Trump ameaça fechar fronteira com o México

O Presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçou esta quinta-feira fechar a fronteira entre os Estados Unidos e o México, numa altura em que milhares de migrantes atravessam a pé vários países da América Central na esperança de chegar ao território norte-americano.

“Devo pedir ao México, nos termos mais fortes, para travar este assalto – se não for capaz, chamarei o exército norte-americano e encerrarei a nossa fronteira do sul”, escreveu Donald Trump, numa mensagem no Twitter, utilizando letras maiúsculas na última parte da frase para acentuar a sua posição.

Com esta mensagem, Trump recuperou um dos principais temas da sua campanha presidencial de 2016, a três semanas das eleições intercalares norte-americanas consideradas cruciais para o seu mandato na Casa Branca.

Estas eleições estão agendadas para 6 de novembro e vão determinar a composição do Congresso americano.

Milhares de hondurenhos, incluindo famílias inteiras, prosseguiram na quarta-feira com uma marcha apelidada como a “Marcha dos Migrantes”, por vários países da América Central com o objetivo de entrar nos Estados Unidos, desafiando assim a figura do presidente americano.

Donald Trump tem ameaçado com represálias os países que deixarem passar esta caravana de migrantes – nomeadamente com o corte nas ajudas económicas.

Esta grande movimentação de migrantes começou no passado sábado, quando cerca de dois mil migrantes hondurenhos saíram a pé de San Pedro Sula, a cerca de 180 quilómetros a norte da capital das Honduras, Tegucigalpa, em resposta a um apelo publicado nas redes sociais.

Fugir da miséria, da violência de grupos criminosos organizados nas Honduras e alcançar o “sonho americano” são as principais motivações destas pessoas.

Após várias horas de tensão com as forças policiais, a “marcha” de migrantes cruzou a fronteira da Guatemala, país situado entre as Honduras e o México, e dividiu-se em dois grupos em direção à capital do país.

Exaustos após várias horas de caminhada, sob sol ou chuva, cerca de mil migrantes chegaram na noite de terça para quarta-feira à Cidade da Guatemala, a capital do país.

Um outro grupo de migrantes, com cerca de mil pessoas, encontrava-se nesse momento na região leste da Guatemala, também a caminho dos Estados Unidos.

Outro grupo de hondurenhos, perto de 500, cruzou na quarta-feira a fronteira com El Salvador, com a intenção de atravessar o país e juntar-se na região norte da Guatemala à “Marcha dos Migrantes”.

Ainda nas mensagens publicadas esta quinta-feira no Twitter, Donald Trump renovou a ameaça de cortar as ajudas financeiras aos países da América Central envolvidos nesta situação.

Os tweets presidenciais de hoje de manhã também visaram os membros do Partido Democrata norte-americano que, segundo Trump, querem “abrir as fronteiras” ao abrigo de “leis fracas” que não são da responsabilidade da atual administração.

O chefe da diplomacia norte-americana, Mike Pompeo, desloca-se esta quinta e sexta-feira ao Panamá e ao México.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

A poluição do ar impacta mais umas pessoas do que outras. Depende da cor da pele

Vários estudos mostram que as pessoas de cor estão desproporcionalmente expostas à poluição do ar nos Estados Unidos. No entanto, não é claro se essa exposição desigual se deve principalmente a alguns tipos de fontes …

A tecnologia ressuscitou o "plágio" de escritores medievais

Os trabalhos de autores medievais foram "ressuscitados" com a tecnologia do século XXI numa inesperada colaboração na Universidade de St Andrews, na Escócia. Um arquivo das obras de autores ingleses medievais, que revelava uma visão internacional …

Num cenário apocalíptico, a espécie humana poderia sobreviver "com populações na casa das centenas"

Cientistas de todo o mundo debruçam-se sobre a preparação das populações (e de abrigos) para sobreviver a um possível apocalipse. Para o antropólogo Cameron Smith, não seria necessário um número muito elevado de pessoas, desde …

Príncipe Harry diz que viver com a família real é "uma mistura entre o Truman Show e estar num zoo"

Depois de uma entrevista a Oprah Winfrey, o duque de Sussex faz novas revelações numa nova entrevista e descreve como era a sua vida antes de ir viver, primeiro para o Canadá e, depois, para …

Pentear o cabelo pode tornar-se uma tarefa mais fácil com a ajuda de um robô

Uma equipa de cientistas desenvolveu recentemente um braço robótico com uma escova de cabelo macia, equipada com uma câmara que ajuda o braço a "ver" e a avaliar a ondulação, para oferecer ao utilizador uma …

Benfica 4-3 Sporting | Águia vence dérbi espectacular

Mas que grande dérbi! Benfica e o novo campeão Sporting presentearam os adeptos com um jogo espectacular, um dos melhores dos últimos anos em Portugal, com futebol de ataque e golos, muitos golos. Foram nada menos …

Portugal é o 2.º país com mais divórcios e menos casamentos na UE

A taxa de casamentos na União Europeia caiu drasticamente nos últimos 55 anos, ao mesmo tempo que a taxa de divórcios subiu. Portugal é o segundo país onde esta tendência mais prevalece. De acordo com dados …

"É parte da nossa identidade". Pequena cidade na Suécia luta para preservar uma antiga língua moribunda

A organização Ulum Dalska, sediada numa pequena cidade sueca chamada Älvdalen, tem uma missão. Durante décadas, os seus membros têm trabalhado arduamente para ajudar a salvar a língua elfedaliana, um remanescente do nórdico antigo. "Tivemos a …

Papa diz que abuso infantil é uma espécie de “assassinato psicológico”

O Papa Francisco criticou hoje o abuso infantil dizendo que é “uma espécie de ‘assassinato psicológico’ e, em muitos casos, um cancelamento da infância” e pediu para “parar de encobrir” o fenómeno da pedofilia. Francisco falava …

Jerónimo considera “precipitado” discutir Orçamento de 2022 e “deitar borda fora” o atual

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, considerou hoje “no mínimo precipitado” antecipar a posição do partido sobre o próximo Orçamento do Estado e “deitar borda fora” a concretização do atual. À margem de uma visita …