Encontrado urso das cavernas com 22 mil anos intacto em ilha do Ártico (e ainda tem dentes)

North-Eastern Federal University

Pastores de renas na remota ilha siberiana de Bolshoy Lyakhovsky descobriram o esqueleto inteiro deum  urso da caverna com tecidos moles ainda preservados após 22 mil anos enterrado no solo congelado.

A Ilha Bolshoy Lyakhovsky – ou Grande Lyakhovsky – é a maior das Ilhas Lyakhovsky pertencentes ao arquipélago das Novas Ilhas Siberianas entre o Mar de Laptev e o Mar da Sibéria Oriental, no norte da Rússia.

De acordo com o Siberian Times, os pastores de renas que descobriram o animal transferiram o direito de pesquisa para os cientistas da Universidade Federal do Nordeste (NEFU) em Yakutsk, que está na vanguarda da investigação sobre mamíferos extintos da Era do Gelo.

A carcaça data pelo menos da época interglacial de Karginsky, um período entre 39 mil e 22 mil anos atrás, quando o clima na Sibéria era mais quente do que hoje.

O urso das cavernas (Ursus spelaeus) é uma espécie ou subespécie pré-histórica que viveu na Eurásia no período do Pleistoceno Médio e Superior e foi extinta há cerca de 20 mil anos.

Os restos mortais de ursos das cavernas são comuns no registo fóssil. Os indivíduos que não sobreviveram à hibernação deixaram para trás milhões de ossos em cavernas por toda a Europa e Ásia. Os ossos eram tão numerosos que ocasionalmente eram extraídos como fonte de fosfato.

Acredita-se que estes ursos tenham inspirado lendas de dragões que viviam em cavernas.

No entanto, a carcaça agora descoberta está completamente preservada – com todos os órgãos internos ainda no lugar.

North-Eastern Federal University

O urso das cavernas era maior do que os maiores ursos castanhos Kodiak (Ursus arctos) hoje. Apesar do seu tamanho, análises dos dentes e composição química sugerem que a espécie era vegetariana. Esta preferência de dieta contribuiu para a morte da espécie.

A evidência genética sugere que a extinção da espécie ocorreu após um período prolongado de declínio populacional. A causa provavelmente foi uma combinação de uma mudança no clima que afetou a vegetação nutritiva de que o urso das cavernas precisava, bem como um aumento na pressão dos caçadores paleolíticos.

O degelo do permafrost da Sibéria tem revelado muitas e importantes surpresas para a Ciência, que vão desde potros com 42 mil anos com sangue ainda líquido nas suas veias, vermes pré-históricos, mamutes lanosos e um cachorro com com pêlo, bigodes e dentes.

Outro exemplo incrível de preservação é a cabeça com 40 mil anos de um lobo da Idade do Gelo, ainda coberta de pele e pêlo, descoberta no norte de Iacútia. Recentemente, os arqueólgos encontraram os restos mumificados de um pássaro com 46 mil anos que ainda tem penas e garras intactas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

País Basco em confinamento, Bélgica quer transferir doentes para os Países Baixos e França "perdeu o controlo"

Numa altura em que a Europa volta a ser epicentro da pandemia de covid-19, o País Basco decretou o confinamento da população e França considera impor a mesma medida. Com falta de camas, Bélgica pediu …

"Dia histórico". Senado confirma nomeação de Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos EUA

O Senado norte-americano confirmou segunda-feira à noite a juíza Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, o que representa uma vitória política para o Presidente Donald Trump a poucos dias das eleições …

Os olhos das corujas podem ter uma "lente" que melhora a visão noturna

As corujas capturam as suas presas durante a noite. Uma nova investigação sugere que há algo de especial na forma como as moléculas de ADN nos olhos das corujas estão acondicionadas, uma característica que lhes …

Os extraterrestres podem estar a observar-nos à distância (em mais de 1.000 estrelas diferentes)

Da mesma forma que nós, da Terra, já detetámos vários milhares de planetas ao redor de outras estrelas, uma hipotética civilização alienígena poderia ter detetado a nossa presença. Mas de que posições no Espaço isso seria …

Afinal, o buraco negro mais próximo da Terra pode não ser um buraco negro

Um objeto identificado no início deste ano como o buraco negro mais próximo da Terra pode, afinal, não o ser. Depois de reanalisar os dados, diferentes equipas de cientistas concluíram que o sistema HR 6819 …

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …

Uma tarefa doméstica está a poluir sorrateiramente o ambiente

O que vestimos e como lavamos as nossas roupas influencia o número de microfibras sintéticas que libertamos no meio ambiente. Há uma tarefa doméstica a poluir sorrateiramente o ambiente. Um novo artigo científico, publicado na PLOS …

A companhia aérea que faliu devido à covid-19 está de volta

A pandemia de covid-19 foi traiçoeira para muitas empresas. A Flybe, uma das primeiras vítimas, está agora a ressuscitar - e pode voltar a rasgar os céus já no próximo ano. A economia mundial foi muito …

Dormir bem antes de tomar a vacina da gripe pode ajudar a aumentar a sua eficácia

Segundo os especialistas, uma boa noite de sono pode mesmo ajudar a aumentar a eficácia da vacina da gripe, que neste ano ganha particular relevância em plena pandemia de covid-19. De acordo com Matthew Walker, autor …