Trump diz ser “uma honra” estar com Presidente russo. Putin ficou “encantado”

Michael Klimentyev / Sputnik / Kremlin Pool / EPA

O Presidente russo, Vladimir Putin, com o homólogo norte-americano, Donald Trump, na cimeira do G20, que decorre na Alemanha

O Presidente russo, Vladimir Putin, com o homólogo norte-americano, Donald Trump, na cimeira do G20, que decorre na Alemanha

O Presidente dos EUA manifestou-se, esta sexta-feira, muito otimista em relação ao encontro com o chefe de Estado russo, a decorrer à margem da cimeira do G20, afirmando esperar “coisas muito positivas” para os dois países.

Sentado ao lado de Vladimir Putin, Donald Trump afirmou ser “uma honra” estar com o seu homólogo russo.

Nos breves momentos em que os jornalistas foram autorizados a entrar no local onde acontece este encontro bilateral, realizado à margem da cimeira dos 20 países mais industrializados e emergentes (G20) a decorrer na cidade alemã de Hamburgo, o Presidente dos EUA disse que ele e o chefe de Estado russo já tinham tido “conversas muito, muito boas”.

Trump indicou ainda estar expectante pelas “muitas coisas positivas que vão acontecer para a Rússia e para os EUA”.

Por sua vez, Vladimir Putin disse estarencantado” por poder estar com o homólogo americano pessoalmente. “Estou feliz por conhecê-lo e espero que (…) este encontro seja marcado por um resultado positivo”.

“Temos conversado ao telefone, mas as conversas telefónicas nunca são suficientes“, acrescentou o líder russo.

Os dois líderes já falaram ao telefone em quatro ocasiões depois da chegada de Trump à Casa Branca, em janeiro deste ano, mas nunca tinham tido um encontro presencial.

Este era um encontro muito aguardado na cimeira do G20, sobretudo, por causa das acusações de ingerência russa nas eleições presidenciais americanas.

Esta quinta-feira, durante uma conferência de imprensa com o Presidente polaco, Andrzej Duda, Trump disse, pela primeira vez, que achava que a Rússia podia ter estado por trás dessas interferências, no entanto, ressalvou que era impossível ter certezas e que até “podem ter sido outras pessoas noutros países”.

A cimeira está a ser marcada por vários protestos. Esta quinta-feira, jovens encapuzados tomaram o controlo de uma manifestação sob o lema “bem-vindos ao inferno”, tendo a polícia recorrido a canhões de água para os dispersar.

Objetos foram arremessados contra a polícia durante a noite, resultando em danos em viaturas, lojas e imóveis, assim como no ferimento de agentes.

A polícia divulgou hoje um comunicado com a contagem mais recente dos incidentes durante a noite, dando conta de 111 agentes feridos e 44 detidos.

O G20 é composto pelas 19 maiores economias do mundo às quais se junta a União Europeia, no 20º lugar. Argentina, Austrália, Brasil, Canadá, China, França, Alemanha, Índia, Indonésia, Itália, Japão, México, Rússia, Arábia Saudita, África do Sul, Coreia do Sul, Turquia, Reino Unido e EUA foram as potências convidadas este ano.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Depois do balde de água fria da pandemia, Israel vai ficar melhor do que nunca. Tudo pelos turistas

Israel está fechado em casa e viajar para este país não faz parte dos planos de muitas pessoas. No entanto, este período de acalmia pode mesmo ser o melhor momento para planear uma viagem - …

Menos 1,3 milhões de consultas nos hospitais e menos 151 mil cirurgias em 2020

No ano em que a pandemia chegou a Portugal, houve menos 151 mil cirurgias e menos 1,3 milhões de consultas nos hospitais públicos. A covid-19, que chegou a Portugal a 2 de março de 2020, obrigou …

Várias escolas de Tóquio pedem "certificados de cabelo real" aos alunos

As escolas japonesas são conhecidas pela sua rigidez relativamente à aparência dos seus alunos, tanto que os estudantes que não seguem o padrão de "cabelo liso e preto" têm de apresentar provas. Dados divulgados, esta semana, …

UE estima normalidade nas vacinas daqui a duas semanas. Orbán recebeu vacina chinesa

A União Europeia (UE) estima que dentro de duas a três semanas "tudo vai funcionar normalmente" na produção e distribuição de vacinas nos Estados-membros. Entretanto, o primeiro-ministro húngaro já foi vacinado (mas com uma vacina …

"Os dados de milhões de pessoas estão em risco", alertam denunciantes da Amazon

Denunciantes da Amazon alertam que os dados de milhões de pessoas estão em risco devido à falta de preocupação da empresa com a cibersegurança. A par da Google, Apple, Microsoft e Facebook, a Amazon é uma …

Mais 41 mortes e 718 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou, este domingo, mais 41 mortes e 718 novos novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 718 …

Navalny chega a colónia penal a leste de Moscovo

O principal opositor do Kremlin chegou, este domingo, a uma zona a cerca de 200 quilómetros a leste de Moscovo para ser transferido para uma colónia penal onde vai cumprir a sua pena, informou um …

Já chegou o voo de repatriamento com 300 passageiros vindos do Brasil

O voo de repatriamento vindo do Brasil chegou, este domingo de manhã, ao Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, com cerca de 300 passageiros. De acordo com a RTP, o voo de repatriamento vindo de São Paulo, …

Costa imune ao descontrolo da pandemia. Popularidade de Marcelo dispara

A sondagem TSF/JN/DN regista uma avaliação positiva do primeiro-ministro e do Presidente da República, com este a atingir um novo pico de popularidade. Os líderes do PSD e do Chega surgem empatados como principais figuras da …

Mais seis mortos nos protestos em Myanmar. Embaixador na ONU afastado

Seis manifestantes foram mortos em Myanmar, este domingo, por forças de segurança que dispersavam com violência as manifestações pró-democracia. Três manifestantes foram mortos em Dawei (no sul do país), enquanto dois adolescentes, de 18 anos, morreram …