TAP pode precisar de 3,7 mil milhões de euros até 2024

Tiago Petinga / Lusa

O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Pedro Nuno Santos

No pior cenário, o montante máximo da ajuda pública à TAP pode variar entre os 3.414 milhões de euros e 3.725 mil milhões de euros até 2024, avisa Pedro Nuno Santos.

O plano de reestruturação está a ser a apresentado esta sexta-feira e o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, avisou que, no pior cenário, as necessidades da TAP podem variar entre os 3.414 milhões e os 3.725 milhões de euros.

O apoio do Estado à companhia aérea vai variar entre 970 milhões e 1.074 milhões de euros e, de acordo com o governante, será dado através de garantia pública a um empréstimo junto de terceiros.

O pior cenário mencionado por Pedro Nuno Santos pode tornar-se uma realidade caso em 2024 a TAP não consiga financiar-se em mercado sem uma garantia pública. Na eventualidade de isto se vir a verificar, o ministro sugere que o montante de 3,4 mil milhões de euros deverá ser o mais realista.

Ainda assim, avisa que o país tem de estar preparado para os piores cenários, ou seja, a incapacidade de financiamento da TAP no mercado.

“Em 2021, a TAP precisará entre 970 milhões de euros e 1164 milhões de euros. É um intervalo que depois decorre do que acontecerá em 2021. Em princípio, em 2022 entre 473 milhões de euros e 503 milhões de euros, de necessidades de financiamento da TAP. Não quer dizer que terá de ser com garantia pública, queremos que a TAP já se possa financiar sozinha no mercado, mas temos de estar preparados como país para o pior cenário. Em 2023, entre 379 e 438. Em 2024, o último ano em que a TAP terá necessidade de financiamentos adicionais, 392 e 420 milhões de euros”, disse o ministro.

Citado pelo Observador, Pedro Nuno Santos diz que a insolvência foi um cenário estudado, mas “entrávamos num processo incontrolado e com custos imprevisíveis e que poderiam ser muito superiores se levassem à perda de slots (disponibilidade nos aeroportos para movimentos de aviões reservadas para a empresa)”.

“Foi avaliada e foi abandonada porque teria custos para o Estado e imprevisíveis para a nova companhia aérea”, acrescentou.

Pedro Nuno Santos foi ainda confrontado com a divergência entre si e António Costa no que toca à votação do plano de reestruturação da TAP no Parlamento. O governante disse que a sua vontade “é conhecida” e que “pouco mais há a dizer”.

“Em qualquer organização, empresa ou famílias, as pessoas não pensam todas da mesma maneira. Chegamos a resultados a partir de pontos de partida diferentes. Assunto arrumado”, explicou.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Portugal tem 80% da população com a vacinação completa. Faltam administrar 400 mil doses — mas a quem?

De acordo com as previsões das autoridades de saúde, Portugal deveria atingir a meta de 85% da população com o esquema vacinaal completo em outubro, pelo que ficam a faltar 400 mil doses. Portugal atingiu esta …

Entidade para a Transparência está há dois anos para sair do papel (e pode só chegar em 2024)

A nova Entidade para a Transparência está há dois para sair do papel e até pode só começar a funcionar em 2024. A lei que a criou é de 13 de setembro de 2019, mas até …

Sheriff, o clube que representa um país que oficialmente não existe, faz história na Champions

Na sua estreia absoluta na Liga dos Campeões, o Sheriff Tiraspol venceu o Shakhtar por 2-0. O clube representa um país que, oficialmente, não exista: a Transnístria. Sheriff Tiraspol foi fundado em 1997 por antigos membros …

Costa foi dar um empurrão ao "amigo" Manuel Machado (e tirou da cartola uma maternidade para Coimbra)

Manuel Machado corre o risco de perder a autarquia e, por isso, António Costa foi dar-lhe um empurrão esta quarta-feira, com a promessa de uma nova maternidade que irá avançar três semanas depois das eleições. …

Entre críticas às “ciclovazias”, Medina ouviu mais e falou menos (e ainda houve um debate à esquerda)

O último debate dos candidatos à Câmara de Lisboa aconteceu ontem na RTP, sendo que os temas de maior destaque voltaram a ser a habitação, mobilidade, turismo e alterações climáticas. Os doze candidatos não pouparam esforços …

Farmácias já estão a aceitar reservas de vacinas contra a gripe

Este ano, as farmácias portuguesas vão voltar a administrar gratuitamente a vacina contra a gripe a pessoas com mais de 65 anos. Para já, ainda não há data para o início da venda e imunização, mas …

Golo de Taremi foi bem anulado? Especialistas esclarecem decisão

Muitos contestam a anulação do golo de Taremi já perto do fim da partida. Especialistas em arbitragem defendem que a decisão foi bem tomada. Atlético de Madrid e FC Porto empataram a zero na primeira jornada …

Nova espécie massiva de há 500 milhões de anos descoberta no Canadá

Espécie terá sido uma gigante dos oceanos, amedrontando presas com a sua carapaça, situada na zona da cabeça, que cobria dois terços do seu corpo. Uma equipa de cientistas descobriu na última semana um fóssil de …

Porque morrem tantos americanos?

Nos últimos 30 anos a esperança média de vida nos Estados Unidos da América não acompanhou as melhorias verificadas na Europa. "A América tem um problema relacionado com a morte". Assim começa uma análise, em espécie …

Já há turmas inteiras em casa devido a casos positivos de covid-19

As aulas da maioria das escolas arrancaram esta semana e já há turmas inteiras em casa, devido a casos positivos de covid-19. Tema será discutido na reunião do Infarmed, que acontece esta quinta-feira. Com o início …