Um agente morto e outro ferido em ataque ao Capitólio

cliff1066 / Flickr

Capitólio dos Estados Unidos

O edifício do Capitólio, em Washington, foi hoje fechado devido a uma “ameaça de segurança” depois de um carro ter invadido a entrada principal para o edifício e atropelado dois polícias, avançou a polícia. Um dos agentes da polícia morreu.

Um agente da polícia morreu esta sexta-feira, e outro ficou ferido, depois terem sido atropelados por um veículo junto ao Capitólio, em Washington, menos de três meses depois de o edifício da Congresso norte-americano ter sido invadido por uma multidão de extremistas, informou a polícia.

Um dos nossos agentes sucumbiu aos seus ferimentos”, disse Yogananda Pittman, diretora interina da polícia do Capitólio, em conferência de imprensa. Pittman confirmou que o suspeito também foi declarado morto após o ataque, que, segundo as autoridades policiais, citadas pela AFP, não parece ter sido um ato de terrorismo.

No Twitter, a polícia do Capitólio avançou inicialmente que o suspeito tinha sido detido e que os dois polícias estavam feridos. “Os três foram transportados para o hospital”, lê-se na publicação.

O incidente ocorreu às 13h02 locais, altura em que o suspeito atropelou os dois agentes que vigiavam a barreira norte do Capitólio, informou a diretora interina da polícia do Capitólio.

O suspeito saiu então do carro com uma faca na mão e não respondeu às advertências verbais feitas pelos agentes no local, após o que os policiais dispararam.

O condutor do carro, que ainda chegou a ser transportado ao hospital com vida, morreu na sequência dos disparos das forças de segurança, anunciaram vários órgãos de comunicação social norte-americanos.

As autoridades não consideram para já o incidente como um ato relacionado com terrorismo,  e informaram que não há uma “ameaça em curso“.

O evento “não parece ser relacionado com terrorismo, mas temos que continuar investigando para ver se há algum vínculo deste tipo”, disse à imprensa Robert Contee, chefe da polícia do Distrito de Columbia, onde fica a capital americana.

“Precisamos de entender a motivação por trás deste ato sem sentido”, acrescentou.

Imagens da televisão mostraram um carro azul a embater na barreira de segurança de uma das ruas que leva ao Congresso dos Estados Unidos, e duas pessoas em macas, que aparentam ser os policias feridos.

Após o incidente, o Capitólio e os edifícios adjacentes foram fechados, e os acessos ao local cortados.

Este incidente segue-se ao violento ataque ao edifício do Capitólio, a 6 de janeiro, por apoiantes de Donald Trump que pretendiam interromper a oficialização da vitória do seu adversário, Joe Biden, nas eleições presidenciais de novembro passado.

O grupo pretendia impedir a oficialização dos resultados eleitorais, depois de o ex-presidente republicano ter alegado recorrentemente, sem apresentar provas concretas, que teria havido fraude nas eleições.

Cinco pessoas morreram nos incidentes de janeiro, incluindo um agente da policia do Capitólio. Desde então, as autoridades ergueram uma barreira e fecharam um amplo perímetro em volta do Capitólio, mas nos últimos dias tinham começado a reduzir a área cercada e a abrir o tráfego.

O congressista Peter Meijer pediu ao Twitter orações pelos policiais do Capitólio e pelo pessoal de emergência no local. “Estamos a tentar entender a situação que está a desenvolveer-se no Capitólio agora”, disse o deputado.

Após o atropelamento, um grande contingente de agentes da Guarda Nacional e veículos militares foram mobilizados para o local.

ZAP // AFP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Biden diz que ataque a oleoduto veio da Rússia. Mas exclui envolvimento do Kremlin

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, afirmou na quinta-feira que o ciberataque que paralisou durante vários dias a maior rede de oleodutos do país foi proveniente da Rússia, mas exclui envolvimento do Governo …

Máscaras vieram para ficar. Mas pode haver exceções

A máscara de proteção individual vai continuar a fazer parte do nosso dia-a-dia. No entanto, pode haver exceções para os já vacinados contra a covid-19. O Governo convidou os especialistas a criarem um novo plano e …

Chega quer que agentes da PSP e GNR usem câmaras de vídeo nas lapelas e nas viaturas

O deputado único do Chega entregou esta quinta-feira um projeto de resolução no Parlamento que recomenda a colocação de câmaras de vídeo nas lapelas das fardas e nas viaturas das forças de segurança, a fim …

Em dia sem registo de mortes, Portugal contabiliza 450 novos casos

Esta sexta-feira, Portugal não regista qualquer óbito. Nas últimas 24 horas, houve 450 novos casos positivos de infeção, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Não morreu ninguém infetado com o novo …

Câmara de Torres Vedras deteta migrantes a viverem em armazéns e antigas pecuárias

Além de espaços sem condições de habitabilidade, como armazéns e pecuárias desativadas, a autarquia tem conhecimento de "casas alugadas a pessoas migrantes onde existe sobrelotação". A Câmara de Torres Vedras, no distrito de Lisboa, levantou coimas …

Parlamento aprova "direito ao esquecimento" para quem superou doenças graves

O Parlamento aprovou esta sexta-feira, na generalidade, o projeto-lei do PS que pretende consagrar o “direito ao esquecimento” para acabar com a discriminação de pessoas que tiveram cancro. O Parlamento aprovou, na generalidade, o projeto-lei do …

No seu último discurso, presidente do Supremo atira críticas aos megaprocessos

António Piçarra, presidente do Supremo Tribunal de Justiça, centrou o seu último discurso na falta de eficácia do sistema judicial em tratar os processos especialmente complexos de corrupção. Para o presidente do Supremo Tribunal de Justiça, …

Viagens não essenciais de e para o Reino Unido permitidas a partir de segunda-feira

Cristóvão Norte, deputado do PSD, criticou a indefinição em torno das viagens do Reino Unido para Portugal, em entrevista à BBC. Entretanto, esta manhã, fonte governamental revelou que as viagens não essenciais de e para …

PPP na saúde levou Estado a "poupar" mais de 200 milhões

As Parceiras Público-Privadas (PPP) dos hospitais de Braga, Vila Franca de Xira, Loures e Cascais trouxeram ao Estado uma "poupança" de 203 milhões de euros, menos de um terço do que se esperava no arranque …

Praias podem receber mais banhistas este verão

Apesar de o semáforo de lotação das praias se manter nesta época balnear, a percentagem de ocupação sobe para os 90%. Quem não respeitar as regras estará sujeito a coimas. As limitações à lotação, introduzidas no …