/

“Primeira onda de calor do ano”. Temperaturas acima dos 40 graus nos próximos dias

A primeira onda de calor do ano chegou esta terça-feira e os termómetros vão passar os 40 graus em algumas regiões de Portugal.

Patrícia Gomes, meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) referiu ao Público que “o calor que vamos sentir nos próximos dias deve-se à posição dos centros altos de ação. Vamos ter uma zona anticiclónica em altitude, um vale depressionário à superfície, e a massa de ar quente oriunda do Norte de África entra em circulação desse centro de ação e transporta o calor até à Península Ibérica”.

A meteorologista explica que “a partir do dia 13 de Agosto, muitos locais do interior norte e centro e do Alentejo poderão ter temperaturas superiores a 40 graus. Estas temperaturas podem estender-se até ao dia 14 ou até dia 15”, analisa Patrícia Gomes.

Ainda assim, as regiões norte e o litoral do país não serão tão afetados por esta massa de ar quente.

Antecipa-se que Lisboa irá registar 36 graus na sexta e no sábado e 34 graus no domingo. Mais a norte, o Porto deverá ronda os 25 e os 26 graus durante este período e Braga vai chegar aos 35 graus na sexta-feira e 36 no sábado.

As temperaturas mais altas serão registadas no Alentejo. Beja atingirá os 42 graus e Évora os 43 graus. A região do Algarve terá temperaturas semelhantes.

A especialista alerta ainda que não é apenas durante o dia que que estas temperaturas se vão fazer sentir.

“Esta noite já se esperam temperaturas quentes, a rondar os 20 graus, no Algarve. Ao longo da semana, as temperaturas quentes da noite acabam por se estender ao Alentejo e à zona centro. Até dia 14, as temperaturas vão estender-se ao resto do país”, refere.

Esta terça-feira já foi emitido um alerta para as regiões que serão mais afetadas, nomadamente, Vila Real, Bragança, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Évora e Beja, portanto os distritos do interior norte e centro e do Alentejo.

Estas temperaturas são normais para a época do ano em que estamos, sendo que esta é “a primeira onda de calor do ano”, remata a especialista.

  ZAP //

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.