Trump deixa em “suspense” se vai aceitar resultado das eleições

Saul Loeb / EPA

-

O candidato republicano à Casa Branca afirmou no debate desta quarta-feira que só na altura é que vai decidir se aceita o resultado das eleições.

No terceiro e último debate entre os candidatos à Presidência dos Estados Unidos, Donald Trump decidiu optar pelo “suspense”.

Questionado pelo moderador se vai aceitar, ou não, o resultado das eleições de 8 de novembro, o candidato republicano respondeu assim: “Vou ver isso na altura. Vou manter-vos em suspense”.

O magnata voltou a atacar Hillary Clinton, considerando que as eleições estão a ser manipuladas a seu favor, o que levou a rival democrata a acusá-lo de “denegrir” a democracia do país.

“Os media são tão corruptos, tão desonestos (…) que envenenaram as cabeças dos eleitores. Sabemos que há milhões de pessoas registadas para votar que não estão autorizadas a votar”, acusou.

“Ele está a denegrir e a deitar abaixo a nossa democracia. Estou chocada com o facto de alguém, que está nomeado por um dos dois maiores partidos, ter esta postura”, atacou Clinton.

Como já vem a ser habitual, o debate desta quarta-feira foi novamente azedo, com os candidatos a nem sequer aceitarem dar um aperto de mão antes ou depois.

Foram vários os temas abordados no debate, desde os impostos, a alteração da Segunda Emenda, a legalização do aborto e a defesa pela comunidade LGBT ou pelos imigrantes.

Em todos foram visíveis as diferenças entre os dois candidatos. Por exemplo, em relação à lei que permite o porte de armas aos americanos, Trump acusou Clinton de querer acabar com esse direito.

A adversária garantiu que defende a Segunda Emenda mas que, no entanto, “é preciso mais regulação”, recordando o sem número de pessoas que morre por crimes com armas de fogo.

Em relação ao aborto, Hillary também defendeu que “o Governo não tem de se meter nas decisões que as mulheres tomam” e prometeu um maior envolvimento com a comunidade LGBT.

Relativamente a um dos temas mais polémicos desta corrida à Casa Branca, a imigração, Trump voltou a reafirmar que é preciso um “muro” para travar os “maus hombres” que chegam ao país.

E ainda houve tempo para Clinton afirmar que Trump é uma “marioneta” do Presidente russo, Vladimir Putin, que tenta interferir nas eleições norte-americanas.

Segundo a habitual sondagem da CNN, a candidata democrata ganhou o debate com uma margem de 13 pontos percentuais, a menor dos três frente-a-frente realizados.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Só no dia das eleições vai decidir se “aceita os resultados das eleições”? Que cómico. A primeira conclusão que tiro é que este individuo não tem noção do conceito de “Democracia”. A segunda é que ele está mesmo convencido que é o “maior lá sitio”, comportamentos que me leva a pensar que o homem tem alguma patologia psiquiatrica. É claramente um Narcisista (patologia que leva o doente a concluir que é o ” centro do mundo “, um “egocentrismo exarcebado”. A terceira é que este individuo se ganhasse as eleições, seria um perigo para o Mundo.

    Tudo o que referi antes não invalida que também tenha algumas duvidas sobre a concorrente Clinton. Só o facto dela estar ligada aos mafiosos do Banco Goldman Sachs, já me deixa desconfiado sobre a seriedade dela.

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …