Talho vende carne com foto de mulher na praia. MDM já apresentou queixa

Talho Carnes Sá da Bandeira em Vila Nova de Gaia

Um talho de Vila Nova de Gaia utilizou vários cartazes publicitários com a imagem de uma mulher na praia para promover a venda de carne de porco, de vitela e de frango. Os cartazes já foram retirados e o Movimento Democrático de Mulheres queixou-se à Comissão para a Igualdade de Género.

A publicidade em causa é do Grupo Carnes Sá da Bandeira, de Vila Nova de Gaia. Nos cartazes anuncia-se a venda de carne de vitela branca ou de lombo para assar e de coxas de frango, associando-a à imagem de uma mulher em biquíni na praia.

O grupo já veio, entretanto, pedir desculpa pelo “mal-entendido”, depois de ter despoletado a polémica, e retirou os cartazes da montra.

O Movimento Democrático de Mulheres (MDM) já apresentou queixa à Comissão para a Igualdade de Género por causa da publicidade, alegando que está farto de ver o corpo da mulher a servir, “subliminar ou explicitamente, para vender todo o tipo de produtos, num mercado que tem interesse em vender e que sabe que assim assegura melhor esse objectivo”.

“Dirão alguns que `o mal está nos olhos de quem o vê`. Outros, talvez, que as imagens não estarão associadas ao produto, mas sim à estação do ano”, escreve o MDM no texto da queixa, sublinhando que “é tempo de dizer que as mulheres não são mercadoria, não são produtos vendáveis, nem podem os seus corpos ser usados como tal”.

O MDM diz que a prática é “vexatória” e que “ajuda a manter estereótipos de género, a disseminar e a naturalizar o desrespeito pelas mulheres enquanto seres humanos, desrespeito esse que incita à submissão, ao escárnio e à própria violência contra as mulheres”.

“Este tipo de publicidade viola claramente o Código da Publicidade, que no seu Artigo 7.º (Princípio da licitude) proíbe a publicidade que, pela sua forma, objecto ou fim, ofenda os valores, princípios e instituições fundamentais constitucionalmente consagrados, bem como proíbe publicidade que atente contra a dignidade da pessoa humana e contenha qualquer discriminação em relação à raça, língua, território de origem, religião ou sexo”, acrescenta o Movimento.

O MDM pede a intervenção da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género junto das entidades competentes para a fiscalização e instrução de processos de contra-ordenação para que se apurem todas as responsabilidades e consequências.

A Carnes Sá da Bandeira fala do caso como um “mal-entendido”, alegando na sua página do Facebook que, “à semelhança do ano anterior, foram elaborados cartazes alusivos ao Verão cuja associação de imagens levou a interpretações” que não ocorreram à empresa.

A empresa também frisa que já retirou os cartazes, pedindo “desculpa pelo sucedido” e constatando que “em momento algum” teve a “intenção de ofender quem quer que fosse”.

A Carnes Sá da Bandeira sublinha ainda estar no mercado há 30 anos “com respeito, consideração, deferência e muito apreço por todos os seus clientes, fornecedores e pessoas em geral”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Se estiver um rapazinho no cartaz, já pode ser?? Se em vez das queixas se dedicassem a coisas importantes!… A função da publicidade é captar atenções para uma mensagem comercial… logo a imagem da praia cumpre perfeitamente o objectivo! Parecem nazis… qualquer dia em vez de cotas de 50-50 (para evitarem a regra do mérito) vão conseguir impôr quotas de 90-10!… Estou farto de feminazismos!!

  2. Que futilidade e que implicância gratuita! Ocupem-se com coisas úteis.
    Sou mulher e não me senti ofendida com o cartaz!
    Abaixo este fundamentalismo!!

  3. Eu vi o cartaz e vamos lá todos com calma refletir um pouco. Pôr uma mulher, quase toda descascada, na praia e por baixo dizer o preço a que está o quilo da vaca… parece-me excessivo.
    No mínimo estão a chamar vaca à mulher e admite-se a possibilidade que a criatura até estará à venda.

  4. Congratulo-me por constatar a presença de mulheres a desvalorizarem esta situação.
    Isto está a tomar proporções, que são afinal as previsíveis.
    As radicais estão a aproveitar a ‘boleia’ do clima instalado e nem se apercebem que é por causa destes fundamentalismos que ‘surgem’ os TRUMPS e todos os que ouvem o que ele diz.
    porque:…..ESTÃO FARTOS DESTE FASCISMO POLITICO-CORRECTO!!!!!Vamos lá chamar os BOIS (ou as VACAS) pelo nome.
    E quem se ofender,…enerve-se e esconda-se. (tenrinhos da mer**)

  5. Se na imagem constasse um casal na praia ou apenas uma foto de praia ou de um aquashow talvez não houvesse mal entendidos. Convenhamos que para vender vitela branca, tiras de entrecosto, costeletas, lombo e coxas de frango a imagem não é lá muito apropriada.

Responder a Hoje Cancelar resposta

Sindicato da PSP apaga publicação que insinuava que mulher detida na Amadora tinha "doenças graves"

O Sindicato Unificado da Polícia de Segurança Pública (PSP) eliminou uma publicação que tinha feito na sua página oficia de Facebook, na qual se referia ao caso de Cláudia Simões, a mulher que foi detida …

Atletas do Sporting são tratados por médicos da clínica de Varandas

Os atletas sportinguistas são tratados por médicos que partilham funções entre o clube e a Comcorpus, clínica que pertence ao presidente 'leonino', Frederico Varandas. O jornal Público avança esta sexta-feira que muitos dos médicos do departamento …

China confirma a 26ª vítima mortal do novo coronavírus e alarga quarentena de 33 milhões de pessoas

A China anunciou esta sexta-feira a morte de uma pessoa devido ao coronavírus, perto da fronteira com a Rússia, a segunda fora do epicentro do surto, com origem na cidade de Wuhan, aumentando para 26 …

A erupção do Vesúvio transformou o cérebro de uma pessoa em vidro

O Vesúvio entrou em erupção em 79 d.C, assolando assentamentos num raio de 20 quilómetros. Um novo estudo mostra que a intensa explosão de calor transformou o cérebro de uma pessoa em vidro. Nos anos 1960, …

PCP quer reposição da reforma aos 65 anos

O Partido Comunista Português propôs esta quinta-feira, no debate na especialidade do Orçamento do Estado de 2020 (OE2020), a reposição da idade legal de reforma nos 65 anos e dos 25 dias de férias na …

OE2020. Carga fiscal é ainda maior do que o previsto, alerta UTAO

O conceito de carga fiscal usado pelo Ministério das Finanças na proposta orçamental não corresponde ao utilizado pelo INE e pela Comissão Europeia, afirma a UTAO, dando que o valor é “ainda maior” do que …

A matemática ensina-lhe como tirar a chávena de café perfeita

Através de um modelo matemático, uma equipa de cientistas conseguiu encontrar a forma perfeita de fazer uma chávena de café expresso. Para além de ser mais saboroso, há um menor desperdício. Já alguma vez se perguntou …

Irmã de Isabel dos Santos desafia empresária a devolver 75 milhões a Angola

A ex-deputada do MPLA Welwitschia (Tchizé) dos Santos desafiou esta quinta-feira a irmã Isabel a devolver 75 milhões de euros ou dólares a Angola "para resolver o problema", argumentando que "Angola é de todos". "Como cidadã, …

Dakar novamente de luto. Morreu o piloto holandês Edwin Straver

Morreu o piloto holandês Edwin Straver, que estava internado em estado crítico na sequência de uma queda de mota no rali Dakar, na Arábia Saudita. Edwin Straver, piloto de 48 anos da KTM, estava hospitalizado em …

Armas roubadas ao exército suíço encontradas em Vila Nova de Paiva

Um homem foi identificado pelo núcleo de investigação de Moimenta da Beira da GNR, distrito de Viseu, por posse armas que tinha sido roubadas ao exército suiço, avança a agência Lusa esta sexta-feira.  As armas estavam …