Toda a delegação russa pode ser proibida de participar nos Jogos Olímpicos

Flickr

-

O presidente da Agência Mundial Antidopagem (AMA), Craig Reedie, admitiu a possibilidade de estender a todos os desportistas russos a proibição de participarem nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Num congresso em Londres, Reedie afirmou que, caso o relatório que está a ser elaborado desde maio “indique a existência de transgressões”, irá “demonstrar o compromisso coletivo de limpar o desporto”.

“O mundo está a olhar para nós”, salientou.

Craig Reedie referiu ainda que o facto de a AMA ter suspendido a acreditação a vários laboratórios, entre os quais o português, está empenhado “em manter padrões elevados” na luta contra o doping.

Contudo, além da Rússia, também México, Espanha e Quénia estão sob ameaça de “medidas severas” por irregularidades no controlo de doping.

O Comité Olímpico Internacional (COI) convocou uma cimeira para esta terça-feira para estudar “a situação dos países considerados incumpridores pela Agência Mundial Antidopagem (AMA)”, admitindo a tomada de medidas severas.

Segundo a AMA, os países incumpridores são a Rússia, México, Espanha e Quénia, sendo que o primeiro está já sob alçada disciplinar das organizações internacionais, o que impede o atletismo russo de se fazer representar no Brasil.

“O COI tomará medidas de longo alcance para assegurar uma competição justa a todos os desportistas que participem nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016”, refere o organismo em comunicado, onde refere a cimeira abordará os problemas relacionados com os países onde o sistema nacional anti-doping “tem sido ineficaz”.

A cimeira decorrerá à porta fechada, em Lausana, Suíça, ao que se seguirá uma conferência de imprensa protagonizada pelo presidente do COI, o alemão Thomas Bach.

Doping institucionalizado

Na sexta-feira, a Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) anunciou a manutenção da suspensão da Federação Russa de Atletismo (ARAF) das competições internacionais, o que implicará a não presença daquela potência nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

A Rússia, segunda potência mundial do atletismo, atrás dos Estados Unidos, foi suspensa em novembro de 2015 após um demolidor relatório independente da AMA, em que se denunciava um esquema de doping institucionalizado na Rússia.

No início de maio, a IAAF nomeou o canadiano Richard McLaren para dirigir a equipa que está a investigar as novas acusações de dopagem sobre desportistas russos que participaram nos Jogos Olímpicos de Inverno Sochi 2014, feitas por um antigo chefe do laboratório antidopagem russo.

Grigory Rodchenkov, que se demitiu do cargo em novembro de 2015, afirmou à imprensa norte-americana que os atletas russos nos Jogos de Inverno de 2014 beneficiaram de um sistema de dopagem supervisionado pelo governo russo, estimando que “dúzias de atletas russos, nomeadamente 15 medalhados olímpicos”, beneficiaram desse sistema.

Na base da suspensão da Autoridade Antidopagem de Portugal (ADoP), estarão a falta de independência do laboratório, os atrasos dos resultados dos relatórios e falhas na aplicação de métodos obrigatórios para deteção de substâncias.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Envolvido em escândalo financeiro, cardeal Becciu renunciou ao cargo no Vaticano

O prefeito da Congregação da Causa dos Santos, o cardeal Angelo Becciu, resignou esta quinta-feira ao cargo e aos seus direitos enquanto cardeal, numa altura em que vê o seu nome envolvido num escândalo financeiro, …

Nanocorpo de alpaca é capaz de bloquear infeção por covid-19

Cientistas do Instituto Karolinska, na Suécia, identificaram um pequeno anticorpo neutralizante - nanocorpo - que consegue bloquear a entrada do Sars-CoV-2 nas células humanas. Uma equipa de investigadores suecos, do Instituto Karolinska, descobriu que um nanocorpo …

A Terra está prestes a capturar uma nova mini-lua. Ficará por cá meio ano

A Terra está prestes a capturar uma mini-lua, que os astrónomos acreditam que ficará presa na gravidade do nosso planeta durante cerca de meio ano. Entende-se por mini-lua um objeto de pequenas dimensões que é …

Cientistas medem, pela primeira vez, a distância até um magnetar na Via Láctea

Com a ajuda do observatório Very Long Baseline Array (VLBA), uma equipa de astrónomos conseguiu medir, pela primeira vez, a distância até ao magnetar XTE J1810-197, localizado na Via Láctea.  Os magnetares são um tipo de …

Detetado fator climático determinante para a propagação do coronavírus

Altas temperaturas combinadas com baixa humidade propiciam que as gotículas contaminadas com o novo coronavírus evaporem mais rapidamente, reduzindo a sua capacidade de infetar pessoas. De acordo com os cientistas, citados pelo canal estatal russo RT, …

Bayern Munique vence Sevilha e conquista a Supertaça Europeia

O Bayern Munique conquistou, esta quinta-feira, a Supertaça Europeia, ao derrotar o Sevilha por 2-1, em Budapeste, na Hungria. Os alemães do Bayern Munique conquistaram a Supertaça Europeia pela segunda vez ao derrotarem os espanhóis do …

Sporting 1-0 Aberdeen | "Leão" eficaz segue para o play-off

O Sporting foi eficaz e assegurou uma vaga no “play-off” de acesso à fase de grupos da Liga Europa. Na noite desta quinta-feira, num embate relativo à 3ª pré-eliminatória da competição, os “leões” bateram o Aberdeen …

A NASA descobriu uma nova forma de aterrar em segurança na Lua

A NASA construiu um sistema totalmente novo que pode tornar a aterragem na Lua e em Marte muito menos arriscada - e já tem planos de testá-lo numa missão futura. De acordo com o TechCrunch, o …

Rio Ave elimina Besiktas e está no play-off da Liga Europa

O Rio Ave venceu os turcos do Besiktas, esta quinta-feira, no desempate por grandes penalidades (4-2), após o 1-1 no tempo regulamentar, em jogo da terceira pré-eliminatória da Liga Europa, seguindo em frente na competição. Em …

Dois dinossauros morreram como as vítimas de Pompeia. Foi há 125 milhões de anos, na China

Um grupo de arqueólogos na China acabou de descobrir dois fósseis de uma nova espécie de dinossauro, que estiveram presos no subsolo por 125 milhões de anos devido a uma erupção vulcânica pré-histórica. Os investigadores …