Turquia abateu caça russo, piloto capturado por rebeldes sírios

O primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, anunciou esta terça-feira que vai comunicar à NATO e à ONU ter abatido um caça-bombardeiro russo na fronteira com a Síria.

O avião é um dos que participa nos bombardeamentos na Síria e a informação surge pouco depois de as autoridades turcas terem revelado que abateram um avião militar junto à fronteira com a Síria, por este ter violado o seu espaço aéreo.

“Um avião Su-24 russo foi abatido porque violou o espaço aéreo turco, apesar dos avisos”, disse a presidência turca, citada pela agência noticiosa francesa AFP.

O  Sukhoi Su-24 russo terá sido abatido por um caça F-16 da força aérea turca.

Moscovo, no entanto, nega a violação de espaço aéreo. O ministério da Defesa russo indicou que o caça Suhkoi “manteve-se sempre e exclusivamente em espaço aéreo sírio”, o qual nunca deixou, e que “este é um incidente diplomático muito sério“.

Os pilotos do bombardeiro conseguiram ejetar-se do avião, segundo a Defesa russa, que desconhecia na altura o seu paradeiro.

Entretanto, segundo notícia avançada pela cadeia de televisão turca CNN-Turk, filial turca da CNN, um dos pilotos do caça-bombardeiro abatido foi capturado por rebeldes sírios.

O piloto foi capturado por rebeldes sírios turcomenos que combatem o regime de Bashar al-Assad nas montanhas próximas da fronteira da Turquia, junto à província de Hatay, no sul do país, acrescentou a mesma fonte.

Putin diz que abate de avião foi “facada nas costas” que terá consequências

O presidente russo, Vladimir Putin, afirmou hoje que o abate de um avião russo pela Turquia junto à fronteira com a Síria foi “uma facada nas costas” que vai ter “consequências sérias” nas relações entre os dois países.

“A perda de hoje foi uma facada nas costas que nos foi dada por cúmplices de terroristas”, disse Putin numa conferência de imprensa conjunta com o rei da Jordânia, Abdallah II.

“Não posso descrevê-lo de outra forma”, disse Putin.

“Naturalmente vamos analisar tudo o que se passou. E os eventos trágicos de hoje vão ter consequências sérias para as relações russo-turcas”, advertiu.

Putin assegurou que o SU-24 não ameaçava a Turquia e que sobrevoava território sírio, a quatro quilómetros da fronteira.

Reunião extraordinária da NATO sobre abate de avião russo pela Turquia

A NATO vai realizar hoje uma reunião extraordinária, a pedido da Turquia, sobre o abate de um avião russo na fronteira turco-síria, disse um responsável da Aliança Atlântica.

“A pedido da Turquia, o Conselho do Atlântico Norte vai realizar uma reunião extraordinária às 17:00 (16:00 TMG e Lisboa). O objetivo desta reunião extraordinária é a Turquia informar os aliados sobre o abate de um avião russo”, disse a fonte, citada por agências internacionais.

O Conselho do Atlântico Norte reúne os embaixadores dos 28 Estados membros da NATO.

O Ministério da Defesa russo disse não poder precisar as causas da queda do avião, mas assegurou que “o avião manteve-se sempre e exclusivamente em espaço aéreo sírio, como ficou registado nos radares”.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Os Turcos sentiram-se ameaçados pelo avião Russo, pois este andava a combater os jiahdistas que são amigos dos turcos desde sempre, é uma autêntica provocação á nação russa e pode haver consequências desagradáveis.

    • Se o avião foi abatido na Turquia como é que o piloto foi capturado na Síria? Por bem menos já se começaram guerras catastróficas. Assim como assim pode ser que partam isto tudo de uma vez. Zerar tudo e começar de novo!

      • exactamente 🙂

        para além do mais, a que acrescentar que a Turquia é um dos Países que recentemente Putin “desmascarou” como clientes do ISIS em petróleo.

        talvez a intenção fosse proteger algum fornecimento……

  2. Os turcos são uns mentirosos,eles protejem os grupos que combatem o Assad,quem está a ganhar com o negócio são eles,desde as ajudas que o ocidente está a dar por causa dos refugiados aos negócios do petróleo.Só um pequeno exemplo,os turcos tinham uma estátua do seu fundador o Kemal Atatürk,em território Sírio,que era protegida por uns 40/50 soldados turcos,nunca foi atacada,por nenhum grupo rebelde,quando a guerra em Kobani se intensificou o excercito turco(uns 400/500)foram lá buscar a estátua e a guarnição que a defendia. Por isso a Turquia que é um regime ditaturial disfarçado de democracia.

RESPONDER

MP investiga juiz acusado de pagar por sexo enquanto ouvia menores abusados (ele alega que o querem tramar)

O Ministério Público (MP) instaurou um inquérito à denúncia feita, no Parlamento, pela dona de uma casa de prostituição que revelou que um juiz pedia para lhe fazerem sexo oral enquanto via vídeos dos menores …

Câmara de Sintra admite 700 casos confirmados que ainda não foram contactados

O presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, admitiu que existem cerca de 700 casos positivos de covid-19 no concelho que, apesar de identificados, não foi ainda possível contactar. Em entrevista ao jornal Público …

Jesus quer regressar ao Benfica. Acordo deve ficar fechado nas próximas horas

O futuro de Jorge Jesus continua a fazer correr muita tinta. Em Portugal, diz-se que o treinador tem um acordo quase fechado para regressar ao Benfica, enquanto que no Brasil há garantias de que ficará …

Erdogan anuncia que Santa Sofia volta a ser uma mesquita. UNESCO lamenta profundamente

O Presidente turco anunciou que as primeiras orações coletivas muçulmanas serão realizadas em 24 de julho em Santa Sofia, convertida em mesquita, acrescentando que o edifício permanecerá aberto a visitantes de todos os credos. "Vamos fazer …

PSD tem um substituto para o modelo Infarmed: reuniões no Parlamento transmitidas na televisão

O PSD considera que o "modelo Infarmed" já deu o que tinha a dar e, por isso, propõe substituí-lo por encontros públicos. O Expresso teve acesso a um projeto de resolução do PSD, entregue esta sexta-feira, …

José Mourinho diz que já não celebra golos (e explica porquê)

O treinador português José Mourinho diz que já não celebra os golos marcados pelo Tottenham, atribuindo as culpas deste seu comportamento ao VAR. "Eu já não celebro os golos, porque eu nunca sei se vai ser …

“O que aí vem ainda será pior”, avisa Costa e Silva

O diretor diretor executivo da petrolífera Partex, António Costa Silva, convidado pelo Governo para estudar um plano de retoma económica para o período pós-pandemia, acredita que "o que vem aí será pior". Em declarações ao jornal …

Países Baixos processam Rússia por envolvimento no derrube do voo MH17

O Governo dos Países Baixos anunciou que vai processar a Rússia perante o Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (TEDH) “pelo seu envolvimento na destruição do voo MH17”, abatido em 2014 quando sobrevoava a Ucrânia. A …

Barba-Negra encalhou o seu navio pirata de propósito (e já se sabe porquê)

O pirata britânico Barba-Negra deliberadamente encalhou o seu navio pirata, Queen Anne's Revenge, propõe um investigador. A embarcação estaria em péssimas condições. Edward Teach, mais conhecido como Barba-Negra, é talvez o mais famoso pirata de todos …

Peritos alertam DGS sobre alto risco de infeções no outono. Governo já prepara plano de ataque

Os peritos que trabalham diretamente com a Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a evolução da pandemia em Portugal alertam o órgão liderado por Graças Freitas que o deverá começar a subir significativamente no outono. A …