Trump está proibido de bloquear pessoas no Twitter

Kevin Dietsch / EPA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

O Presidente dos Estados Unidos está proibido de bloquear utilizadores no Twitter. A decisão é de uma juíza federal, que considera que Trump viola a primeira emenda da Constituição.

Uma juíza federal americana proibiu, esta quarta-feira, o Presidente Donald Trump de bloquear utilizadores que são críticos em relação ao seu Governo na rede social Twitter. De acordo com Naomi Reice Buchwald, Trump viola a primeira emenda da Constituição: a liberdade de expressão.

“Como nenhum funcionário do governo está acima da lei, devemos presumir que o Presidente e o seu diretor de redes sociais, Dan Scavino, vão remediar o bloqueio que consideramos inconstitucional”, escreveu a magistrada no seu parecer de 75 páginas.

A juíza considerou que os utilizadores afetados foram “indiscutivelmente bloqueados como resultado de uma discriminação do ponto de vista”, o que é “inadmissível”. A decisão resulta de uma ação movida por um grupo de utilizadores da rede social que foram bloqueados pelo perfil de Donald Trump após terem criticado o governante.

Os utilizadores afetados alegaram que, como Trump usa o Twitter para uma série de anúncios políticos, a sua conta particular é uma espécie de “fórum público” que não pode excluir pessoas em prol das suas próprias opiniões políticas.

A juíza acatou este argumento, e acrescentou que, mesmo que o Presidente norte-americano tenha certos direitos de liberdade de expressão, não pode violar os direitos dos outros utilizadores.

“Embora tenhamos que reconhecer os direitos pessoais da Primeira Emenda, que também são sensíveis, do próprio presidente, ele não pode exercer esses direitos de forma a infringir esses mesmos direitos daqueles que os criticaram, referiu a magistrada.

Nem a rede social Twitter nem a Casa Branca comentaram esta decisão. O uso das redes sociais tornou-se uma das principais excentricidades de Donald Trump, que fez do seu perfil no Twitter uma fonte de informação onde anunciou medida políticas do seu Governo e mudanças no seu gabinete – além de insultar líderes de outros países.

Os escritores Stephen King e Anne Rice, a comediante Rosie O’Donnell, a modelo Chrissy Teigen, a atriz Marina Sirtis e o comité de ação política dos militares veteranos VoteVets.org são algumas das pessoas que Trump bloqueou no Twitter.

A conta do Presidente conta com mais de 52 milhões de seguidores.

ZAP ZAP // DW

PARTILHAR

RESPONDER

Ruth, a "humana digital" da Nestlé ensina como fazer as bolachas perfeitas

Graças à Inteligência Artificial, nasceu Ruth, um "humano digital" da Nestlé que interage connosco e nos ajuda a fazer as melhores bolachas com pepitas de chocolate. A internet é o maior livro de receitas a que …

“Ditador egoísta e despótico”. Margaret Tatcher comparou Saddam Hussein a Hitler após ataque ao Kuwait

Documentos do início da Guerra do Golfo revelam que a antiga primeira-ministra britânica Margaret Thatcher comparou Saddam Hussein a Adolf Hitler após a invasão do Kuwait pelo ditador iraquiano. De acordo com os documentos anteriormente confidenciais …

Cientistas criam "televisão" ultravioleta para animais (que nos vai ajudar a entendê-los melhor)

Uma equipa de cientistas da Universidade de Queensland, na Austrália, desenvolveu uma "televisão" ultravioleta para ajudar os especialistas a entender melhor a forma como os animais veem o mundo. Os monitores de televisões ou computadores têm …

Watakano, a “ilha da prostituição” que teve o seu auge nos anos 80, está agora vazia

Conhecida como “ilha da prostituição”, Watakano já foi considera um pequeno paraíso sexual. No seu auge, do final dos anos 70 a meados dos anos 80, homens faziam um curta viagem de barco até ao …

Deputado norte-americano quer banir GTA 5 e outros jogos violentos. Tudo para diminuir roubos de carros

O deputado norte-americano Marcus Evans quer proibir a venda de videojogos violentos que promovam atividades criminosas, como o GTA 5, face ao aumento dos roubos de automóveis em Chicago e um pouco por todo o …

Estudante projetou um casaco que se transforma num saco-cama para os sem-abrigo. E deu-lhes um emprego

Nos Estados Unidos, há pelo menos 567.715 pessoas que vivem nas ruas. Embora há quem vire as costas a essas estas, também há quem esteja disposto a fazer tudo para ajudar os necessitados e tirá-los …

Um livro e uma reclusa-mediterrânica. Aranhas venenosas obrigam a encerramento temporário de biblioteca nos EUA

Aranhas venenosas da espécie reclusa-mediterrânica apareceram na cave de uma biblioteca na Universidade do Michigan, nos Estados Unidos. Os funcionários de uma biblioteca da Universidade do Michigan, nos Estados Unidos, foram obrigados a encerrar temporariamente o …

Bolsonaro diz que máscaras causam "efeitos colaterais"

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, disse que as máscaras causam "efeitos colaterais" e citou um alegado estudo alemão, sem acrescentar mais detalhes. O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, causou polémica esta quinta-feira ao dizer que as …

Pilotos aprovam acordo de emergência na TAP

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) aprovou esta sexta-feira o acordo de emergência na TAP, adiantaram vários pilotos à Lusa. O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) aprovou o acordo de emergência na …

Britânico enviava dinheiro a residentes de uma cidade britânica. Era "um ato generoso de bondade"

Os habitantes de Frome, no Reino Unido, estão constantemente à espera do correio, depois de ter sido revelado que um homem misterioso estava a entregar dinheiro nas casas dos residentes locais. A polícia da cidade inglesa …