Uber e Cabify escapam às multas. Os motoristas é que não

A lei que aumentou coimas para quem angaria ou transporta clientes sem alvará tem falta de impacto, de acordo com os taxistas.

888 multas foram passadas por angariação e transporte de clientes em licença, uma nova lei que entrou em vigor a 26 de novembro. Deste número, 885 visaram os motoristas, em vez de as plataformas eletrónicas, que representam uma alternativa aos táxis, como a Uber ou a Cabify.

A nova lei veio aumentar as coimas para os infratores, mas apenas três foram aplicadas às plataformas e não aos motoristas, segundo o Jornal de Notícias.

As três multas terão sido passadas pela GNR devido a “práticas de angariação, com recurso a sistemas de comunicação eletrónicos, de serviços para viaturas sem alvará”. No entanto, o Ministério da Administração Interna não especificou a que plataformas foram passadas as multas.

A PSP informou que entre 26 de novembro de 2016 e 21 de agosto deste ano fez 396 operações de fiscalização para o “mercado do transporte em táxi”. Como resultado detetou 1217 infrações, 783 por transporte de passageiro sem licença. Já a GNR declarou 105 infrações, 102 pelo mesmo motivo e as restantes três – as já referidas três – por angariação de clientes para serviços de transporte de táxi sem alvará.

Com a entrada no mercado de plataformas como a Uber e a Cabify, os taxistas protestaram e levaram o Parlamento a aumentar as coimas aplicadas a quem transporta individualmente pessoas sem alvará.

No entanto, os taxistas acreditam agora que a alteração legislativa não teve os efeitos desejados com a Federação Portuguesa do Táxi a responsabilizar as autoridades: não exigem o depósito de 2000 euros (valor mínimo da multa) nem apreendem os documentos do motorista e da viatura quando detetam as infrações.

Carlos Ramos, presidente da Associação, argumenta que “a lei é clara e para aplicar”.

Quanto à proposta do Governo para regulamentar a atividade do transporte de passageiros em viaturas descaracterizadas a partir de plataformas eletrónicas, está há oito meses no Parlamento e as primeiras audições aprovadas pelos deputados estão agendadas para outubro.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …

Irão corta acesso à Internet após protestos contra a subida do preço da gasolina

O Irão cortou o acesso à internet no sábado, após os protestos contra o aumento do preço da gasolina, que provocaram fortes confrontos entre manifestantes e forças de segurança. O Irão cortou o acesso à internet …

A maior parte das Testemunhas de Jeová não apresenta queixa em caso de abuso sexual. Mas uma nova lei pode alterar essa realidade

Em casos de abuso sexual dentro organização religiosa Testemunhas de Jeová, a maior parte das vítimas não acusa os agressores por receio de serem excluídas, revelou um artigo da Vice. Agora, uma nova lei norte-americana, …

Hong Kong. Agente atingido por flecha e operação policial reforçada com canhão de água

Um polícia foi atingido numa perna por uma flecha lançada por manifestantes antigovernamentais e pró-democracia, informaram as forças de segurança, que reforçaram a operação no local com um canhão de água. Um polícia foi atingido …

Príncipe André nega ter abusado sexualmente de jovem de 17 anos

O príncipe André, filho de Isabel I, é acusado de ter abusado sexualmente de Virginia Giuffre, uma jovem que na altura tinha 17 anos. O caso remonta ao dia 10 de março de 2001 e, este …

FC Porto tira pão da boca ao Sporting ao desviar central brasileiro

Os 'dragões' podem estar perto de chegar a acordo para a transferência de Gustavo Henrique. O central do Santos estava em negociações com o Sporting, mas uma forte investida do FC Porto, pode ter mudado …