Xutos & Pontapés fazem 35 anos e lançam “Puro”

José Goulão / Flickr

-

Os Xutos & Pontapés lançam o álbum “Puro”, na segunda-feira, dia em que cumprem 35 anos. “Somos nós próprios. É puro, não tivemos outras intenções senão louvar aquilo que somos”, afirmou o vocalista, Tim, à agência Lusa.

Há 35 anos, quando deram um curto concerto de estreia nos Alunos de Apolo, em Lisboa, os Xutos & Pontapés não tinham uma legião de fãs – “tínhamos amigos” – e estavam longe de saber que se tornariam numa das mais resistentes bandas do rock português.

Sem saudosismos, em dia de aniversário lançam um novo registo que tem a marca identitária da banda – o baixo dominante de Tim, os solos de guitarra eléctrica de João Cabeleira -, com letras que “são um reflexo do que se passa actualmente”.

“Às vezes perguntamos o que andamos aqui a fazer. Quando chega a altura de fazer as músicas, de escrever, de fazer aquilo que sabemos fazer, essa referência fica ultrapassada. (…) Quem ouvir o trabalho e quem conhecer os Xutos vai descobrir uma série de coisas – umas [são] referência, outras, novidades, mas permitiram que este disco fosse mais além e novo para nós”, afirmou Tim.

Mais de metade do disco é, segundo o guitarrista Zé Pedro, “muito reflexo de tudo o que se está a passar actualmente”.

Isso ouve-se, por exemplo, em “O milagre de Fátima”, no qual Tim diz “Que se cante o fado/ que se louve a saudade/ este país quer mais futebol/ que nada se passe/ a não ser a fome/ e que o país por fim/ apodreça”.

Já “Ligações directas”, uma das últimas letras a ser composta, faz referência explícita ao corte de energia eléctrica, em Novembro, no bairro do Lagarteiro, no Porto: “Quanto mais têm mais querem de mim/ como o gasóleo tudo pode subir/ só o teu salário continua a descer/ tu não crês em ligações directas/ olha aqui estas feridas abertas/ por onde escorreu o nosso dinheiro/ e se derreteu um futuro inteiro/ tu, morrer de fome e de frio primeiro/ aqui no bairro do Lagarteiro”.

“Aquela história é o resumo de uma série de acontecimentos que têm vindo a acumular-se, a caracterizar a situação actual. (…) Nós ouvimos o que se passou com eles e não gostámos”, afirmaram os dois músicos.

No álbum, a banda faz ainda um agradecimento aos fãs, que os seguem com alguma devoção.

“Os fãs são o que fazem uma banda. Se a gente não tivesse fãs não andava aqui a tocar há 35 anos e de um lado para o outro. São quem nos dá carinho, quem nos defendeu em alturas más e quem esteve connosco em alturas difíceis. São puros, contam de uma maneira especial”, afirmaram Tim e Zé Pedro.

“Puro” será apresentado ao vivo ao longo deste ano, com o primeiro concerto a acontecer a 7 de Março, no Meo Arena, em Lisboa: “Vai ser brutal. Vai ser uma comemoração, mas um grande concerto, que é o que gostamos de fazer”, disseram.

Apesar do aniversário os fazer olhar para o passado, Zé Pedro referiu que nenhum dos músicos é nostálgico.

“Estamos sempre naquela: Hoje é que é bom e amanhã vai ser melhor. Isso é que é uma grande vantagem, estarmos há tanto tempo todos juntos a compor e a trabalhar, a tocar. E é sempre com esse espírito. Desde que se parta com esta base, as coisas vão para a frente, como está demonstrado neste disco; a maneira como encarámos os temas e como o disco soa. O objectivo de fazer melhor do que fizemos ontem”, resumiu Zé Pedro.

A 13 de Janeiro, próxima segunda-feira, assinalam-se os 35 anos desde que os Xutos & Pontapés Rock’n’Roll Band – foi assim que se apresentaram – actuaram na festa nos Alunos de Apolo, em Lisboa, que serviu de despedida dos Faíscas, de Pedro Ayres Magalhães.

Além da edição do álbum, como vão assinalar o aniversário? “Temos feito sempre diferente, nas festas de anos, e este ano o Tim lembrou-se: ‘Porque não ir jantar ao estrangeiro? Então escolhemos Londres como objectivo”, disseram.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Asteróide que passou recentemente pela Terra não estava sozinho

Astrónomos descobriram que o asteróide 2020 BX12, que passou pela Terra na semana passada, era afinal um sistema binário de asteróides. Estamos a falar do asteróide 2020 BX12, que passou a 4,3 milhões de quilómetros de distância da …

"Parasitas" vai ter uma série na HBO. E já são conhecidos dois nomes do elenco

A produção sul-coreana de Bong Joon Ho, especialmente condecorada pela Academia, merece agora uma adaptação para a televisão pelas mãos da HBO. A série televisiva de "Parasitas" foi anunciada em janeiro e a produção está encarregue …

O carregador do seu smartphone é mais potente do que o computador da Apollo 11

Não restam dúvidas de que a informática deu um passo gigante em termos de evolução nos últimos 50 anos. Agora, um engenheiro de software descobriu que até mesmo o carregador do seu smartphone é mais …

Tribunal suspende construção da Gigafactory na Alemanha

Um tribunal alemão ordenou à Tesla, este domingo, a suspensão das obras da sua fábrica "Gigafactory" por questões ambientais. Em novembro do ano passado, Elon Musk, presidente executivo da Tesla, anunciou que a Alemanha tinha sido …

Novos semáforos da Índia ficam vermelhos quando os condutores buzinam

A Polícia de Mumbai, na Índia, instalou detetores de ruído em vários semáforos de cruzamentos importantes da cidade, visando reduzir a poluição sonora. Agora, quanto mais os condutores buzinam, mais tempo a luz se mantém …

Polícia de Hong Kong procura autores de roubo de papel higiénico

Um camião que transportava papel higiénico foi, esta segunda-feira, alvo de um assalto à mão armada em Hong Kong, onde a escassez do produto motivou uma corrida ao comércio local. As autoridades informaram que um motorista …

Centeno considera gravações de Varoufakis "politicamente lamentáveis"

O presidente do Eurogrupo considerou, esta segunda-feira, a atitude do antigo ministro das Finanças grego, que gravou reuniões do fórum de ministros das Finanças da zona euro, "politicamente lamentável". "Honestamente, não tenho comentários a fazer sobre …

Elton John obrigado a interromper concerto devido a crise de pneumonia

O cantor britânico foi obrigado a interromper um concerto, na Nova Zelândia, devido a um diagnóstico de pneumonia atípica. No último domingo, o cantor britânico Elton John interrompeu um concerto no Auckland’s Mount Stadium, na Nova …

Tancos. Coronel da GNR nega pacto de silêncio

O ex-diretor de investigação criminal da GNR disse, esta segunda-feira, desconhecer qualquer pacto de silêncio com a Polícia Judiciária Militar que envolvesse a colaboração na investigação do furto das armas de Tancos. Na sessão desta segunda-feira …

Anel de curso perdido nos EUA encontrado 47 anos depois na Finlândia

Um anel de curso de um liceu nos Estados Unidos, perdido em 1973, foi agora descoberto numa floresta da Finlândia. De acordo com o The Guardian, Debra McKenna perdeu o anel de curso do marido em …