//

Utilizadores do PayPal vão poder usar criptomoeda para pagar a mais de 26 milhões de comerciantes

O PayPal anunciou que vai investir no mercado das criptomoedas, lançando um novo serviço que permitirá aos utilizadores da plataforma nos Estados Unidos comprar, guardar e vender moeda digital, já a partir de 2021.

De acordo com o ZDNet, os clientes da empresa poderão converter o seu saldo de criptomoeda em moeda corrente, com “certeza de valor e sem taxas adicionais” e todas as transações serão liquidadas em moeda corrente.

Além disso, a empresa de pagamentos online divulgou que a mudança irá aumentar tanto a compreensão do consumidor, como a adoção da criptomoeda. No início do próximo ano, os norte-americanos poderão usar moeda digital para pagar a mais de 26 milhões de comerciantes que usam o PayPal.

“Na verdade, a criptomoeda torna-se, simplesmente, noutra fonte de financiamento dentro da carteira digital do PayPal“, disse o presidente da empresa, Dan Schulman.

A empresa disse ainda que fornecerá aos utilizadores informação educacional para os ajudar a entender tanto a tecnologia blockchain, como os “os riscos e as oportunidades associados ao investimento em criptomoeda”.

A mudança para as moedas digitais é inevitável porque traz vantagens claras em termos de inclusão financeira e de acesso; eficiência, velocidade e resiliência do sistema de pagamentos; e a capacidade dos governos pagarem fundos aos cidadãos rapidamente”, explicou Schulman à Reuters.

“O nosso alcance global, experiência em pagamentos digitais, rede bilateral e controlo da segurança dão-nos a oportunidade e a responsabilidade de ajudar a facilitar a compreensão, o resgate e a interoperabilidade destes novos instrumentos de troca”, acrescentou.

Schulman quer trabalhar com bancos centrais globais e reguladores para oferecer apoio e “contribuir significativamente para moldar o papel que as moedas digitais desempenharão no futuro das finanças e do comércio globais”.

O PayPal recebeu uma Bitlicence do Departamento de Serviços Financeiros do Estado de Nova Iorque (NYDFS) para os utilizadores da aplicação nos Estados Unidos poderem, no início de 2021, comprar, guardar e vender bitcoins (e outras moedas digitais).

“O NYDFS continuará a encorajar e a apoiar os prestadores de serviços financeiros para agirem, crescerem, permanecerem e expandirem em Nova Iorque e vai trabalhar com inventores para permitir que criem e testem as suas ideias, para um setor de serviços financeiros dinâmico e focado no futuro, especialmente enquanto trabalhamos para reconstruir a cidade no meio desta pandemia”, disse Linda A. Lacewell, do NYDFS.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.