Vaticano suspeita que Cardeal pagou apartamento de luxo com donativos de crianças doentes

catholicism / Flickr

O Cardeal Tarcisio Bertone (à direita)

Há mais um escândalo a assombrar o Vaticano. Desta feita, por causa de obras de restauro, de quase meio milhão de euros, num apartamento habitado pelo Cardeal Tarcísio Bertone, havendo suspeitas de desvio de dinheiro de uma Fundação que apoia crianças doentes.

O caso já está a ser investigado pelos tribunais do Vaticano e, enquanto se elogia a rápida intervenção da Santa Sé, também surge o alerta de que se poderá estar a abrir uma verdadeira Caixa de Pandora, com implicações que podem chegar às mais altas figuras da Igreja.

A investigação centra-se no alegado uso de 422 mil euros dos fundos da Fundação do Hospital Pediátrico Bambino Gesù, que visa apoiar crianças doentes, para a restauração do apartamento habitado pelo Cardeal Bertone, ex-Secretário de Estado do Vaticano, e que é propriedade do Governatorato do Vaticano.

Em jogo estão “crimes gravíssimos”, revela o jornal italiano Espresso, que divulga cartas comprometedoras para os envolvidos, nomeadamente para o Cardeal. A acusação dos juízes do Vaticano menciona “peculato, apropriação e uso ilícito de dinheiro“.

As obras terão custado 422 mil euros, um valor que não foi pago directamente à empresa que fez o restauro, a Castelli Re.

O dinheiro terá sido transferido para uma holding britânica com sede em Londres, a LG Concractor Ltd, que será controlada por um amigo pessoal do Cardeal Bertone, Gianantonio Bandera, que também é o proprietário da Castelli Re.

O Cardeal tem negado o conhecimento do envolvimento de qualquer verba da Fundação e diz inclusivamente ter pago “300 mil euros” do seu bolso. Mas o Espresso divulga cartas que asseveram que ele estava a par do uso dos fundos do hospital pediátrico nas obras.

Numa dessas missivas, o ex-presidente do hospital, Giuseppe Profiti, oferece-se para pagar as obras do apartamento habitado pelo Cardeal, através da Fundação sem fins lucrativos dedicada ao apoio de crianças doentes, em troca de este acolher naquela habitação “encontros institucionais”.

Um dia depois, o Cardeal terá respondido à carta aceitando a oferta e enviando uma “lista de pedidos”, salienta o jornal italiano.

Bertone tinha reagido ao seu envolvimento no caso como “uma calúnia”.

“Paguei 300 mil euros do meu bolso, segundo as facturas que me mandou o Governatorato, proprietário do imóvel. Sobre os 200 mil da Fundação? Não vi nada. E excluo em absoluto ter dado quaisquer indicações à Fundação para algum pagamento”, disse o Cardeal.

Outra dúvida que surge, à luz das palavras de Bertone, é que ou está a mentir, mais uma vez, quando diz que pagou o valor, com o conluio de elementos do Governatorato, ou o construtor recebeu 422 mil euros da Fundação, mais os 300 mil euros do Cardeal.

Na investigação aberta pelo Vaticano constam apenas os nomes de Giuseppe Profiti e do ex-tesoureiro do hospital, Massimo Spina.

Mas muito dificilmente o Cardeal Bertone sairá ileso do caso.

Por ser Cardeal, só poderá ser julgado pelo Tribunal de Cassação da Cidade do Vaticano e se isso vier a acontecer, será o primeiro caso da história da Santa Sé.

SV, ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Se o Cardeal “tem negado desconhecimento absoluto do envolvimento de qualquer verba”, então confirma esse envolvimento …
    Vale a pena ter mais cuidado com a redacção dos textos …

RESPONDER

"Posso sempre confiar" nos americanos. Coleção de cartas manuscritas da princesa Diana vai a leilão

Em 25 de junho de 1997, alguns meses antes da morte da princesa Diana em agosto, dezenas dos seus vestidos foram leiloados na Christie's, em Nova Iorque. Agora, algumas das suas cartas manuscritas sobre esse …

Governos desligaram a Internet centenas de vezes em 2019

Dezenas de Governos de todo o mundo desligaram os seus países da Internet de forma intencional mais de 200 vezes durante o ano passado, afetando milhões de utilizadores, revela um novo relatório do grupo de …

Falha de protocolo do Governo americano pode ter ajudado a espalhar o coronavírus

Uma whistleblower do Departamento de Saúde e Serviços Humanos norte-americano defende que uma falha no protocolo de saúde pública pode ter levado à disseminação do coronavírus dentro do país. Uma denunciante do Departamento de Saúde e …

Coronavírus pode fazer com que Liverpool não seja campeão inglês

O Liverpool pode não se sagrar campeão inglês devido ao surto do novo coronavírus. Caso o Governo britânico suspendesse a competição, os 'reds' poderiam não ser considerados campeões. O coronavírus continua a ameaçar o mundo inteiro …

Sissoco Embaló demite primeiro-ministro e ambos falam em "golpe de Estado"

Umaro Sissoco Embaló, candidato às presidenciais dado como vencedor pela Comissão Nacional de Eleições da Guiné- Bissau, e que quinta-feira tomou posse simbolicamente como Presidente do país, demitiu hoje o primeiro-ministro guineense, Aristides Gomes. Num decreto …

"Neve sangrenta" está a cair do céu na Antártida

Nas últimas semanas, o gelo em redor da Base de Pesquisa Vernadsky da Ucrânia foi revestida com o que os investigadores chamam de "neve de framboesa". Uma publicação no Facebook do Ministério da Educação e Ciência …

Face Oculta: Sobrinho de Manuel Godinho diz que não se orgulha do que fez

O sobrinho do sucateiro Manuel Godinho, principal arguido do processo Face Oculta, disse hoje estar arrependido do que fez quando trabalhava para o tio nos negócios da gestão de resíduos. “Não me orgulho nada daquilo que …

Há uma "Greta" que nega as alterações climáticas: Naomi Seibt

Naomi Seibt é uma jovem alemã de 19 anos que é a voz dos negacionistas das alterações climáticas. As comparações com Greta Thunberg são inevitáveis. Greta Thunberg tem sido provavelmente a voz mais ativa no que …

Alcochete. Mustafá sai em liberdade e Bruno de Carvalho conta a sua versão

O líder da claque sportinguista Juventude Leonina, Nuno 'Mustafá' Mendes saiu em liberdade e Bruno de Carvalho diz que o "colocaram do lado errado da barricada". O coletivo de juízes que está a julgar o caso …

Ángel ajudou a esposa a morrer. Agora, doou toda a sua herança à investigação

Ángel Hernández, o homem que ajudou a sua mulher a pôr fim à vida há dez meses, em Espanha, decidiu doar a herança da sua esposa (300.000 euros) para o estudo da esclerose múltipla progressiva, …