Advogados podem ter de processar os próprios familiares para conseguirem subsídio

Os advogados terão de provar a quebra de rendimentos – poderão ter de desencadear ações judiciais contra os próprios familiares que se recusarem a sustentá-los – para acederem a um subsídio destinado a compensá-los pela redução de trabalho provocada pela pandemia.

O jornal Público adiantou esta terça-feira que, para terem acesso a um subsídio destinado a compensá-los pela redução de trabalho, os advogados vão ter de provar em tribunal que recorreram a todos os familiares para fazer face à crise – isto inclui o cônjuge, pais, filhos, irmãos, outros familiares e até ex-cônjuges. Caso não tenham essa ajuda, vão ter de processar esses familiares para obter o apoio.

A concessão do subsídio, que tem um valor de 438 euros mensais e se pode prolongar até a um máximo de seis meses, está dependente de os advogados conseguirem provar em tribunal que recorreram a todos os familiares para resolver os problemas financeiros.

A decisão de ajudar os advogados em tempos de pandemia só foi tomada em julho depois de protestos da classe e de o Governo ter sido alvo de reprimenda pela Provedora de Justiça.

Estando associados a um sistema privado, o subsídio é pago pela Caixa de Previdência dos Advogados e Solicitadores, que está a pedir aos advogados “certidão de sentença [judicial], com nota de trânsito em julgado, comprovativa de se encontrar esgotado o recurso”, identificando os familiares que deveriam ter ajudado.

Esta exigência é exclusiva para advogados, segundo Luís Menezes Leitão, o bastonário da ordem. Menezes Leitão disse, em declarações ao Público, estar perplexo com o comportamento do Parlamento e estranha que não tenha sido ouvido sobre o assunto.

Já a Caixa de Previdência dos Advogados e Solicitadores argumentou ao mesmo jornal que a alteração legislativa foi feita alargando o subsídio de assistência à atual crise, em vez de ter sido criado um novo apoio, e que, por isso, a organização “manteve os procedimentos já existentes para a atribuição do subsídio em causa”.

Para o deputado José Manuel Pureza, do Bloco de Esquerda, houve um “truque interpretativo” da Caixa de Previdência dos Advogados e Solicitadores para não ter de pagar os apoios aos advogados.

ZAP //

 

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Sinceramente não sei para que serve este Caixote de Previdência, já em tempos houve outra polémica com uma advogada que além de não ter direito a NADA por doença (oncológica?) e não tinha rendimentos e AINDA TINHA QUE PAGAR a cotização mensal.
    Parece que só serve para a Reforma……..ACABEM COM ESTA e a exemplo do que já aconteceu com outro sistemas, entre para o Segurança Social que é melhor qualquer coisa, pelo menos tem direito a baixa e deixam de pagar.

António Mexia e Manso Neto vão deixar gestão da EDP

Os presidentes executivos da EDP e da EDP Renováveis, António Mexia e Manso Neto, ambos suspensos de funções, manifestaram-se indisponíveis para voltar a integrar os órgãos sociais do grupo num novo mandato. Em comunicado à Comissão …

João Ferreira desafia Marcelo a assumir candidatura "o quanto antes"

  João Ferreira, candidato comunista às presidenciais, acredita, como os "todos" os portugueses, que Marcelo Rebelo de Sousa será recandidato, mas desafiou-o esta segunda-feira a dizê-lo "quanto antes", por "uma questão de transparência". “Já todos perceberam o …

Irão. Líder Supremo pede punição pela morte de cientista que liderou programa nuclear

O líder supremo do Irão, o Ayatollah Ali Khamenei, exigiu no sábado punição pela morte do cientista Mohsen Fakhrizadeh, que liderou o programa nuclear de Teerão, enquanto a República Islâmica culpa Israel pelo assassinato. Israel, há muito …

Portugal é o país da UE mais próximo de atingir metas climáticas para 2030

Portugal é o país da União Europeia (UE) mais perto de atingir as suas metas climáticas de redução de emissões até 2030, relativamente aos níveis de 2005, segundo um relatório esta segunda-feira publicado pela Comissão …

Novos casos aumentam mais de 50% em oito concelhos do Norte

O número de novos casos de infeção no Norte aumentou mais de 50% em oito concelhos da região, seis dos quais no distrito de Vila Real e dois em Bragança, segundo o relatório da Administração …

União Europeia convida Joe Biden para cimeira presencial durante presidência portuguesa em 2021

O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, convidou o Presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, para uma cimeira presencial no primeiro semestre de 2021, durante a presidência portuguesa da União Europeia. Fontes europeias informaram que …

Maior controlo nas fronteiras não foi eficaz para conter o vírus, diz Cabrita

O ministro da Administração Interna considerou esta segunda-feira que o maior controlo nas fronteiras internas do espaço Schengen, durante os primeiros meses da pandemia, não foi eficaz para conter o novo coronavírus. “Ao nível das fronteiras …

Hospitais de Coimbra estão "muito próximos" do limite de capacidade

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) está "muito próximo do limite de capacidade" de resposta à covid-19, devido à falta de recursos humanos, disse esta segunda-feira o presidente do conselho de administração da …

Médico de Maradona apresenta-se voluntariamente às autoridades judiciais

O médico Leopoldo Luque apresentou-se esta segunda-feira voluntariamente às autoridades judiciais para explicar as circunstâncias em que ocorreu a morte do ex-futebolista Diego Maradona, depois de a sua casa e o seu consultório terem sido …

Itália mantém recolher obrigatório no Natal e Ano Novo

O ministro dos Assuntos Regionais italiano anunciou esta segunda-feira que o recolher obrigatório se vai manter durante o Natal e Ano Novo, no mesmo dia em que o Governo aprovou um novo plano de apoio …