Viúva do triatleta viu angolanos matarem o marido e foi de férias com o cúmplice

(dr)

Luís Grilo, triatleta de 50 anos, residente em Vila Franca de Xira, desapareceu a 16 de julho sem deixar rasto

Rosa Grilo, a viúva do triatleta Luís Grilo, que está detida por suspeitas de envolvimento na sua morte, assegura que foram indivíduos angolanos que o mataram, por causa de diamantes. Ela garante que assistiu ao crime, e dias depois foi de férias com o amante.

A viúva do triatleta Luís Grilo, que esteve desaparecido durante cerca de um mês, e foi depois encontrado morto, com um tiro na cabeça, culpou três indivíduos angolanos pelo crime, revelando no depoimento em tribunal que assistiu a tudo.

Apesar disso, e do trauma que um momento desses teria na vida de qualquer pessoa, ela manteve as rotinas do dia-a-dia e até aproveitou para ir de férias, passando três fins-de-semana fora com o amante, António Félix Joaquim, um oficial de justiça.

Estes dados foram apurados pelo Correio da Manhã (CM) que salienta que Rosa Grilo esteve em Porto Covo, em Grândola e em Caminha, onde aproveitou para ir ao Festival de Paredes de Coura. Durante esse período, a GNR, bombeiros e amigos procuravam o triatleta.

O CM destaca que a Polícia Judiciária reuniu provas sobre essas movimentações de Rosa Grilo e do amante, nomeadamente “pagamentos de hotéis, passagens de Via Verde, localizações de telemóveis”.

Rosa Grilo e António Félix Joaquim estão em prisão preventiva, indiciados pelos crimes de homicídio qualificado, profanação de cadáver e detenção de arma proibida.

António Pedro Santos / Lusa

Rosa Grilo (D), mulher e suspeita no envolvimento na morte do triatleta Luís Grilo

Diamantes de Angola

No seu depoimento em tribunal, conforme transcreve o CM, Rosa Grilo alegou que “há 7 ou 8 anos”, o marido “trouxe alguns diamantes” de Angola.

“Mais tarde, há coisa de 4, 5 anos”, o marido “começou a receber encomendas” com “pequenas quantidades de diamantes” que depois “entregava”, defendeu ainda a viúva.

“Há 6 meses mais ou menos, começou a ficar muito inquieto e preocupado, deixou de dormir, deixou de treinar, estava realmente muito desorientado”, disse também, frisando que o triatleta lhe revelou que se tinha “metido num sarilho” porque “não tinha entregue em condições o que tinha recebido”.

Rosa Grilo contou que o marido “falava dos angolanos“, que “tinha feito o negócio com os angolanos”.

Nessa altura, e por medo, trouxe a arma da casa do amante, com quem assumiu ter um caso extra-conjugal há cerca de três anos, e deu-a ao marido que a escondeu na garagem da casa de ambos, relatou no tribunal.

No dia 16 de Julho, a data em que Luís Grilo desapareceu, a viúva referiu que apareceram “três fulanos”, um “branco” e “um individuo mais negro e outro mais clarinho”, com idades entre os 20 e os 50 anos, na sua casa.

Rosa Grilo contou os relatos das supostas agressões que diz que ambos sofreram e como se deslocou, com dois dos angolanos, à casa da avó, em Benavila, onde teriam guardado os diamantes trazidos por Luís Grilo de Angola.

Mas como não encontraram os diamantes, regressaram de novo à moradia do casal, onde um dos supostos agressores matou então Luís Grilo com um tiro na cabeça, à frente de Rosa Grilo e usando a arma do seu amante, conforme o relato feito por ela em tribunal.

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Que histórica linda, esta tipa esta a fazer-se de louca, mas de louca NADA tem. É um verme sem princípios nenhuns. É nestes casos que defendo a pena de morte. Vermes como este deviam ser esmagados.

  2. Os diamantes de Angola explicam muita coisa…

    E esta passagem é magnífica
    “Apesar disso, e do trauma que um momento desses teria na vida de qualquer pessoa, ela manteve as rotinas do dia-a-dia e até aproveitou para ir de férias, passando três fins-de-semana fora com o amante, António Félix Joaquim, um oficial de justiça.”

    É o que qualquer ser humano faz quando o seu cônjuge morre.

    E também gostei desta:
    “…a viúva referiu que apareceram “três fulanos”, um “branco” e “um individuo mais negro e outro mais clarinho”,…”
    Aposto que o clarinho é que era mau como as cobras

  3. O Costa também foi de férias quando morreram 60 e tal pessoas queimadas.
    E a Rosa só porque morreu um é considerada culpada?
    Rei morto Rei posto, viva o Amor.

    PS: Alguém a viu nos lugares que dizem ou são suposições ao estilo do Gonçalo Amaral?

  4. Essa história não pega nem que o juiz seja um orangotango.
    Qu’a g’anda lata!!!
    Há gente que não tem um ‘pingo’ de dignidade.

  5. Não sei se esta Rosa Grilo está a tentar atirar o barro à parede ou atirar areia aos olhos da procuradora… de qualquer forma, a empreitada vai acabar por implodir…

Responder a braga Cancelar resposta

Índia vai lançar missão à Lua na próxima segunda-feira

A agência espacial da União Indiana informou nesta quinta-feira que vai efetuar na próxima segunda-feira o lançamento da nave não-tripulada para a Lua depois de a missão ter sido abortada esta semana. O organismo Indian Space …

Proprietários em centros históricos podem reclamar IMI dos últimos quatro anos

Os proprietários de imóveis localizados em centros históricos classificados pela UNESCO podem reclamar o imposto municipal sobre imóveis (IMI) pago nos últimos quatro anos, escreve o Dinheiro Vivo esta quinta-feira. A notícia agora avançada pelo Dinheiro Vivo …

Nuno Freitas é o novo presidente da CP

O Governo nomeou Nuno Freitas como novo presidente da CP – Comboios de Portugal, num Conselho de Administração alargado a cinco elementos, sucedendo a Carlos Nogueira, cujo mandado terminava no final deste ano. De acordo com …

Erros na prescrição obrigam a novas medidas de segurança para medicamentos para cancro e doenças inflamatórias

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) recomenda novas medidas de segurança para evitar erros na prescrição e administração de medicamentos com metotrexato. Devido a erros de prescrição, a Agência Europeia do Medicamento recomenda novas medidas de …

Cartel de construtoras dos estádios do Mundial do Brasil investigado

Foi aberto um processo administrativo para investigar um cartel mantido por empresas de engenharia que atuou nas obras dos estádios usados no Mundial de futebol do Brasil, em 2014. O Governo brasileiro informou esta quarta-feira que …

Novos modelos de carros elétricos vão triplicar. Produção em Portugal "será praticamente inexistente"

O número de modelos de veículos elétricos irá triplicar no mercado europeu até 2021, mas a produção destes veículos em Portugal será praticamente inexistente até 2025, indica um estudo da Federação Europeia dos Transportes e …

Bruxelas investiga Amazon por alegado uso de dados pessoais de vendedores

A Comissão Europeia abriu, esta quarta-feira, uma investigação à Amazon para determinar se a empresa usou informações pessoais “confidenciais” de vendedores independentes, quebrando as regras comunitárias na área da concorrência. A Comissão Europeia abriu uma investigação …

Parlamento não sabe o que fazer ao Acordo Ortográfico

Depois de dois anos de meio, foram ouvidas 16 entidades, recebidos 20 contributos escritos, houve uma petição, um projeto de resolução chumbado e uma iniciativa legislativa de cidadãos. Mas a Assembleia da República continua sem …

Ministério da Educação quer reduzir peso excessivo das mochilas dos alunos

O Ministério da Educação lançou esta quinta-feira uma campanha para sensibilizar pais, alunos, professores e diretores escolares a adotar medidas que reduzam o peso excessivo das mochilas dos alunos. A campanha de sensibilização lançada esta quinta-feira …

Morreu o eurodeputado do PS André Bradford. Estava em coma induzido

O eurodeputado do PS André Bradford, que estava em coma induzido desde dia 8 deste mês, faleceu nesta quinta-feira no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, revelou à agência Lusa fonte do PS/Açores. Bradford, …