Volante avisa o condutor quando está na hora de descansar

fb/100porcentocool

Uma equipa de investigadores da Universidade de Aveiro desenvolveu uma capa para o volante do carro que usa pequenos sensores para monitorizar os sinais vitais do condutor e avisá-lo quando é altura de parar e descansar.

Ao mesmo tempo, permite criar uma espécie de impressão digital- a partir do batimento cardíaco do condutor -, que regista quem tinha as mãos ao volante e qual era o estado emocional da pessoa em qualquer ponto da viagem.

A pele tem condutividade elétrica. E, de certa forma, as nossas mãos funcionam como dois elétrodos de onde podemos extrair informação. Por exemplo, o batimento cardíaco”, explica ao Público a investigadora Helena Alves, da Universidade de Aveiro, que coordena a equipa no Instituto de Materiais de Aveiro (CICECO) responsável pela criação do volante.

“O nosso volante permite medir se o condutor está nervoso, ou fatigado, e alertar para elevados níveis de ansiedade que podem dificultar a condução”, resume Alves.

Os sinais captados pelos sensores são analisados em tempo real por um algoritmo desenvolvido no Instituto Superior Técnico e no Instituto de Telecomunicações, no pólo de Lisboa, pela equipa da investigadora Ana Fred.

Em 2017, esta equipa patenteou um método para reconhecimento biométrico contínuo baseado em sinais gráficos de eletrocardiogramas. Baseia-se na identificação de padrões a partir de extensas bases de dados. Além de ver a tecnologia em volantes de carros, a equipa de Fred espera que seja incorporada em bancos de carros e guiadores de motas.

O volante desenvolvido em Aveiro não se limita a avaliar o cansaço do condutor. “Conhecer o batimento cardíaco também pode servir para identificar o condutor. Isto é útil, por exemplo, para empresas de camionagem que querem garantir a identidade dos condutores”, avança Helena Alves.

“Neste caso, a informação sobre o estado emocional do condutor pode ser utilizada para seguradoras avaliarem a responsabilidade em casos de acidente”, explica a investigadora.

O protótipo criado por Helena Alves envia a informação recolhida, via bluetooth, para aparelhos eletrónicos, como um computador, telemóvel ou relógio inteligente. No futuro, a investigadora quer que a informação recolhida pelo volante seja associada a sistemas de alerta no próprio carro como um sinal sonoro.

Este tipo de tecnologia deve-se tornar mais comum em veículos nos próximos anos. A partir de maio de 2022, todos os automóveis novos vendidos na União Europeia terão de vir equipados com tecnologias de segurança deste tipo que, que incluem sistemas para avisar os condutores em caso de distração e de sonolência. De acordo com a Comissão Europeia, entre 10 a 20% dos grandes acidentes de automóvel são causados pela fadiga.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Vítimas do franquismo pedem investigação à origem das jóias que a família Franco vai leiloar

A Associação para a Recuperação da Memória Histórica (ARMH), que inclui familiares das vítimas do franquismo, pediu ao Governo espanhol que investigue a origem das jóias que a família Franco vai leiloar. De acordo com …

"Sem dúvida". Montenegro diz que era capaz de derrotar Costa

O antigo líder parlamentar do PSD Luís Montenegro, que é agora candidato à liderança do partido, afirmou, em entrevista ao jornal Público e à Rádio Renascença, que era capaz de derrotar António Costa.  "Acho que era …

Rússia quer legalizar comércio de 'diamantes de sangue' africanos

Os diamantes exportados da República Centro-Africana estão associados à corrupção, à violência, à guerra civil, a violações e assassinatos. Agora, Moscovo anunciou que quer o fim do embargo internacional, buscando legalizar na totalidade a sua …

Economia abrandou, mas ainda é possível cumprir meta de crescimento

O Produto Interno Bruto cresceu 0,3% no terceiro trimestre, face aos três meses anteriores, metade do registado no segundo trimestre, mantendo o ritmo de crescimento, de 1,9%, na comparação com o mesmo período de 2018. Segundo …

Sporting vai avançar com ação de despejo das claques

A SAD leonina vai avançar com uma ação de despejo para que as claques Juventude Leonina e Directivo Ultras XXI deixem os espaços que ocupam no Estádio José Alvalade, avança A Bola esta quarta-feira. De …

"Ninguém quer trabalhar" na Casa Pia. Pais em protesto devido à falta de pessoal

Os pais e encarregados de educação do Centro Educativo e Desenvolvimento D. Maria Pia, em Lisboa, vão entregar na segunda-feira um abaixo-assinado à tutela para pedir a abertura de concursos externos para reforço de pessoal …

Trump elogiou Erdogan, depois de uma reunião que descreveu como "maravilhosa e produtiva"

O Presidente norte-americano, Donald Trump, elogiou na quarta-feira o seu relacionamento com o homólogo turco, Recep Tayyip Erdogan. Os dois líderes encontraram-se para tentar superar várias diferenças, incluindo a situação na Síria e a compra …

MH17. Novas provas revelam contactos frequentes entre a Rússia e separatistas ucranianos

A equipa internacional que conduziu a investigação sobre a queda do voo MH17 em 2014 no leste da Ucrânia divulgou novas provas que apontam para contactos muito frequentes entre a Rússia e os rebeldes separatistas …

Imunidade diplomática deixa em liberdade suspeito de tentar matar com ácido sulfúrico

O suspeito de homicídio, na forma tentada, ficou em liberdade depois de ter apresentado o passaporte diplomático às autoridades, que impede que seja detido ou constituído arguido. De acordo com a TVI24, um alto responsável da …

Zivkovic quer rescindir contrato com o Benfica

O extremo sérvio quer chegar a acordo com o Benfica para ficar livre a ano e meio do final do seu contrato mas, pelos vistos, a SAD encarnada nem quer ouvir falar dessa hipótese. De acordo …