EUA vão explorar petróleo e gás no Alasca, o “último grande refúgio de vida selvagem” do país

David Butman / University of Washington

O Departamento do Interior norte-americano aprovou um programa de exploração de petróleo e gás na Reserva Nacional de Vida Selvagem do Ártico, no Alasca, extenso lar para ursos polares, renas e outros animais selvagens.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, a administração Trump está a dar os últimos passos necessários para permitir que empresas de prospeção de petróleo e gás possam fazer furos no estado do Alasca.

Em declarações ao The Wall Street Journal, o secretário David Bernhardt, responsável pelo Departamento do Interior dos Estados Unidos, disse que vai ser aberto um leilão para a concessão de prospeções até ao final do ano.

Segundo a Sociedade de Jornalistas do Ambiente, o espaço onde as empresas de petróleo e gás poderão vir a fazer prospeções é reconhecido como o “último grande refúgio de vida selvagem” dos Estados Unidos.

Este espaço no nordeste do Alasca cobre quase 77 mil quilómetros quadrados. A decisão da administração Trump irá libertar 6474 quilómetros quadrados para serem explorados. Alguns animais, como ursos polares, raposas e aves, dependem do local para fazerem as suas migrações.

“O Congresso deu-nos a indicação para realizar vendas de leasing na planície costeira da ANWR e demos um passo significativo no cumprimento das nossas obrigações, ao determinar onde e em que condições o programa de desenvolvimento de petróleo e gás irá ocorrer“, disse Bernhardt.

“Em nenhum outro lugar das cinco nações do círculo Polar Norte há uma vida selvagem tão abundante e diversa”, disse Adam Kolton, diretor executivo da Alaska Wilderness League.

Kolton frisou que o clima “está em crise” e “os preços do petróleo afundaram”. Porém, “a administração Trump continua a sua corrida para liquidar o último grande deserto da nossa nação, pondo em risco os povos indígenas e a icónica vida selvagem que dele dependem”.

Bernadette Demienti, diretora executiva do comité de direção Gwich’in, uma tribo, fala em razões ancestrais, alegando que o seu povo teve uma conexão espiritual e cultural com os alces caribu, uma das espécies ameaçadas, “desde tempos imemoriais”.

O Congresso dos Estados Unidos aprovou o programa em 2017 e o Gabinete de Gestão de Terras, em dezembro de 2018, concluiu que a perfuração poderia ser feita na zona de planície costeira sem prejudicar a vida selvagem. Ainda não se sabe se as empresas vão querer mesmo perfurar a área em breve, uma vez que o petróleo é barato e abundante noutros lugares.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O Alasca, em termos de biodiversidade boreal e extensão territorial, poderia ser comparado à amazônia subtropical. Lá ninguém está fazendo protestos ou insinuando em “internacionalização do território” quando alguém vem com a ideia de explorar gás e petróleo nesse território. Dois pesos e duas medidas para o mesmo. O ecossistema amazônico, que representa quase 60% do território brasileiro, está praticamente intocada e é muito atacada por madeireiros clandestinos cujos clientes estão em Europa e Estados Unidos.

RESPONDER

Exilados sírios obrigados a pagar taxas para evitar o alistamento obrigatório

No início deste ano, Yousef, um sírio de 32 anos que vive na Suécia, teve que pagar as taxas que lhe isentavam da obrigatoriedade de se alistar no exército da Síria, caso contrário a família …

Portugal tem cerca de 8.200 pessoas em situação de sem-abrigo, mais de metade em Lisboa

Estima-se que, em 2020, cerca de 485 pessoas tenham abandonado esta condição, o que representa uma descida de 39% face a 2019. Portugal terá cerca de 8.200 pessoas em situação de sem-abrigo, segundo os resultados de …

Simone Biles: "Deveria ter desistido muito antes dos Jogos Olímpicos"

"Uma mulher preta tem que ser a melhor, as pessoas tentam menosprezar", lamentou a multi-campeã olímpica de ginástica. Simone Biles não conquistou qualquer medalha de ouro nos Jogos Olímpicos deste ano mas foi a atleta mais …

Mãe e filho de 2 anos morrem à porta do estádio. Jogo decorreu normalmente

Queda aconteceu pouco antes de começar um jogo da Major League Baseball, em San Diego. O desporto passou para segundo plano na tarde deste domingo, pouco antes de um jogo de beisebol, nos Estados Unidos da …

"Blá blá blá". Greta Thunberg acusa líderes mundiais de não cumprirem com as promessas climáticas

Ativista considera que os anúncios feitos pelos líderes mundiais não passam de bonitas intenções que, na prática, não se traduzem em ações com verdadeiro impacto na luta contra as alterações climáticas. Greta Thunberg acusou os líderes …

Mulher com síndrome de Down perde ação judicial contra a lei do aborto no Reino Unido

Na semana passada, uma mulher com síndrome de Down perdeu uma ação judicial contra o governo britânico por causa de uma lei que permite o aborto até ao fim da gestação de fetos que poderão …

Tribunal condena corticeira da Feira por despedir trabalhadora que denunciou assédio

A corticeira Fernando Couto foi condenada pelo Tribunal da Feira a pagar uma coima de cerca de 11 mil euros por ter despedido a operária Cristina Tavares, após esta ter denunciado ser vítima de assédio …

Dupla de cientistas apresenta uma nova abordagem para reciclar plástico

Um novo estudo oferece uma abordagem totalmente nova para reciclar plástico, tendo sido inspirada na forma como a natureza naturalmente "recicla" os componentes dos polímeros orgânicos presentes no ambiente. As proteínas são um dos principais compostos …

Edição de 2021 da Web Summit recebe 40 mil participantes. Moedas como presidente não será problema

Evento, que se realiza entre 1 e 4 de Novembro, volta a decorrer em formato presencial depois de em 2020 a pandemia ter transferido as atividades para o ambiente digital. O presidente executivo da Web Summit, …

Alunos carenciados com desempenho inferior aos dos mais favorecidos

Mesmo tendo acesso a meios digitais, o desempenho dos alunos carenciados foi sempre “inferior” aos dos seus colegas oriundos de meios mais favorecidos.  Segundo noticia o Público, esta é uma das principais conclusões a que chegou …