80 anos depois, naufrágio mortal da 2.ª Guerra continua envolto em segredos e mistérios

Há 80 anos, aviões nazis afundaram um navio de cruzeiro requisitado pelo Governo britânico para evacuar tropas de França após a invasão pelas tropas alemãs.

Num dos eventos mais mortais da 2.ª Guerra Mundial, o naufrágio de Lancastria viu comunidades costeiras na região oeste da Loire-Atlantique, em França, a lutar para resgatar sobreviventes, cuidar dos feridos e enterrar os mortos. Durante semanas, corpos continuaram a dar à costa.

De acordo com o Raw Story, os detalhes do naufrágio, incluindo o número de fatalidades quando o Lancastria afundou, permanecem encobertos por um chamado “aviso D” emitido por Winston Churchill para ocultar as notícias do naufrágio de um público desmoralizado pela guerra.

O “blackout” dos media foi decretado durante 100 anos até 2040, embora muito se tenha conhecido sobre o incidente através dos sobreviventes, parentes mais próximos e investigadores históricos, como a Associação Lancastria da Escócia.

O naufrágio é descrito como o pior desastre da história marítima britânica e a maior perda de vidas das forças britânicas na 2.ª Guerra Mundial.

Os milhares de passageiros eram principalmente militares, mas também civis que embarcaram no antigo navio de cruzeiro em Saint-Nazaire para fugir do avanço alemão.

Os aviões da Luftwaffe apanharam o navio exposto na costa atlântica da França e bombardearam-no, fazendo-o virar e afundar em 20 minutos, enquanto o combustível aceso incendiava o mar ao redor.

O número de mortos é estimado em 2.500 a 6.000 – mais do que os naufrágios do Titanic e do Lusitania juntos. Houve 2.477 sobreviventes.

O sigilo continua a encobrir o Lancastria como as águas escuras e cheias de lodo que agora cobrem o local dos destroços”, dusse a Associação Lancastria, cujo site lista os relatos dos sobreviventes e uma petição para que o naufrágio seja declarado um túmulo de guerra marítima sob a lei britânica.

Valerie Roux, especialista da 2.ª Guerra Mundial com o arquivo do departamento Loire-Atlantique da França, reuniu registos irregulares ao longo dos anos, principalmente de um prédio do governo em Saint-Nazaire bombardeado durante a guerra.

Os papéis da sua coleção, amarelados pelo tempo e agora expostos ao público, revelam o quão pouco se sabe sobre as vítimas. “Ele vestia calças caqui e uma camisa caqui com meias cinzentas”, lê-se numa lista de cadáveres compilados por um município. Outro “usava um anel de metal no dedo anelar esquerdo”.

Em Piriac, foram encontrados os corpos dos soldados Harry Bullock e Charles Heron. Um terceiro corpo foi listado como “desconhecido”, de acordo com “documentos apreendidos pelo exército ocupante”. Em Bernerie, os registos estão incompletos porque “o presidente, o vice-presidente e a secretária do presidente (estavam) todos no exército”.

Thibaud Harrois, um professor sénior de política britânica da Universidade Sorbonne Nouvelle, disse que o avanço alemão em 1940 após a chamada “Guerra Falsa” – um período inicial sem grandes hostilidades – “surpreendeu todos verdadeiramente”.

Isso levou as forças aliadas a retiraram-se de França, sendo que cerca de 340 mil soldados foram evacuados pelo mar. “Na Grã-Bretanha, quando se fala da retirada de maio de 1940, é a Batalha de Dunquerque que se tornou o símbolo, assumiu proporções míticas porque mais soldados foram evacuados do que o planeado”, disse Harrois.

No entanto, o Lancastria foi uma evacuação “fracassada”, o que explica o desejo das autoridades de ocultá-la.

Descendentes de vítimas e sobreviventes continuam a honrar os mortos. A cerimónia para marcar o aniversário teve de ser atenuada este ano, limitada a apenas 10 pessoas por causa das restrições impostas ao combate à epidemia de coronavírus.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Não foram meteoros. Uma forte atividade vulcânica arrefeceu a Terra há 13 mil anos

Porque é que a Terra arrefeceu repentinamente há 13 mil anos? Sedimentos antigos encontrados numa caverna no Texas, nos Estados Unidos, parecem ter resolvido este grande mistério. Alguns cientistas acreditam que o fenómeno que arrefeceu repentinamente …

Novo método prevê erupções solares com algumas horas de antecedência

Um novo método capaz de prever explosões solares poderia ajudar a Humanidade a preparar-se contra possíveis desastres causados por este fenómeno explosivo da nossa estrela. As erupções solares são explosões que ocorrem na superfície do Sol …

Mulan a preço premium estreia na Disney+ em setembro

A adaptação live-action de Mulan tem nova data de estreia. O anúncio foi feito pela Disney nesta terça-feira (4). O filme chega à plataforma de streaming Disney+ no dia 4 de setembro, estando disponível em …

Belgas trocam as voltas à pandemia e passam férias nas árvores

Enquanto uns passam o verão em casa, outros atrevem-se a ter uma experiência diferente. Alguns belgas estão a passar as noites de verão pendurados em árvores, em tendas em forma de lágrima. A pandemia de covid-19 …

Máscara inteligente traduz até oito línguas (mas não protege do coronavírus)

Esta máscara inteligente, criada por uma empresa japonesa, consegue traduzir o discurso do seu utilizador em várias línguas (mas, por si só, não o protege do novo coronavírus). Quando a pandemia de covid-19 transformou as máscaras …

Empresa fica com excedente de 40 mil quilos de frutos secos devido à covid-19

A GNS Foods, a empresa que nos últimos 30 anos forneceu os frutos secos à American Airlines, ficou com um excedente de 40 mil quilos por causa de restrições impostas devido à covid-19. Servir frutos secos …

Astronautas da NASA fizeram partidas por telefone para "matar" tempo durante o regresso à Terra

Os astronautas da NASA Bob Behnken e Doug Hurley fizeram algumas partidas por telefone durante o regresso à Terra a bordo cápsula Dragon, da empresa SpaceX de Elon Musk, num voo que foi duplamente histórico. …

Em plena pandemia, há um venezuelano que assegura os funerais no Peru

Ronald Marín é a última esperança para os habitantes de Comas, em Lima. O venezuelano é o único que realiza funerais católicos num cemitério longe do centro da capital, em plena pandemia. Vestido com uma túnica …

Covid-19 pôs mais de um milhão de portugueses em teletrabalho no 2.º trimestre

Um milhão de pessoas esteve em teletrabalho no segundo trimestre, sobretudo devido à covid-19, o equivalente a 23,1% da população empregada, enquanto mais de 600 mil não trabalharam nem no emprego nem em casa. De acordo …

Dia da Defesa Nacional regressa ao formato presencial a 2 de setembro

O Dia da Defesa Nacional, que está suspenso desde o dia 9 de março devido à pandemia de covid-19, irá regressar ao formato presencial a 2 de setembro, anunciou o Governo esta quarta-feira. Em comunicado, o …