Traficante perde códigos de contas com 53,6 milhões de euros em bitcoins

Um traficante irlandês, que acumulou uma fortuna de 55 milhões de euros em bitcoins, perdeu os códigos para aceder às contas depois de os esconder no estojo onde estava guardada a sua vara de pescar, que agora está desaparecido.

As autoridades irlandesas confiscaram as 12 contas ‘online’, que contêm seis mil bitcoins. No entanto, como informou o Irish Times, estas não podem ser acedidas porque os códigos estão desaparecidos. O valor monetário de 53,6 milhões de euros em bitcoins está, por enquanto, fora do alcance da agência.

Clifton Collins, de 49 anos, originário de Crumlin, Dublin (Irlanda), comprou a maior parte das bitcoins no final de 2011 e no início de 2012, com dinheiro que conseguiu pelo cultivo e venda de cannabis. Gastou parte do seu dinheiro na compra de um avião giroscópio de dois lugares e em aulas para aprender a pilotar.

No início de 2017, tinha mais de seis mil bitcoins numa conta, mas temia ser roubado por um ‘hacker’. Decidiu então distribuir a sua riqueza por 12 novas contas e transferiu 500 bitcoins, no valor de quase 4,5 milhões de euros, para cada uma delas.

De seguida, imprimiu os códigos das 12 contas num folha de papel A4, que escondeu dentro da tampa de alumínio do estojo onde estava a sua vara de pescar.

Quando foi condenado a cinco anos de prisão devido ao tráfico de cannabis, em 2017, a sua casa foi desocupada, com muitos dos seus bens levados para um depósito de lixo. Os resíduos depositados nesse local são enviados para a Alemanha e para a China para incineração. O estojo que continha a vara de pescar não foi encontrado.

Collins disse às autoridades que teve tempo para aceitar a perda do dinheiro, que considera uma punição pela sua “própria estupidez”.

Muito do que contou à polícia foi apoiado por uma série de testemunhas, incluindo pessoas que limparam a sua casa, o seu senhorio e outros que o ajudaram a dividir a fortuna pelas 12 contas. As autoridades acreditam que Collins perdeu os códigos das contas, que já não não registavam acessos há um ano antes de chamar a atenção dos agentes.

Collins possuía quantias menores de bitcoins noutras contas, avaliadas em 1,5 milhões de euros, às quais as autoridades conseguiram ter acesso.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Arqueólogos revelam condições horríveis de campo de concentração nazi no Reino Unido

Uma equipa de arqueólogos revelou as condições horríveis de um campo de concentração nazi em Alderney, a ilha britânica mais setentrional do Canal da Mancha, onde estavam prisioneiros políticos e trabalhadores forçados durante a Segunda …

Governo quer reabrir ensino secundário a 4 de maio. Telescola deve arrancar depois da Páscoa

O Governo está a preparar a reabertura das escolas apenas para o ensino secundário para 4 de maio. Ainda falta ouvir a Direção-geral da Saúde, os especialistas, o Conselho Nacional de Educação e o Conselho …

“Não há razão para alarme”. Governo quer perdoar penas até dois anos e antecipar liberdade condicional

A proposta de lei do Governo que estabelece um regime excecional para as prisões, no âmbito da pandemia covid-19, já deu entrada na Assembleia da República, podendo ser consultada na página oficial do Parlamento. No diploma, …

O nosso cérebro evoluiu para acumular mantimentos (e julgar os outros por fazer o mesmo)

O nosso cérebro evoluiu de uma forma que, em situações de stress, acumulamos mantimentos e julgamos os outros por fazer exatamente o mesmo. Os media estão repletos de histórias – e a condenação – de pessoas que …

Autarca de Vieira do Minho denuncia: testes estão a ser desviados para Lisboa

O Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Gerês/Cabreira, Vieira do Minho, detetou 77 infetados pelo novo coronavírus, com os autarcas da área a reclamarem contra a demora na distribuição de testes, disse esta sexta-feira à …

Trump recomenda uso de máscaras (mas recusa-se a usá-las)

Esta sexta-feira, os Estados Unidos tiveram, pelo quarto dia consecutivo, o maior número de mortes em 24 horas, num total de 1.094, e contam com quase 30 mil novos casos. No seu briefing diário, de acordo …

A Antártida já foi uma floresta tropical

A Antártida pode ter sido o lar de ecossistemas quentes e pantanosos cercados por fetos e árvores coníferas há 90 milhões de anos, altura marcada pelo auge dos dinossauros. Uma análise do solo antigo extraído da …

Algumas estrelas têm "veneno" dentro de si (e é por isso que explodem)

Algumas estrelas têm um "veneno" dentro de si: o elemento néon no núcleo das estrelas pode desencadear uma reação química que leva a uma morte definitiva e explosiva. Estrelas menos massivas, como o nosso Sol, expandem-se …

Criada tecnologia que traduz pensamentos diretamente em texto

Uma equipa de investigadores diz ter criado um sistema capaz de traduzir sinais cerebrais diretamente em texto escrito. Este é um passo promissor para que no futuro seja possível escrever num computador apenas com o …

Desaparecimentos, mistérios e lendas. O Triângulo do Alasca pode ser mais perigoso do que o das Bermudas

Milhares de pessoas desaparecem todos os anos no estado norte-americano do Alasca, fazendo lembrar as histórias do Triângulo das Bermudas, onde aviões e navios desapareceram sem deixar rastro. De acordo com a revista The Atlantic, três …