Termas podem reabrir com triagem prévia e utentes de “baixo risco”

Triagens prévias não presenciais para sintomas da covid-19, admissão apenas de “termalistas de baixo risco” e criação de zonas de isolamento são algumas condições da Direção-Geral da Saúde (DGS) para reabrir as termas.

Na Orientação para Estabelecimentos Termais, publicada na página da Internet da DGS, restringe-se a admissão a utentes “sem sintomas” de infeção pelo novo coronavírus e “sem contacto próximo com casos suspeito ou confirmado”, aferidos por uma “triagem prévia não presencial com um máximo de 72 horas” de antecedência da consulta ou tratamento.

Garantir “uma ventilação adequada de todos os espaços”, reforçar a limpeza e desinfeção das instalações, retirar das salas de espera revistas ou outros objetos que possam ser manuseados por várias pessoas e reduzir o número de termalistas para que, “em todas as atividades, seja maximizado o distanciamento físico de pelo menos dois metros” são outras das determinações da DGS.

“Apenas serão aceites para a realização da consulta e/ou tratamento termal, termalistas de baixo risco (sem sintomas e sem contacto próximo com caso suspeito ou confirmado)”, avisa a DGS.

Já durante a realização do tratamento termal, “é obrigatória a utilização de máscara“. Esta “deve ser usada dentro de todo o espaço termal, incluindo na sala de espera ou receção”, só podendo ser removida “quando o utente estiver no gabinete de consulta e no decorrer dos tratamentos termais, se necessário”.

“A verificação de algum dos sintomas sugestivos de covid-19 implica a suspensão do tratamento”, acrescenta.

O documento sugere a organização de “horários e circuitos de forma a evitar o cruzamento entre pessoas”, alertando que o distanciamento físico deve existir “em cada área comum”, nomeadamente “salas de espera, de repouso e vestiários”.

Quanto tal “não for possível”, devem “ser implementadas medidas alternativas para proteger os termalistas e os trabalhadores, como, por exemplo, a utilização de painéis de separação em vidro ou acrílico e o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI)”.

A ventilação natural deve ser privilegiada e deve ser aumentado “o número de trocas de ar por hora e o fornecimento da maior quantidade possível de ar exterior, quer seja por ventilação natural ou mecânica”.

É ainda necessário “garantir a ventilação/arejamento das salas de tratamento, durante pelo menos uma hora no final de cada período de tratamento/funcionamento”.

A circulação nas áreas de tratamento “deve ser efetuada com utilização de cobre-sapatos ou com chinelos de uso único e exclusivo” e “os têxteis utilizados nos tratamentos (lençóis, toalhas e roupões, etc.) são fornecidos pelo estabelecimento”.

“Os consumíveis descartáveis/dispositivos médicos de uso único depois de utilizados e os restantes resíduos produzidos, devem ser acondicionados em contentores de resíduos de abertura não manual. Devem ser recolhidos no final de cada ciclo de tratamento e transportados em saco já selado nunca ultrapassando um terço da sua capacidade. Nunca devem ser calcados, nem deve ser apertado o saco para sair o ar”, descreve a DGS.

Perante a identificação de um caso suspeito, este “deve ser encaminhado para a área de isolamento, pelos circuitos definidos no plano de contingência”.

Havendo um caso confirmado, “deve ser providenciada a limpeza e desinfeção da área de “isolamento”, reforçada a limpeza e desinfeção das superfícies frequentemente manuseadas e que foram mais utilizadas pelo doente”, com “especial atenção aos locais onde este circulou/permaneceu”.

O documento, que visa regulamentar a reabertura dos estabelecimentos termais, recorda que “todos tomaram a iniciativa de suspender a atividade na segunda semana de março de 2020” como “medida de adesão à estratégia generalizada de evicção social para o combate à pandemia”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Tribunal de Justiça da UE rejeita recurso de suspeito do caso Maddie

O Tribunal de Justiça da União Europeia rejeitou, esta quinta-feira, o recurso de Christian B. contra a sua detenção, após ser extraditado para a Alemanha por um juiz italiano, em execução de mandado europeu. Christian B. …

Antigo gestor de Isabel dos Santos denuncia "contrato falso" da Sonangol

O antigo assessor da empresária Isabel dos Santos na Sonangol, Mário Leite da Silva, queixou-se junto de reguladores internacionais sobre um “contrato falso” que terá lesado a petrolífera angolana em 193 milhões de euros em …

Presidente do Líbano pede ajuda na ONU para a reconstrução pós-explosão

O Presidente do Líbano, Michel Aoun, pediu na quarta-feira à comunidade internacional apoio para a reconstrução do principal porto do país e dos bairros de Beirute destruídos pela catastrófica explosão ocorrida em agosto. Na sua intervenção pré-gravada …

Ninguém foi indiciado pela morte de Breonna Taylor. Dois polícias baleados durante protestos

Um painel de jurados do Kentucky indiciou esta quarta-feira apenas um polícia por disparar contra apartamentos na vizinhança, mas não avançou com acusações contra nenhum polícia na morte da jovem negra Breonna Taylor. Imediatamente após o …

Multas de transportes públicos não são cobradas há três anos (e já chegam aos 17,6 milhões de euros)

As multas nos transportes públicos não estão a ser cobradas desde setembro de 2017 e já chegam a mais de 17,68 milhões de euros. As primeiras multas desde que foi alterado o regime de sanções, …

Football Leaks. PGR e FPF só souberam de ataques informáticos pela PJ

A Procuradoria Geral da República (PGR) e a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) só souberam que tinham sido alvo de ataques informáticos através da Polícia Judiciária (PJ), revelou esta quinta-feira o inspetor José Amador no …

Governo prolonga prazo das moratórias até setembro de 2021. Portugal em contingência até 14 de outubro

O Conselho de Ministros decidiu prorrogar, esta quinta-feira, a vigência da situação de contingência em Portugal continental até às 23h59 de 14 de outubro. As moratórias de crédito foram prolongadas até 30 de setembro de …

Trump diz que diretrizes mais rigorosas para aprovação de vacina são “jogada política”

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse, esta quarta-feira, que a Casa Branca “pode ou não” aprovar novas directrizes da Food and Drug Administration. As novas diretrizes para aprovação de vacina contra a covid-19 exigem …

Maduro insta ONU a criar fundo que garanta alimentos e medicamentos

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, propôs que a Organização das Nações Unidas (ONU) crie um fundo rotativo de compras públicas para garantir o acesso a alimentos e a produtos de saúde, financiado com recursos …

Mais três mortes e 691 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta quinta-feira, mais três mortes e 691 novos casos de infeção por covid-19 em relação a quarta-feira, mostra o boletim mais recente da Direção-Geral de Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da …