Papa em Hiroshima: Utilizar energia atómica para fins militares é crime

Mazur / Catholic Church England and Wales

Papa Francisco

Papa Francisco disse este domingo ao chegar a Hiroshima que utilizar a energia atómica para fins militares é crime, no seu segundo dia de visita ao Japão.

“A utilização da energia atómica para fins militares é hoje mais que um crime, não somente contra o homem e a sua dignidade, mas também contra toda a possibilidade de futuro na nossa casa comum”, afirmou o Papa numa mensagem pronunciada no Memorial da Paz, não muito longe de onde foi largada a bomba atómica pelos norte-americanos a 06 de agosto de 1945, durante a II Guerra Mundial.

“Ninguém neste mundo pode imaginar tais cenas do inferno“, disse Yoshiko Kajimoto, um dos sobreviventes do ataque nuclear norte-americano a Hiroshima durante a II Guerra Mundial, ao Papa Francisco.

Francisco pediu também neste domingo aos líderes mundiais que renunciem às armas nucleares, numa intervenção em Nagasaki, alvo da segunda bomba atómica lançada pelos Estados Unidos sobre o Japão em 1945.

Numa cerimónia simples no Parque da Paz, falando perante cerca de 200 pessoas, Francisco lembrou “o horror indescritível sofrido pelas vítimas” do atentado que deixou mais de um terço da cidade nipónica destruída.

Três dias depois da bomba nuclear que atingiu Hiroshima, causando 140 mil mortos, os Estados Unidos lançaram, a 9 de agosto de 1945, uma segunda bomba atómica sobre Nagasaki, levando ao fim da Segunda Guerra Mundial.

Convencido de que um mundo sem armas nucleares “é possível e urgente”, o Papa avisou os líderes de que a posse de armas de destruição em massa não abre caminho para a paz e não protege das “atuais ameaças à segurança nacional e internacional”.

Francisco denunciou que o mundo vive “na dicotomia perversa de querer defender e garantir a estabilidade e a paz com base numa falsa segurança sustentada pelo medo e pela desconfiança, que acaba por envenenar as relações entre os povos e impedir qualquer possível diálogo”. “Serão sempre escassas as tentativas de erguermos as nossas vozes contra a corrida ao armamento”, disse.

O apelo do Papa chega numa altura em que os nove estados nucleares ainda possuem 13.865 armas deste tipo. O novo tratado nuclear START, assinado pelos Estados Unidos e pela Rússia, expirará em 2021 e ainda não há planos para estender o acordo. Por outro lado, os Estados Unidos e a Coreia do Norte continuam as negociações bilaterais sobre desnuclearização, ainda que com constantes paralisações.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Arqueólogos descobrem esqueleto que acreditam pertencer a guerreiro anglo-saxão

Uma equipa de arqueólogos desenterrou um esqueleto que parece ter pertencido a um guerreiro anglo-saxão. Os especialistas dizem que a descoberta lança uma nova luz sobre a ascensão e queda das tribos locais. O esqueleto foi …

Ana Rita Cavaco ataca plano de inverno (e duvida que Marcelo "tenha ficado mais sossegado")

Ana Rita Cavaco reuniu-se com Marcelo Rebelo de Sousa, mas duvida que o Presidente tenha ficado mais tranquilo após ter ouvido os representantes do setor da Saúde, no Palácio de Belém. Ana Rita Cavaco, presidente da …

Nuno Mendes, "hábil como Ronaldinho"

  Portal conceituado destaca o jovem lateral do Sporting e cita Cristiano Ronaldo... várias vezes. Gigantes europeus atentos à evolução do jogador. Nuno Mendes é o foco de um artigo do portal Goal, embora Ronaldo (e Ronaldinho) …

Irão e Rússia estarão a tentar interferir nas presidenciais dos EUA

O diretor nacional dos serviços de informação dos Estados Unidos disse na quarta-feira que Irão e Rússia obtiveram informações dos eleitores norte-americanos e que estão a tentar interferir nas eleições presidenciais de 3 de novembro. "Queremos …

Cientistas revertem a doença de Parkinson em ratos

Uma equipa de cientistas conseguiu reverter totalmente a doença de Parkinson em ratos. Os animais deixaram de apresentar sintomas e recuperaram neurónios. A doença de Parkinson resulta da redução dos níveis de uma substância que funciona …

Entrevista a Carlos Cueva, autor de estudo inédito sobre os jogos à porta fechada

Carlos Cueva, 34 anos e professor na Universidade de Alicante há seis anos. Estudou em Inglaterra, onde completou um doutoramento em Economia. O ensino e a investigação ocupam o seu tempo. É especialista em investigação …

Ministro da Saúde do Brasil infetado com covid-19

Eduardo Pazuello, ministro da Saúde brasileiro, está infetado. Também esta quarta-feira, o governante foi admoestado por Jair Bolsonaro, que negou haver intenção do Brasil comprar 46 milhões de doses de vacina chinesa. O ministro da Saúde …

PSD vai votar contra o OE2021. PS acusa Rio de abandonar defesa do "interesse nacional"

O secretário-geral adjunto socialista disse esta quarta-feira que não surpreende o voto contra do PSD à proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021), considerando, no entanto, que Rui Rio “deixou cair” o valor do …

As vacas preferem interagir cara a cara com as pessoas. Ficam mais relaxadas

Um novo estudo descobriu que as vacas preferem interagir com os seres humanos cara a cara e que ficam os animais ficam mais relaxados com este tipo de interação do que quando ouvem uma voz …

Marcelo promulga diploma que reduz debates europeus para dois por semestre

O Presidente da República promulgou o diploma aprovado por PS e PSD que reduz os debates europeus no parlamento para dois por semestre, depois de ter vetado uma primeira versão que previa apenas um por …