Após 40 dias de confinamento, Albânia reabre atividades para reativar a economia

A Albânia permitiu esta segunda-feira a reabertura de centenas de atividades produtivas e comerciais para reativar a economia de um dos países mais pobres da Europa, após 40 dias de confinamento e com uma curva de infeções da covid-19 sob controlo.

O governo decidiu abrir hotéis e parques de campismo, na esperança de um regresso do turismo interno de praia e montanha, mas sob estritas medidas de distanciamento social. Prevê-se ainda que o cancelamento dos voos em muitos países vizinhos implique o aumento das chegadas por via rodoviária.

Os centros educativos, transportes públicos, bares e restaurantes permanecem encerrados, mas segundo a lista divulgada pelo ministério da Saúde, as indústrias petrolíferas, mineira, têxteis e de produção de materiais de construção podem iniciar a partir de esta segunda-feira a sua atividade.

Regressam ainda à atividade as agências imobiliárias, escritórios de notários, negócios de venda de eletrodomésticos, venda de jornais, de produtos cosméticos, floristas, e ainda o setor das pescas e diversos mercados, entre outros.

Devido à pandemia do coronavírus, o Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê para 2020 uma queda de 5% da produção nacional, em comparação com o ano anterior.

A Albânia conseguiu manter sob controlo a curva das infeções de coronavírus, confirmando oficialmente 584 contágios e 26 mortes.

Esta abertura gradual da economia será acompanhada de duras medidas administrativas e penais, aprovadas pelo parlamento na quinta-feira, que preveem até oito anos de prisão para os casos de incumprimento da quarentena que signifiquem graves consequências para a saúde pública.

Os empregados poderão deslocar-se de carro para o local de trabalho mediante autorização prévia, enquanto permanece a norma que apenas permite a um membro da família efetuar compras diárias de alimentos durante 90 minutos, entre as 5h e as 17h30.

No decurso do fim de semana manteve-se o estrito confinamento entre as 17h30 de sexta-feira e as 5h de esta segunda-feira.

Os reformados, totalmente confinados em suas casas, puderam sair à rua entre as 5h e as 11h de sábado, enquanto as mães com crianças também o fizeram domingo, no mesmo período horário.

A Albânia decidiu ainda enviar um grupo de 60 enfermeiros para Itália num gesto solidário com o país vizinho, um dos mais atingidos pela pandemia, e que se juntam aos 30 médicos e enfermeiros albaneses que desde 28 de março já estão colocados nos hospitais italianos que combatem o novo coronavírus.

A nível global, segundo um balanço da AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 165 mil mortos e infetou quase 2,5 milhões de pessoas em 193 países e territórios. Mais de 537 mil doentes foram considerados curados.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (40.683) e mais casos de infeção confirmados (cerca de 760 mil). Seguem-se Itália (23.660 mortos, em mais de 178 mil casos), Espanha (20.852 mortos, mais de 200 mil casos), França (19.718 mortos, mais de 152 mil casos) e Reino Unido (16.060 mortos, mais de 120 mil casos).

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Descoberta de naufrágios da Segunda Guerra pode estimular turismo subaquático em Itália

Quem visitar o sul de Itália no futuro poderá vir a contar com uma nova atividade. A recente descoberta de quarenta naufrágios na costa da ilha de Lampedusa poderá dar origem a uma nova oportunidade …

Costa diz que recuperação económica tem de ser feita "com os olhos postos no futuro"

O primeiro-ministro salientou, este domingo, que a recuperação económica do país "tem de ser feita com os olhos postos no futuro", considerando essencial assegurar condições às novas gerações para se autonomizarem. "A recuperação económica tem de …

Centenas de vendedores de rua na Índia são milionários em segredo

O Fisco indiano descobriu que centenas de vendedores de rua são milionários em segredo. Estes comerciantes foram apanhados a fugir aos impostos. Quando pensamos em milionários, provavelmente imaginamos uma pessoa com uma grande mansão, carros desportivos …

Portugal com mais oito mortes e 2625 novos casos de covid-19

Portugal registou, este domingo, mais oito mortes e 2625 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 2625 novos …

"Cabrita transformou-se numa espécie de ministro sempre em pé", diz líder do CDS

O líder do CDS-PP disse, este sábado, que o país já não confia no ministro da Administração Interna, a quem apelidou de "ministro sempre em pé", adiantando que já se fazem apostas sobre quando será …

A arma que matou o famoso pistoleiro do Velho Oeste "Billy the Kid" vai a leilão

O revólver que matou um dos homens procurados mais famosos do Velho Oeste, há mais de um século, vai a leilão no próximo mês. William "Billy the Kid" Bonney, pseudónimo de William Henry McCarty, foi um …

Milhares protestam em França e Itália contra novas medidas anti-covid

Milhares de pessoas manifestaram-se, este sábado, em várias cidades de França e Itália contra as medidas para controlar a pandemia, sobretudo contra a obrigatoriedade do uso do "passe sanitário" para entrar em espaços públicos. Com gritos …

O holograma de Whitney Houston vai dar um concerto em Las Vegas

No outono, poderá desfrutar de um concerto de Whitney Houston em Las Vegas. A diva será reencarnada, áudio e visualmente, no espetáculo An Evening With Whitney: The Whitney Houston Hologram Concert. Segundo a Forbes, o holograma …

TC recusa impugnação pedida pelo PSD sobre candidato de Castelo Branco. Direção avalia recurso

O Tribunal Constitucional (TC) decidiu que o PSD não tem legitimidade no pedido de anulação de uma deliberação do Conselho de Jurisdição Nacional do partido sobre o candidato autárquico em Castelo Branco, recusando admitir uma …

Orbán vai rejeitar dinheiro do fundo de recuperação se tiver de revogar lei anti-LGBTQI

O primeiro-ministro húngaro assegurou, este sábado, que o país não vai aceitar o dinheiro do fundo de recuperação se tiver de ceder perante Bruxelas e revogar a lei anti-LGBTQI. Segundo a agência Europa Press, Viktor Orbán …