Acidentes com lixívia mais do que duplicaram durante a pandemia

Dados do Centro de Informação Antivenenos (CIAV), do INEM, revelaram que em março e abril deste ano o número de casos de exposição indevida a lixívia e outros detergentes de limpeza mais do que duplicou em relação ao mesmo período de 2019.

Segundo esses dados, disponibilizados ao Expresso e divulgados esta quarta-feira, o número de desinfetantes da pele sob a forma de álcool, álcool em gel e água oxigenada, é cerca de oito vezes superior ao de 2019.

Fátima Rato, médica responsável pelo CIAV, explicou que esse número deve-se, desde logo, às recomendações da Direção-Geral da Saúde (DGS) no contexto da pandemia, apontando para uma “utilização intensiva” de lixívia, detergentes de limpeza e desinfetantes das mãos.

“As pessoas seguiram à risca as orientações das autoridades e começaram a utilizar muitos mais estes produtos, tanto na desinfeção das mãos e alimentos, como na limpeza das suas casas, nomeadamente na entrada da habitação, casas-de-banho, e na desinfeção de alimentos”, referiu.

No caso da lixívia e detergentes, o número de casos passou de 172 para 374 este ano. “Atendi algumas chamadas de pessoas que tinham estado durante várias horas a lavar as suas cozinhas ou casas-de-banho com lixívia e ficaram com alterações na pele”, disse Fátima Rato, que também trabalha no serviço de atendimento telefónico do CIAV.

Outra situação recorrente relaciona-se com a diluição de “em garrafas de água, para não ter um produto tão concentrado”, e de isso muitas vezes levar a que “outra pessoa que vive na casa, inadvertidamente, beba dessa garrafa”.

Relativamente às chamadas, 85,3% foram de adultos, mas “muitas das situações envolveram crianças, porque estavam em casa devido ao confinamento, com fácil acesso aos produtos”. Os casos deram-se por ingestão (47%), inalação (37%), contacto ocular (10,2%) e reação cutânea (5,6%). Os acidentes com desinfetantes das mãos passaram de oito para 69.

Os casos graves, contudo, “foram uma minoria”, sublinhou Fátima Rato, que aconselha “manter os produtos nas suas embalagens originais”, no caso da lixívia. Em caso de diluição do produto, deve ser “colocado um rótulo bem visível para não confundir com o conteúdo que estava lá originalmente”. Estes produtos devem estar longe do seu alcance das crianças “e em locais a que não consigam aceder com facilidade”.

O número de chamadas para o CIAV em março e abril deste ano diminuiu, passando de 5.100 (média diária de 83,6) para 4.489 (média de 73,6), o que, segundo a responsável, acompanha a tendência de outros serviços de urgência, como o 112 e o Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU), também do INEM.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Benfica 2-0 Rio Ave | Águia volta a voar

O Benfica regressou às vitórias na Liga NOS, três jogos depois. A formação “encarnada” recebeu e venceu o Rio Ave por 2-0, com os dois golos apontados por Haris Seferovic e Pizzi numa segunda parte …

Criança de dois anos cai do 12º andar (mas acaba por ser salva por estafeta)

No passado domingo, em Honói, na capital do Vietname, um estafeta salvou a vida de uma criança de dois anos que caiu do 12° andar de um prédio. Nguyen Ngoc Manh é agora conhecido como …

Em França, livrarias e lojas de discos são agora "comércio essencial"

O decreto de lei do Governo francês, publicado na última sexta-feira, incluiu as livrarias e lojas de discos na lista do chamado "comércio essencial", podendo permanecer abertas em caso de confinamento. Em declarações à agência France-Presse, …

Icebergue maior que Nova Iorque parte-se perto de estação de investigação na Antártida

Um icebergue gigante partiu-se esta sexta-feira na plataforma de gelo de Brunt, na Antártida, perto de um posto de investigação do British Antartic Survey (BAS). O bloco de gelo, com 1.270 quilómetros quadrados, será ainda maior …

A Greenpeace está a atirar pedras gigantes para o Mar do Norte. Eis a razão

Na semana passada, a Greenpeace atirou pedras gigantes ao mar ao redor do Reino Unido. Esta ação faz parte do objetivo da organização de acabar com os barcos de pesca de arrasto no fundo do …

Deco avança para tribunal contra Apple por manipulação de desempenho dos iPhones 6

A Deco Proteste anunciou esta segunda-feira que avançou com uma ação judicial contra a Apple, acusando-a de práticas enganosas por ter manipulado os iPhones 6, 6 Plus, 6S e 6S Plus para se tornarem obsoletos …

Crónica ZAP - Nota Artística por Nuno Miguel Teixeira

Nota artística: pouco Festival no FC Porto-Sporting

https://soundcloud.com/nuno-teixeira-264830877/fc-porto-0-0-sporting-o-musical Está bem: Futebol Clube do Porto contra Sporting Clube de Portugal. Segundo classificado recebe o líder. Jogo que pode praticamente definir o novo campeão nacional de futebol. O encontro é naquele estádio junto ao centro …

Índia e Paquistão comprometem-se a respeitar cessar-fogo em Caxemira

Na quinta-feira, o Paquistão e a Índia alcançaram um acordo para fazer cumprir o cessar-fogo na região de Caxemira, reivindicada pelos dois países. A fronteira entre ambos é palco frequente de ataques que deixam soldados …

Governo quer rever norma da dádiva de sangue que exclui homossexuais

O Governo determinou, esta segunda-feira, a constituição de um grupo de trabalho para rever a norma que exclui dadores "por comportamento sexual". De acordo com o SAPO24, o Ministério da Saúde determinou a constituição de um …

Governador de Nova Iorque volta a ser acusado de assédio sexual

O governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, foi acusado por outra ex-assessora de assédio sexual, que foi sua assistente executiva e conselheira de políticas de saúde até novembro do ano passado. Segundo noticiou no sábado o New …