A Rússia gastou 82,5 mil milhões de dólares a defender o rublo em 2014

koraxdc / Flickr

Pôr de Sol de inverno no Kremlin, Moscovo

Pôr de Sol de inverno no Kremlin, Moscovo

O Banco da Rússia revelou esta terça-feira que gastou 82,5 mil milhões de dólares em defesa do rublo no ano de 2014.

Só em dezembro, na tentativa de conter a brusca desvalorização da moeda nacional russa, foram gastos 11,9 mil milhões de dólares nas intervenções cambiais.

Durante o mês de dezembro, além de a inflação ter disparado, a moeda russa caiu vertiginosamente até um valor recorde de 75 rublos por dólar, em comparação com uma média de 38 rublos por dólar em setembro.

Há um ano, a moeda russa era negociada a 33 rublos por dólar.

As autoridades russas citam as sanções ocidentais, os preços baixos do petróleo e a especulação cambial entre as principais razões para os problemas financeiros do país.

Cortes no Orçamento

O ministro das Finanças, Anton Siluanov, afirmou esta quarta-feira que as sanções impostas pelo Ocidente e o declínio nos preços do petróleo forçarão o país a fazer cortes no orçamento de 2015.

De acordo com Siluanov, os gastos devem ser reduzidos em 10% em todos os sectores, excepto os relacionados com a Defesa.

International Monetary Fund / Flickr

Antón Siluanov, ministro das Finanças da Rússia

Antón Siluanov, ministro das Finanças da Rússia

Em discurso durante uma conferência económica anual, Siluanov afirmou que as receitas orçamentais da Rússia devem ficar abaixo do previsto em 180 mil milhões de dólares, devido à queda nos preços do petróleo.

O ministro estima ainda que as sanções tenham um peso negativo de 40 a 60 mil milhões de dólares nas receitas do governo.

Recessão

De acordo com um relatório divulgado pelo Ministério do Desenvolvimento Económico russo, a economia do país pode entrar em recessão já a partir do primeiro trimestre de 2015.

Segundo o relatório, além da queda do rublo, o risco de recessão é resultante da turbulência económica, do impasse geopolítico com o Ocidente e da fuga de capitais do país.

Numa tentativa de reaquecer a economia, o Ministério das Finanças pretende utilizar um fundo de reserva, acumulado durante anos com a venda do petróleo a preços elevados, para injectar liquidez no sistema financeiro.

A medida também tem por objectivo contrabalançar a subida da taxa de juros do país para 17% em 2014.

ZAP / RVR

PARTILHAR

RESPONDER

Portugal volta a bater recorde de infeções: mais 4.224 casos nas últimas 24 horas

Portugal voltou a bater o recorde de infeções diárias esta quinta-feira. Nas últimas 24 horas, registaram-se mais 4.224 casos positivos em todo o país. Dia após dia, Portugal continua a bater recordes de infeções diárias. Nas …

Depois do novo confinamento, França estende uso obrigatório de máscara nas escolas às crianças de 6 anos

O uso de máscara na escola em França será estendido na próxima semana às crianças a partir dos seis anos, anunciou esta quinta-feira o primeiro-ministro francês, Jean Castex, um dia após o anúncio de novo …

"A lei não pode exigir esse tipo de heroísmo". Presidente polaco recua na oposição ao aborto

O Presidente da Polónia defendeu esta quinta-feira que as próprias mulheres deveriam ter o direito de abortar em caso de fetos com problemas congénitos, rompendo com a liderança conservadora, que apoiou uma proibição que levou …

Advogados ligados à PLMJ contestam interesse público de revelações de Rui Pinto

A invocação de interesse público dos documentos e das informações expostas por Rui Pinto na Internet foi contestada, esta quarta-feira, por advogados ligados à sociedade PLMJ, na 18.ª sessão do julgamento do processo "Football Leaks". Na …

Microempresas do turismo do Norte com maior adesão a apoios

As microempresas de turismo do Norte foram as que mais dinheiro receberam da linha de apoio à tesouraria criada em resposta ao impacto da pandemia nesse setor, ficando com 29,3% (15,3 milhões de euros) do …

Migrantes marroquinos "desesperados e assustados" em greve de fome. Entre eles está uma mulher grávida

Seis dos migrantes marroquinos que chegaram ilegalmente em setembro estiveram em greve de fome, entre os quais uma grávida. Dizem não serem autorizados a falar com as famílias há mais de 40 dias. O protesto é …

TAP precisa de mais de 100 milhões por mês até final de 2020

O Plano de Tesouraria da TAP para 2020 revela que a empresa precisa, em média, mais de 100 milhões de euros por mês até ao final do ano para suprir as necessidades de liquidez. De acordo …

Fafe declara estado de emergência municipal devido à "rapidez" da propagação da covid-19

O concelho de Fafe está em estado de emergência municipal devido à “evolução grande” do número de infetados com o novo coronavírus e à “rapidez” da propagação, anunciou o presidente da Câmara. Em vídeo publicado nas …

Ameaça iminente. FBI alerta que hackers vão atacar sistema de saúde dos Estados Unidos

O Departamento Federal de Investigação (FBI) e duas agências federais anunciaram que cibercriminosos estão a desencadear um grande ataque de resgate contra o sistema de saúde dos Estados Unidos. Num alerta conjunto, o FBI e duas …

Multidão para ver ondas gigantes na Nazaré. Câmara corta acesso ao Farol

A Câmara e a Capitania da Nazaré decidiram cortar o acesso pedonal à estrada do Farol, para conter a excessiva concentração de público que assiste às ondas gigantes e garantir condições de segurança, informou o …