Supremo Tribunal aceita recurso da família de Franco para travar exumação

Sigils / Wikimedia

El Valle de los Caídos, Espanha

O Supremo Tribunal espanhol aceitou o recurso da família de Franco que tem como objetivo travar a exumação dos restos mortais do ditador do Vale dos Caídos.

O Supremo Tribunal de Espanha aceitou o recurso interposto pela família de Francisco Franco contra o acordo do Conselho de Ministros, de 8 de novembro, que decidiu prosseguir com os procedimentos administrativos para exumar os restos mortais do antigo ditador.

Celsa Pico, a magistrada responsável pelo caso, acordou também abrir um processo separado que tem como objetivo a suspensão do acordo, algo que é reivindicado pela família de Franco.

Segundo o El Español, em caso de aprovação a medida cautelar poderá paralisar o processo de exumação até que seja ditada uma sentença sobre o fundo de recurso.

A 24 de agosto, o Governo de Sánchez aprovou um decreto-lei para alterar a Lei da Memória Histórica, com a finalidade específica de exumar o ditador espanhol e retirar os seus restos mortais do Vale dos Caídos que, a partir de agora, seria um “lugar de comemoração, evocação e homenagem às vítimas” da Guerra Civil onde “só poderão repousar os restos mortais” daqueles que morreram no conflito.

Em setembro, o Congresso espanhol deu luz verde à exumação, sendo que a maioria absoluta dos deputados aprovou a retirada dos restos mortais do ditado do Vale dos Caídos. Dias depois, a família de Franco anunciou que iria tentar todas as possibilidades legais ao seu alcance para impedir a exumação.

A família adiantou ainda que não estava disponível para colaborar “ativa ou passivamente” na decisão do Governo. Nesse sentido, escreve o Observador, a família expressava “confiança nos tribunais e na legislação atual“, que consideravam ter sido “violada gravemente” pelo texto legal, e especialmente na Comunidade Beneditina a quem foi confiada a guarda dos restos mortais.

A família recordou ainda que esta ordem religiosa “afirmou que não vai aceder a qualquer exumação que vá contra a família do falecido”, esperando assim que o governo desista de “um ato de vingança revanchista inédita no mundo civilizado“.

Apesar de ter admitido um atraso nos planos iniciais, Pedro Sánchez garantiu, a 7 de novembro, que “a exumação vai acontecer”. “Em 2019, finalmente e após 41 anos, não vai existir nenhum mausoléu no nosso país que homenageie o ditador Franco.”

A data apontada pelo Presidente do Governo espanhol está agora dependente das decisões do Supremo Tribunal espanhol.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Morreu um dos jovens infetados com peste negra na Mongólia

Morreu um dos jovens infetados com peste bubónica, também conhecida como peste negra, na Mongólia. O rapaz contraiu a doença depois de ter comido carne de marmota. Um jovem de 15 anos morreu, esta segunda-feira, vítima …

PCP quer Costa no Parlamento de 15 em 15 dias (e não vai contribuir para acabar com os debates quinzenais)

O PCP não concorda que será o fim da democracia caso os debate quinzenais passem a mensais. No entanto, não vai contribuir para acabar com este modelo. Ao Expresso, o deputado comunista António Filipe Duarte garantiu …

"Espero contar tudo o que sei". Cientista chinesa fugiu da China para alertar que "não temos muito tempo"

A virologista chinesa Li-Meng Yan, que fugiu para os Estados Unidos, deu uma segunda entrevista à Fox News, na qual alertou que "não temos muito tempo".   Li-Meng Yan, especialista em virologia e imunologia, era uma …

Galp perde 60 milhões de euros em negócios não autorizados

A Galp perdeu 60 milhões de euros em negócios não autorizados com licenças de CO2. A petrolífera já avançou com ações disciplinares e uma auditoria. A Galp informou que foram identificadas transações, não autorizadas pela empresa, …

"Bandeira vermelha". Tóquio em alerta máximo após aumento de novas infeções

A capital do Japão, Tóquio, com 14 milhões de habitantes, está no nível mais alto de alerta para o novo coronavírus após um aumento dos casos registados. “Os especialistas disseram-nos que a situação das infeções está …

Operação Saco Azul. Empresas "zombie" terão desviado 1,8 milhões do Benfica

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, e a SAD do clube lisboeta foram constituídos arguidos pelo crime de fraude fiscal, no âmbito da operação ‘saco azul’, confirmou esta terça-feira à agência Lusa fonte oficial …

Maçãs com preços em alta, menos vinho e cerveja a estragar-se (os efeitos da pandemia)

A pandemia de covid-19 está a levar milhares de litros de cerveja a estragar-se, enquanto os produtores de vinho temem uma quebra na produção e, logo, nos lucros. Enquanto isso há menos maçãs e mais …

TAD anula sanção de cinco jogos à porta fechada ao Benfica

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) deu provimento ao recurso do Benfica e revogou a sanção de cinco jogos à porta fechada imposta pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) ao clube, pelo apoio prestado a …

Costa vira à esquerda, mas Catarina Martins diz que "não pode ser só conversa"

Esta quarta-feira, António Costa lança as negociações para o Orçamento do Estado para 2021 com os partidos que, até aqui, foram seus aliados. O primeiro-ministro insiste que o caminho da sua governação passa por entendimentos à …

No novo ano letivo, a Educação Física continua a ser maior incógnita

No início de julho, o Ministério da Educação anunciou algumas orientações sobre o próximo ano letivo que não contemplavam a Educação Física e o futuro da disciplina continua a ser uma incógnita.  Nas escolas, a falta …