Torres do Estabelecimento Prisional de Lisboa estão sem vigilância durante 14 horas por dia

Estabelecimento Prisional de Lisboa

As torres do Estabelecimento Prisional de Lisboa (EPL), onde no início de fevereiro houve desacatos com os reclusos, estão sem vigilância durante 14 horas por dia.

O aviso é do Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional (SNCGP), sobre o caso no Estabelecimento Prisional de Lisboa (EPL): existem “muitas falhas de segurança e os reclusos estão a perceber isso“, cita o Diário de Notícias.

De acordo com o ofício enviado à ministra da Justiça a 15 de fevereiro, existem algumas “torres desativadas, de dia e de noite” e “as visitas estão caóticas com dois guardas para 300 pessoas nas salas de visitas”, onde deviam estar dez elementos da segurança.

“São nove torres de vigia ao todo, no EPL. Das 08h00 da manhã às 22h00 estão todas desativadas ou sem guardas. Às 22h00 são ativadas seis, com um guarda para cada uma. À meia-noite, com a rendição de guardas, fecham duas. Da meia-noite às 08h00 da manhã ficam apenas quatro torres do EPL com vigilância”, explica ao jornal Jorge Alves, presidente do SNCGP.

“Existem apenas duas câmaras de videovigilância no EPL, uma dentro da cadeia, junto ao graduado e que permite ver apenas o corredor onde os reclusos passam. Outra na portaria, onde entram as viaturas”, refere ainda o dirigente sindical.

Em resposta ao DN, por sua vez, a Direção Geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP) “desmente, em absoluto, que a segurança de instalações e de pessoas se encontre em causa no Estabelecimento Prisional de Lisboa”.

Recorde-se que, no passado dia 10 de fevereiro, houve uma rebelião na ala E deste estabelecimento prisional, onde estão entre 200 a 300 reclusos, devido ao abandono do posto por vários guardas, o que provocou dificuldade em manter os horários normais das visitas, refeições e medicação.

Segundo o jornal, os sindicatos Nacional e Independente dos guardas contestam os novos turnos de oito horas, aplicados desde janeiro em seis cadeias, e continuam a pedir a demissão do diretor-geral das prisões, Celso Manata.

Esta segunda-feira, os dirigentes dos sindicatos, Jorge Alves e Júlio Rebelo, estiveram reunidos com a ministra Francisca Van Dunem, que decidiu aguardar por uma avaliação da DGRSP sobre o impacto do novo horário no funcionamento destes estabelecimentos prisionais.

Na próxima quinta-feira à meia-noite, os guardas iniciam uma greve às horas extraordinárias, no período das 16h00 às 19h00, e que afetam os que entram às 08h00, que se vai estender até às 23h59 de dia 28.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Em Casa d’Amália": RTP comemora cententário da fadista

A Fundação Amália Rodrigues junta-se à RTP para assinalar o centenário da fadista. O programa Em Casa d’Amália tem estreia marcada para a próxima sexta-feira (10) e reúne várias figuras da música portuguesa da atualidade. O …

Desapareceram 21 milhões de números de telefone na China. Mas o mistério foi resolvido

O porta-voz de uma das três maiores operadoras chinesas confirmou o desaparecimento dos utilizadores, mas deu uma explicação para este mistério. Nos últimos dias, surgiram vários relatos de notícias que davam conta de que, entre janeiro …

Mercadona doa 20 mil quilos de chocolate aos profissionais de saúde e aos mais carenciados

A Mercadona anunciou, esta quarta-feira, a doação de 20 mil quilos de chocolate ao Banco Alimentar Contra a Fome do Porto. O objetivo é proporcionar uma Páscoa mais doce aos mais carenciados e aos que …

"Paciente 1" em Itália recupera (e dá as boas-vindas a Giulia, a sua filha recém-nascida)

Giulia, a filha recém-nascida do "paciente 1" de Itália, veio para trazer alguma esperança ao país, em plena pandemia de covid-19. Mattia, de 38 anos, foi internado no dia 20 de fevereiro no hospital de Codogno, …

Investigadores transformaram o coronavírus em música (e já o podemos ouvir)

Uma equipa de investigadores do Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT) conseguiu transformar em som a estrutura da proteína spike, que permite que o novo coronavírus adira às células para infetá-las. Até agora, já pudemos ver …

Autoeuropa quer recorrer ao lay-off (e retomar produção a 20 de abril)

A administração da Autoeuropa quer promover um regresso gradual ao trabalho a partir de 20 de abril, pretendendo recorrer ao lay-off simplificado para os trabalhadores que não regressem ao trabalho nessa data. “O regresso ao trabalho …

Ex-mulher de astronauta acusada de mentir sobre o "primeiro crime espacial"

A ex-mulher da astronauta da NASA Anne McClain, Summer Worden, foi acusada formalmente de mentir sobre o "crime espacial" que McClain terá cometido. Em agosto de 2019, o jornal norte-americano The New York Times noticiou que …

Em Singapura, os parques de estacionamento são agora quintas urbanas

A pandemia de covid-19 está a obrigar alguns países a adaptarem-se. É o caso de Singapura, que está a transformar os parques de estacionamento em quintas urbanas para aumentar a produção alimentar. Só 1% do território …

O empresário mais odiado do mundo quer sair da prisão (para desenvolver um medicamento para a covid-19)

Martin Shkreli, o empresário mais odiado do mundo, quer sair brevemente da prisão para ajudar a desenvolver um tratamento para a covid-19. Num artigo publicado no site da empresa de Shkreli, Prospero Pharmaceuticals, juntamente com outros …

Ceferin acusado de ganância. "Manter a Liga dos Campeões foi um ato criminoso irresponsável"

O primeiro-ministro da Eslovénia, Janz Jansa, teceu duras críticas à forma como a UEFA e o seu presidente, Aleksander Ceferin, lidaram com a fase inicial da pandemia de covid-19. "Manter a Liga dos Campeões foi um …