e Madagáscar. A maioria foram tremores leve mas, um deles, a 15 …