UE já comprou mil milhões de doses de vacinas contra a covid-19. Injeções podem ser dadas antes de março

Para garantir a segurança dos Estados-Membros no combate à pandemia de covid-19, a Comissão Europeia já adquiriu de pelo menos mil milhões de doses de vacinas contra a covid-19.

A Comissão Europeia já assegurou a compra de mais de mil milhões de doses de potenciais vacinas contra a covid-19, abrangendo quatro contratos já fechados e dois ainda em negociação.

Se todas estas vacinas se demonstrassem seguras e eficazes (o que é altamente improvável) as doses encomendadas poderiam dar para vacinar toda a população da União Europeia.

Contudo, pode haver alguns entraves. Pelo menos uma das vacinas experimentais adquiridas por Bruxelas ainda está em fase preliminar de testes e algumas exigem ainda dupla vacinação para terem o efeito desejado, o que corta para metade o seu alcance e distribuição. Para além disso, nenhuma foi, até ao momento, aprovada pelos reguladores.

Num cenário mais negro, em que nenhuma das quatro vacinas se revele eficaz e segura, a UE poderá não ter nenhuma vacina disponível, avança o ECO.

Numa conjuntura mais positiva, o Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças admite que as primeiras injeções possam ser dadas até março. “De uma forma otimista, no primeiro trimestre do próximo ano, mas não posso ser mais preciso”, prevê a diretora do ECDC, Andrea Ammon, em entrevista à “Reuters”.

Apontar uma data certa é, ainda impossível, porque ainda nenhum consórcio terminou a terceira e última fase dos ensaios clínicos, mas há uma esperança para a primavera, avança o JN.

Segundo um balanço feito pelo Infarmed, e somando o novo contrato que foi assinado esta quarta-feira entre a Comissão Europeia e o consórcio Pfizer/BioNTech, Bruxelas já garantiu um potencial de mil milhões de doses de vacinas contra a Covid-19. Juntando a possibilidade de compra adicional de 100 milhões de doses prevista no contrato com esse mesmo consórcio, o número alcança assim um total de 1.100 milhões de doses.

Em causa está a compra de 300 milhões de doses da vacina de vetor viral contratada com o consórcio AstraZeneca e Universidade de Oxford, que está em fase três do ensaio clínico, e da qual se esperam os primeiros resultados mais perto do fim do ano.

Está ainda fechada a compra de 200 milhões de doses da vacina da Johnson & Johnson, que também está na fase três de ensaio clínico, a última antes do pedido de aprovação.

Há ainda um quarto contrato assinado para a compra de 300 milhões de doses da vacina da Sanofi-GSK, que está ainda em fase um e fase dois de ensaio clínico.

Às 1.100 milhões de doses de vacinas poderão juntar-se outras mais em breve. Segundo anunciou a Comissão Europeia, foram já concluídas negociações exploratórias para a compra de doses das vacinas da CureVac e também da Moderna.

Esta semana, o consórcio Pfizer/BioNTech revelou que a sua vacina genética tem “mais de 90%” de eficácia a proteger a Covid-19, passando para a frente da “corrida”.

Esta quarta-feira, a Comissão Europeia anunciou ter fechado a compra de 200 milhões de doses dessa vacina experimental, com a possibilidade de adquirir mais 100 milhões se esta se mostrar verdadeiramente eficaz e segura. No entanto, esta vacina tem de ser administrada em duas doses.

Polémica na Pfizer

O presidente executivo da Pfizer, Albert Bourla, está no centro de uma polémica por causa da venda de ações da empresa no dia em que a farmacêutica anunciou dados positivas contra o novo coronavírus, e que as ações disparam em bolsa.

A venda de 132.508 ações, a 41,94 dólares cada, ascendeu a 5,6 milhões de dólares (cerca de 4,6 milhões de euros), de acordo com a informação enviada à entidade de supervisão do mercado de capitais norte-americano, a Securities and Exchange Commission (SEC). Face à cotação das ações na sessão anterior ao anúncio da novidade (sexta-feira), Bourla ganhou mais 734 mil dólares, cerca de 624 mil euros.

Segundo o mesmo documento, a transação fazia parte de um plano programado, estabelecido pelo CEO, para vender periodicamente algumas ações da Pfizer, detidas no âmbito do seu plano de remunerações. E que essa ordem de venda foi dada pelo CEO da farmacêutica em 19 de Agosto.

Entretanto, o CEO da farmacêutica disse à canal de televisão CNN que só soube do anúncio dos resultados relativos à eficácia da vacina um dia antes de serem tornados públicos.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Meteorito atinge casa de homem indonésio e transforma-o em milionário

O caso insólito aconteceu em Kolang, na Sumatra do Norte, Indonésia. Um fabricante de caixões de 33 anos encontrou um meteorito no seu jardim, depois deste atingir o telhado da sua casa em agosto. O protagonista …

Há 20 anos que ninguém sabe do paradeiro de dois cadernos de Charles Darwin

Dois dos cadernos do naturalista Charles Darwin, um dos quais com o rascunho da “Árvore da Vida” (1837), estão desaparecidos há cerca de 20 anos e terão sido muito provavelmente roubados, anunciou esta terça-feira a …

Cientistas reconstruiram explosão de Beirute através das redes sociais

Cientistas forenses recorreram a imagens partilhadas nas redes sociais para reconstruirem a explosão de Beirute, em agosto, que matou 191 pessoas. A 4 de agosto, uma série de explosões causadas por 2.750 toneladas de nitrato de …

Professor alemão do ensino básico é suspeito de canibalismo e homicídio

Depois de uma pilha de ossos ter sido encontrada por transeuntes no parque de Berlim, as autoridades alemãs descobriram que se tratava de uma vítima de canibalismo. As pistas conduziram-nas, mais tarde, à casa do …

Marselha 0-2 FC Porto | Dragão vence e abre porta dos "oitavos"

Basta apenas um ponto para que o FC Porto carimbe uma vaga nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões. Na noite desta quarta-feira, os “dragões” venceram o Marseille por 2-0 – com os contributos de Zaidu …

Mais de 100 mil crianças morreram com VIH e 320 mil ficaram infetadas. A pandemia pode piorar o cenário

De acordo com um relatório da UNICEF, a cada 100 segundos uma criança ou jovem com menos de 20 anos foi infetado pelo VIH no ano passado. Com os novos dados, o número total de …

Animação mostra como foram construídas as pontes do século XIV

Construir uma ponte sobre a água parece uma tarefa complicada e a verdade é que, apesar dos inúmeros avanços tecnológicos, os fundamentos pouco alteraram desde os tempos medievais. A Ponte Carlos tem 618 anos, mas não …

Médicos sem Fronteiras deixam hospital da Venezuela devido a restrições

A Médicos sem Fronteiras (MSF) vai se retirar de uma colaboração com um hospital venezuelano que visa tratar pacientes com covid-19 devido a restrições na entrada de especialistas no país, informou a organização na terça-feira. A …

O novo amplificador de guitarra tem maior capacidade de encaixe (e é mais poderoso)

Em 2016, o engenheiro eletrónico Chris Prendergast lançou um projeto Kickstarter para o amplificador de guitarra portátil JamStack. Este encaixava-se num pino de correia e emitia sons gerados por um smartphone. Agora foi lançada a …

Etiópia. Comissão de direitos humanos denuncia massacre de 600 civis na região de Tigré

A organização independente que investiga acusações de violência contra civis na Etiópia corroborou o relatório da Amnistia Internacional que denunciou a chacina de pelo menos 600 pessoas na região de Tigré, no Norte do país. Segundo …